conecte-se conosco


Brasil / Mundo

‘Teremos apoio das Forças Armadas na logística das vacinas contra a Covid-19’, afirma Queiroga

Publicado

Ministro da Saúde afirmou que o presidente da República, Jair Bolsonaro, está pessoalmente empenhado em aumentar a cobertura vacinal

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, negocia com o ministro da Defesa, Braga Netto, o apoio das Forças Armadas no combate à pandemia da Covid-19. “Conversei com Braga Netto. Por determinação e apoio do presidente da República, que está pessoalmente empenhado em aumentar a cobertura vacinal no país, teremos apoio das FFAA — seja na logística de distribuição das vacinas ou através do corpo técnico da área da saúde ajudando os estados e municípios a vacinar a população brasileira de maneira muito efetiva”, afirmou. De acordo com ele, essa participação já existe e vai ser ampliada.

Queiroga conversou com a imprensa ao lado da diretora da OPAS no Brasil, Socorro Gross, sobre a reunião com o diretor da Organização Mundial de Saúde (OMS)Tedros Adhanom. De acordo com ele, para além dessa ação interministerial, o Ministério da Saúde tem com a OMS e a OPAS um acordo de colaboração técnica para ampliar a produção de vacinas no Brasil. Essas duas grandes indústrias, o complexo Biomanguinhos e autoridades sanitárias vão verificar a adequação dos parques industriais que produzem vacinas animais para utilização na produção de vacinas para uso em humanos.

Comentários Facebook
publicidade

Brasil / Mundo

Lula ultrapassa Bolsonaro na corrida para 2022

Publicado

A nova rodada da pesquisa XP-Ipespe sobre a disputa presidencial para 2022 mostra que, a cerca de um ano e meio da eleição presidencial de 2022, o ex-presidente Lula e o presidente Jair Bolsonaro permanecem tecnicamente empatados na liderança, mas agora com o petista numericamente à frente. Ele tem 29% das intenções de voto ante 28% de Bolsonaro. Sergio Moro e Ciro Gomes vêm na sequência, com 9% cada. No levantamento anterior, Lula tinha 25%, e Bolsonaro, 27%. Nas simulações de segundo turno, Lula também está numericamente à frente de Bolsonaro, com 42% a 38% — na pesquisa do início de março, Bolsonaro tinha 41% e Lula, 40%. Em outros cenários testados, o presidente Bolsonaro aparece empatado com Moro, ambos com 30%, e com Ciro Gomes, ambos com 38%. Foram realizadas 1.000 entrevistas de abrangência nacional nos dias 29, 30 e 31 de março. A margem de erro máxima é de 3,2 pontos percentuais para o total da amostra.

Comentários Facebook
Leia mais:  Candidatos têm até hoje (25) para realizar propaganda na forma de reuniões públicas
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana