conecte-se conosco


Tecnologia

Tudo em um: novo PC gamer vem com PS4 ou Xbox One embutido

Publicado

Olhar Digital

PC gamer arrow-options
Reprodução

Computador vem com videogame embutido


O PC para jogos tem suas vantagens em relação aos consoles , mas muitas vezes fazem faltas alguns dos exclusivos. Agora a Origin , montadora de desktops personalizados voltados para games que pertence à Corsair, resolveu colocar um fim nesse dilema com a apresentação do Big O , um PC que também conta com um PS4 Pro ou um Xbox One X por baixo do capô.

A ideia original do Big O era ainda mais ambiciosa. A Origin tinha o plano de colocar os três principais consoles ( PS4, Switch e Xbox One ) junto do PC, o que criaria uma máquina capaz de rodar todos os jogos da atualidade. No fim das contas, a empresa optou por reduzir a escala do projeto, fazendo com que o consumidor tenha que escolher entre o combo PC-Xbox e o combo PC-PS4 . Não há a opção do Switch .

Leia também: Microsoft anuncia Xbox Series X no Game Awards; assista ao vídeo

Para montar essa quimera, a Origin foi além de simplesmente encaixar o console dentro do gabinete. Houve uma preocupação em desmontar o console original para integrá-lo ao Big O, com direito às duas câmaras compartilhamento o mesmo sistema de resfriamento a líquido.

Leia mais:  Design do Samsung Galaxy A71 é revelado em vazamento

A parte PC do dispositivo ainda pode ser configurada para as especificações que mais agradarem o cliente, o que significa que é possível contar com um processador AMD, modelo Ryzen 9 3900X, ou um chip Intel i9-9900K, dependendo de qual lado da guerra dos processadores o cliente defende. Também é possível embutir uma placa de vídeo Nvidia GeForce RTX Titan, com 24 GB de memória de vídeo, e até 64 GB de memória RAM.

Por razões óbvias, não é possível mexer muito nas configurações do lado do console do aparelho, mas é possível fazer alguns ajustes, sim. O comprador pode escolher se prefere armazenamento em SSD , que pode acelerar o carregamento de jogos e dar um ganho de desempenho para a máquina.

Leia também: Vídeo revela novo design do PlayStation 5; assista

O Big O, no entanto, não é nem um pouco barato. A versão mais barata do dispositivo custa nada menos do que US$ 2.500, e, dependendo das configurações, o preço pode chegar a mais de US$ 7.000. Assim, é um produto para poucos, mas que pode ser interessante para um público específico: jornalistas que cobrem videogame , youtubers e streamers podem se beneficiar da conveniência de um único aparelho para tudo.

Leia mais:  Crimes cibernéticos: demora na ação de provedores dificulta investigações

Quem estiver disposto a investir esse dinheiro pesado no Big O deve levar em conta que, neste caso, a versão PS4 tende a ser mais vantajosa. Isso porque a maior parte dos jogos exclusivos de Xbox já estão naturalmente disponíveis no PC , como parte do projeto Xbox Play Anywhere , criado para integrar os ecossistemas da Microsoft .

Comentários Facebook
publicidade

Tecnologia

WhatsApp deixa de mostrar status ‘online’ e ‘visto por último’, relatam usuários

Publicado

por

O WhatsApp se tornou um dos assuntos mais comentados no Twitter nesta sexta-feira (19) depois que usuários perceberam mudanças inusitadas em seu funcionamento. O aplicativo de mensagens deixou de mostrar o status “online”, “visto por último”, “digitando” e “gravando áudio” em suas conversas. Ao atualizar o aplicativo mudanças serão percebidas.

As novidades deixaram os internautas confusos sobre um possível erro no sistema, já que a empresa de Mark Zuckerberg não anunciou as atualizações. Antes, os usuários do aplicativo conseguiam apenas optar por desabilitar a função de “visto por último” e a de “confirmação de leitura” nas configurações de privacidade.

REUTERS/Thomas White

Segundo o site Downdetector, que monitora o relato de erros em redes sociais, o número de reclamações sobre o mau funcionamento do Whatsapp começou às 13h e atingiu seu pico às 14h.

Downdetector gráfico

Gráfico do Downdetector mostra pico de reclamações sobre mau funcionamento do WhatsApp

Entre os afetados pelas alterações repentinas, existem os que ficaram felizes pela maior privacidade e aqueles que lamentaram a falta de informações sobre seus contatos. E ainda no final da tarde desta sexta, alguns perfis no Twitter também começaram a relatar o retorno da visualização do status.

Leia mais:  Leilão da Receita Federal tem iPhone 6 a partir de R$ 300

Já entre os concorrentes, o Telegram ironizou a suposta falha no sistema, convidando os insatisfeitos com as novidades a “convidarem um amigo para ficar online” no aplicativo.

Procurada pela CNN, a assessoria do WhatsApp ainda não respondeu ao contato para explicar as mudanças.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana