conecte-se conosco


Cidades

Vinte equipes participarão de maratona criativa no próximo sábado (03)

Publicado

Vinte e quatro horas para criar um projeto de uma praça idealizada no Jardim Bom Clima, alinhando a características marcantes da cidade com a oferta de um espaço para relaxar, praticar uma atividade física ou promover um encontro entre amigos. Esta é a missão que as 20 equipes inscritas na primeira maratona criativa “Hack The City Bom Clima” terão que cumprir no próximo sábado (03). O evento, fruto de uma parceria entre a Prefeitura de Cuiabá e a Vanguard Home, acontece a partir das 10h, na Central de Apartamentos Decorados da construtora, em frente ao Parque Mãe Bonifácia.

Envolvendo estudantes e profissionais das áreas de engenharia e arquitetura, além de moradores da região, que compartilhem o mesmo desejo de transformar a cidade em lugar melhor, a maratona conta ainda com o apoio do Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento Mato Grosso (IAB-MT). A ideia é que, durante o período estipulado, os grupos- compostos por até três integrantes – desenvolvam um projeto arquitetônico e paisagístico para a edificação de uma área de lazer no bairro localizado na região Norte da Capital.

Leia mais:  Mais de 40 mil mudas são plantadas em Cuiabá

Para o secretário municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, Juares Samaniego, a iniciativa, que envolverá tanto profissionais como moradores da localidade, é louvável. “Precisamos de mais ideias e inovações como essa. A criação de uma cidade melhor para se viver depende do envolvimento de todos. E pegar um espaço público desativado e transformar em um local para comunidade só traz benefícios a todos”, afirma.

O projeto deverá contemplar: calçadas, meio-fio, estacionamento, espaço para estacionamento de food truck – com área de apoio de mesas e cadeiras, espaço multiuso, que possa ser usado como quadra esportiva, local para passeios de pets de estimação e playground para crianças e idosos. Além disso, é necessário aproveitar o projeto de iluminação, que já foi desenvolvido. Durante o fim de semana, os selecionados contarão com uma estrutura toda pensada para o bom desempenho das equipes.

As plantas concluídas serão avaliadas por uma comissão julgadora, formada por colaboradores da Vanguard Home, levando em conta a criatividade, originalidade, utilidade prática e possibilidade de implementação. A equipe vencedora, além de dar sua contribuição na construção de uma importante área para a comunidade, ganhará uma premiação na quantia de R$ 5.100. Segundo o gerente regional da construtora, Marcio Ferreira, a expectativa para a maratona será a de fomentar olhares atenciosos para a identidade local.

Leia mais:  INSS adia para setembro retomada do atendimento presencial em agências

 

“Queremos valorizar esse espaço público e esperamos que os projetos se inspirem em elementos da cultura de Cuiabá, que trabalhem o sentimento de pertencimento. Os participantes, de acordo com o regulamento, terão que levar seus computadores, mas ofereceremos internet de alta velocidade, material de suporte, alimentação variada e espaço de descanso. Tudo preparado para estimular a elaboração de propostas viáveis e inovadoras”, ressalta Ferreira.

 

Para mais informações ligue: 3616-7364 ou acesse o regulamento no link: bit.ly/regulamentobomclima

 

Serviço

Maratona “Hack The City Bom Clima”

Quando: 03 de novembro

Horário: a partir das 10h

Onde: Central de Apartamentos Decorados da Vanguard Home, em frente ao Parque Mãe Bonifácia

(Com informações assessoria da Vanguard Home)

 

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Mato Grosso registra 43 mortes em 24h; UTIs continuam lotadas

Publicado

Taxa de ocupação está em 97% para UTIs adulto e em 59% para enfermarias

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta sábado (10.04), 328.805 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 8.530 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado. Foram 43 mortes apenas nas últimas 24 horas.

Foram notificadas 1.356 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 328.805 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 12.804 estão em isolamento domiciliar e 305.369 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 518 internações em UTIs públicas e 513 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 97,92% para UTIs adulto e em 59% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (70.086), Rondonópolis (24.674), Várzea Grande (21.290), Sinop (16.565), Sorriso (12.044), Tangará da Serra (11.179), Lucas do Rio Verde (10.796), Primavera do Leste (9.553), Cáceres (7.114) e Alta Floresta (6.392).

Leia mais:  Mato Grosso ultrapassa 22 mil confirmações de coronavírus

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

O documento ainda aponta que um total de 293.671 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 1.515 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na sexta-feira (09), o Governo Federal confirmou o total de 13.373.174 casos da Covid-19 no Brasil e 348.718 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país contabilizava 13.279.857 casos da Covid-19 no Brasil e 345.025 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados deste sábado (10).

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança.

Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

Leia mais:  Prefeitura de Cuiabá publica retificação em edital de convocação

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana