conecte-se conosco


Política

Vereador Orivaldo recebe Projeto da Construção de Laboratório no Horto

Publicado

class=”olho”>RÁDIO CÂMARA MUNICIPAL DE CUIABÁ
01/03/2019
Vereador Orivaldo recebe Projeto da Construção de Laboratório no Horto
Na manhã desta sexta-feira (01), o 2º Secretário da Mesa Diretora, Vereador Orivaldo da Farmácia (PRP), recebeu em seu gabinete o Gerente do Horto Florestal Aloizio Miranda, as Biólogas e Professoras Vera Lúcia e Suely Kawaharo e o Engenheiro Civil Walter Kawaharo. Durante a reunião os visitantes entregaram ao Vereador Orivaldo o Projeto da Construção de Sala de Botânica/Sala de Beneficiamento de Sementes.
Essa unidade está sendo planejada para permitir que se produzam mudas nativas de qualidade e que possam atender as demandas do Horto Florestal Tote Garcia, da Secretaria do Meio Ambiente e todas as demandas do estado de Mato Grosso.
O novo viveiro contará com novos espaços que contribuirão com a melhora na qualidade de toda a cadeia produtiva, como sala para beneficiamento de sementes, sala de armazenamento de sementes, laboratório de sementes, sala de insumos e banco de dados.
O Vereador Orivaldo da Farmácia destinou de sua emenda parlamentar R$ 50,000 mil reais para a construção dessas salas. O projeto foi voluntariamente realizado pelo Engenheiro Civil Walter Kawaharo. “São salas que o Horto precisa para germinação de sementes, mas também um sonho antigo, então realizei este projeto voluntário porque é disso que a sociedade precisa, de pessoas que se dedica por causas boas como a do Horto Florestal”. Pontua Walter.
Após apresentação do projeto ao Vereador seu destino agora será a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano. “Irei pessoalmente encaminhar este Projeto ao Secretário de Meio Ambiente Juarez Samaniego para análise e adequações, após a liberação ele passará pelo processo licitatório e em seguida será executado, vamos está acompanhando todo processo para que seja realizado o mais rápido possível.” Conclui o Parlamentar.
Assessoria de Comunicação
Josiane Barros

Imprimir Voltar Compartilhar:  

Comentários Facebook
Leia mais:  PF investiga elo de Guedes com suspeitas em fundos de pensão
publicidade

Política

TSE lança tira-dúvidas no WhatsApp

Publicado

Para ajudar a tirar dúvidas dos eleitores, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) lançou um assistente virtual que funciona pelo aplicativo do WhatsApp. Chamado de “Tira-Dúvidas Eleitoral no WhatsApp”, o recurso foi lançado com o objetivo de facilitar o acesso do eleitor a informações relevantes sobre as eleições municipais de 2020 e reforçar o combate à desinformação durante o período eleitoral.

O tira-dúvidas funciona por meio de um chatbot ou bot (assistente virtual), como também é chamado, que traz informações sobre diferentes temas de interesse do eleitor, desde cuidados com a saúde para votar, informações sobre dia, horário e local de votação até dicas para mesários e informações sobre candidatura, entre outros temas.

Para interagir com o assistente virtual, basta acessar a câmera do seu celular e apontá-la para o QR Code, ou adicionar o telefone +55 61 9637-1078 à sua lista de contatos, ou por meio do link wa.me/556196371078.

A cada tema apresentado, o chatbot  oferece uma série de tópicos para o eleitor escolher. Após digitar o número do tópico escolhido, o assistente virtual apresenta as informações solicitadas.

Leia mais:  CCJR analisa PLOA nesta terça-feira

Segundo o TSE, o assistente virtual oferece ainda um serviço voltado exclusivamente ao esclarecimento de notícias falsas, as chamadas fake news, envolvendo o processo eleitoral brasileiro. O tópico, chamado de “Fato ou Boato?” disponibiliza ao usuário alguns conteúdos desmentidos por agências de checagem de fatos.

Por meio dele é possível desmistificar “os principais boatos sobre a urna eletrônica ou assistir a vídeos do biólogo e divulgador científico Átila Iamarino, com dicas de como identificar conteúdos enganosos disseminados por meio da internet durante a pandemia de covid-19, informou o TSE.

Além disso, o TSE firmou acordo com representante do setor de telecomunicações no Brasil, para garantir que usuários possam acessar conteúdos do site da Justiça Eleitoral sem gastar seu pacote de dados entre setembro e novembro, no período que vai desde a campanha eleitoral até o fim do segundo turno.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana