conecte-se conosco


Política

Teatro Zulmira Canavarros recebe o show “Cantos do Cerrado” nessa sexta-feira

Publicado

Foto: FABLICIO RODRIGUES / ALMT

Formar plateias e valorizar o trabalho autoral e independente. É com essa pegada que os grupos Mesa pra 6, Coro Experimental MT e O Samba, a Bossa e as Novas e a cantora Karola Nunes trazem ao Teatro do Cerrado Zulmira Canavarros, nesta sexta-feira (27), o show “Cantos do Cerrado". A ideia central do projeto é unir o que cada artista tem em seu "canto" e mostrar isso ao público. O show será às 20h, e tem apoio da Assembleia Social – da Assembleia Legislativa de Mato Grosso. A entrada é um quilo de alimento não perecível.

"Queremos que as pessoas conheçam o que é feito pelos artistas daqui e façam isso de uma forma presencial. Por mais que a internet esteja aí para disseminar os trabalhos musicais, nada substitui a energia do ao vivo”, afirma o músico e apresentador Raul Fortes, um dos idealizadores do projeto.

Para Raoni Ricci, jornalista e músico que integra o grupo “O Samba, a Bossa e as Novas”, esse formato de espetáculo está se tornando uma tendência no mercado musical. "Quando os artistas se únem numa apresentação como essa, cada um leva o seu público e isso soma muito no resultado do projeto. Todos ganham com isso, o público que conhece artistas que ainda não conhecia e o artista, que tem possibilidade de mostrar seu trabalho para outras pessoas.”

Leia mais:  Assembleia Legislativa aprova lei que institui programa de parcerias

Além de todos esses argumentos, os idealizadores ainda apostam na responsabilidade social como complemento do projeto. "A primeira ideia é trabalhar com o ingresso solidário, ou seja, o público leva um quilo de alimento. Isso é legal, mas não podemos parar por aí. Queremos levar alunos de escolas públicas para o teatro e realizar esse show, circular com esse projeto em outras regiões do estado e aglutinar cada vez mais artistas diferentes, independentes, mas que tenham um trabalho sólido pra mostrar", ressalta o maestro dos grupos Mesa pra 6 e Coro Experimental MT, Jefferson Neves, que já pensa na continuidade do projeto.

O Samba, a Bossa e as Novas apresenta parte do seu repertório que homenageia gênios da música brasileira. O espetáculo também terá os arranjos vocais do grupo vocal Mesa pra 6, com suas releituras de sucessos do show "Traz pra cá pra raspa", Coro Experimental MT e Karola Nunes, com toda versatilidade nas composições e interpretações do seu álbum “Somos som”.

Os Ingressos poderão ser adquiridos no dia do show, direto no local do evento. (Com Assessoria de Imprensa do evento)

Leia mais:  Bolsonaro defende vinculação do Coaf ao Banco Central

SERVIÇO

Evento: Show Musical “Cantos do Cerrado”

Data: 27 de setembro de 2019 (sexta-feira)

Horário: 20h

Local: Teatro Zulmira Canavarros (ao lado da Assembleia Legislativa de Mato Grosso)

Entrada: 1 kg de alimento não perecível

Informações: (65) 98122 6820

Comentários Facebook
publicidade

Política

Vereador em MT diz “ciência biológica da saúde” as máscaras ajudam a combater coronavírus; Olhe vídeo

Publicado

por

O vereador por cinco mandatos Chico Curvo que também se diz pré candidato a prefeito, disse na tribuna da câmara que a máscara combate o coronavírus.

O vereador disse que teria conversado com Dr. Miguel que é médico e vereador em Várzea Grande “Chico diz que segundo a ciência biológica da saúde as máscaras combatem coronavírus na sessão de hoje (30). Será que o vereador não quis dizer ao contrário, que a máscara ajuda a reduzir a propagação do vírus.

 

Uma série de pesquisas científicas demonstrou que o uso de máscaras faciais durante surtos de doenças virais como a causada pelo coronavírus 2019 (COVID-19) só demonstrou ser eficaz para proteger os profissionais de saúde e reduzir o risco de pacientes doentes espalharem a doença.

Os estudos não demonstraram um benefício claro do uso de máscaras para pessoas saudáveis. Algumas pesquisas mostram que as pessoas podem ser infectadas tocando em uma máscara contaminada que estavam usando ou removendo-a incorretamente.
Em um surto como o COVID-19, as seguintes medidas podem ajudar as pessoas a reduzir suas chances de serem infectadas:

Leia mais:  Assembleia Legislativa aprova lei que institui programa de parcerias

• Lave as mãos com frequência ou use um desinfetante para as mãos à base de álcool. Sempre lave com água e sabão quando as mãos estiverem visivelmente sujas.

• Evite tocar o nariz ou a boca, que são vias comuns de infecção.

• Evite multidões e limite suas visitas a espaços fechados com pessoas.

• Evite o aperto de mão e outras formas de contato físico.

• Mantenha uma distância de pelo menos um metro (3 pés) de qualquer pessoa que tenha sintomas respiratórios (por exemplo, tosse ou espirro).

Se a pessoa tiver sintomas como tosse, espirros ou dificuldade para respirar, as recomendações são:

• Usar uma máscara facial, se a pessoa estiver infectada, para evitar a propagação da doença.

• Se não usar máscara, mas estiver tossindo e espirrando, é fundamental cobrir o nariz e a boca com o cotovelo dobrado ou com um lenço de papel – em seguida, jogar fora o lenço e higienizar as mãos.

“Este é um novo vírus”, disse Barbosa, referindo-se ao COVID-19, “então ainda estamos coletando informações sobre ele. Mas as evidências já disponíveis mostram que é semelhante o suficiente a outros vírus e estamos bastante confiantes de que essas recomendações são boas dicas para reduzir as chances de infecção”.

Leia mais:  Deputado João Batista afirma que é "obrigação ouvir e receber as reivindicações da população"

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana