conecte-se conosco


Carros e Motos

Toyota Corolla ganha novo hotsite que confirma o visual europeu

Publicado

Toyota Corolla
Divulgação

Novo hotsite da próxima geração do Toyota Corolla. Modelo será fabricado em Indaiatuba (SP)

Quando a nova geração do Toyota Corolla foi mostrada há alguns meses no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo, a camuflagem ainda escondia sua dianteira. Isso acabou gerando algumas dúvidas, uma vez que o modelo adota identidades visuais completamente diferentes, dependendo do mercado. Com o lançamento do novo hotsite, a Toyota finalmente confirma que o sedã nacional terá a dianteira do modelo europeu.

LEIA MAIS: Segredo! Honda Civic renovado será lançado no segundo semestre

O lançamento do Toyota Corolla híbrido é um grande sonho para a marca japonesa. Desde 2016, a fabricante vem utilizando unidades do Prius para testar o novo conjunto mecânico, o primeiro em todo o mundo que pode beber tanto gasolina quanto etanol. De acordo com a Toyota, o motor 1.8 híbrido flex tem um dos mais altos potenciais de compensação e reabsorção de emissão de CO2, desde a extração da cana-de-açúcar, passando pela chegada do etanol aos postos de abastecimento e também pela queima do combustível no motor.

Todos os componentes que entram em contato com o combustível, como mangueiras, bomba de combustível, bicos injetores e velas, precisam ser substituídos. Vale lembrar que o combustível de cana-de-açúcar é mais corrosivo que a gasolina. Outra questão é o sistema de partida a frio.

Leia mais:  Confirmado no Brasil, Land Rover Defender é apresentado em Frankfurt

LEIA MAIS: Citroën faz 100 anos com versões especiais para C3, Aircross, Cactus e Lounge

Adaptações no Toyota Corolla

Atualmente, veículos dispensam o inconveniente tanquinho de partida a frio pelo sistema de pré-aquecimento. Em um carro convencional, o aquecimento funciona uma vez a cada ciclo de uso. No caso do Prius flex – que liga e desliga o motor a combustão com frequência – foi necessário desenvolver um sistema de injeção exclusivo. Um propulsor 2.0 de 170 cv também está confirmado – este bebendo apenas gasolina.

LEIA MAIS: Volkswagen lança versão mais potente do Jetta, com motor 2.0 de 230 cv

Vale lembrar que o seu principal rival, o Honda Civic, também irá mudar no segundo semestre para acompanhar as mudanças do Toyota Corolla . Por outro lado, será apenas uma reestilização básica para refrescar a décima geração do sedã.

Fonte: IG Carros
Comentários Facebook
publicidade

Carros e Motos

Novo Chevrolet Tracker é visto durante testes em São Paulo. Chega em 2020

Publicado

por

source
Chevrolet Tracker arrow-options
Paulo Rogério/Auto Aventura

Chevrolet Tracker roda com camuflagem pesada, mas já tem data limite para chegar às concessionárias

A próxima geração do Chevrolet Tracker já está sendo testada nos arredores da fábrica de São Caetano do Sul (SP), e o flagra cedido ao iG pelo site  Auto Aventura comprova que o projeto está em etapas avançadas. Marcado para estrear em nosso mercado durante o primeiro trimestre de 2020, o SUV contará com nova plataforma, motores turbo e internet a bordo.

LEIA MAIS: Veja todos os lançamentos da Chevrolet no Brasil até 2023

Na comparação com o Tracker atual, a nova geração apresentada na China tem 4,27 metros de comprimento (ante 4,25 m) e 2,57 m de entre-eixos (ante 2,55 m). Esses números podem mudar com a produção nacional, em São Caetano do Sul.

O Chevrolet Tracker da nova geração também poderá contar com seis airbags, controle de estabilidade e carregador de celular por indução. Abaixo do capô, as possibilidades apontam para o novo motor 1.0 turbo de 116 cv nas versões com câmbio manual, além do familiar 1.4 turbo de 153 cv para os automáticos.

Leia mais:  Honda CG Titan chega em versão especial para comemorar seus 25 anos

LEIA MAIS: Projeção antecipa possível versão especial do Chevrolet Onix

Novo SUV inédito nos planos

Blazer arrow-options
Reprodução

Chevrolet Blazer XL: versões com 5 e 7 lugares estão confirmadas

Após o lançamento do novo Tracker, a Chevrolet do Brasil deverá avaliar se o grandalhão Blazer XL faz sentido para a América Latina – ocupando o espaço que existe acima do Equinox. O SUV que já apareceu nas patentes chinesas terá versões de 5 e 7 lugares, além do novo motor 2.0 turbo de 230 cv e transmissão automática de nove marchas.

LEIA MAIS: Kia KX3 será o novo SUV contra Creta, Renegade e HR-V

Além da China, sua produção também está confirmada para o México, onde a Chevrolet terá benefícios no acordo de livre-comércio entre os dois países para uma precificação ainda mais competitiva. Vale lembrar que o XL não virá para substituir o Trailblazer brasileiro. Apesar da similaridade do nome, o novo modelo terá uma pegada mais urbana – diferenciando-se do aventureiro fabricado em São José dos Campos (SP).

Leia mais:  Volkswagen Jetta GLI ganha preparação da Oettinger e chega nos 300 cv

Fonte: IG Carros
Comentários Facebook
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana