conecte-se conosco


TCE MT

TCE doa livros e gibis para o Projeto Inclusão Literária

Publicado

O objetivo do gibi é divulgar, em linguagem simples e lúdica, para estudantes do nível fundamental das escolas públicas e privadas a missão do Tribunal de Contas e os canais de comunicação do TCE-MT, assim como estimular os jovens a exercer cidadania e controle dos recursos públicos

Com uma caminhonete Rural Willys verde, chamada de ‘A Furiosa’, um Papai Noel pouco convencional trabalha o ano todo levando livros e brinquedos de presente para crianças e adultos que moram em locais distantes da capital, em regiões como o Pantanal. Foi o amor pela literatura ainda na infância, quando hóspedes do hotel de sua família lhe apresentavam livros, que estimulou o historiador Clóvis de Matos a idealizar o Projeto Inclusão Literária. Ao conhecer esse importante trabalho, o conselheiro interino do Tribunal de Contas de Mato Grosso, Luiz Henrique Lima, conta que se sentiu sensibilizado.

 __________
 LUIZ HENRIQUE LIMA
 CONSELHEIRO VICE-PRESIDENTE DO TCE-MT

É, sem dúvida, uma iniciativa que nos traz muita alegria e esperança, pois ver o trabalho voluntário de um cidadão no incentivo à educação mostra que é possível uma conjugação de esforços entre Poder Público e sociedade em benefício de todos”

“É, sem dúvida, uma iniciativa que nos traz muita alegria e esperança, pois ver o trabalho voluntário de um cidadão no incentivo à educação mostra que é possível uma conjugação de esforços entre Poder Público e sociedade em benefício de todos”, afirmou Lima, que representou o TCE na doação de 1.000 exemplares e 300 DVDs da 6ª Edição do gibi “Tribunal em Contas: uma lição de cidadania” e 30 livros de autoria do conselheiro Luiz Henrique Lima, Sementes Republicanas e Construtores de Catedrais, ao projeto Inclusão Literária: Leitura e Cidadania idealizado por Clóvis, que também é conhecido como Papai Noel do Pantanal.

A entrega da doação foi acompanhada pela secretária de Apoio Institucional e Desenvolvimento da Cidadania do TCE, Cassyra Vuolo, e pela secretária de Apoio às Unidades Gestoras, Naíse Godoy de Campos Silva Freire, na manhã do dia 09/08. “O material não poderia vir em melhor momento, pois estou indo para a região do Araguaia e pretendo levar a distribuir em mais de 10 municípios. É muito notável o TCE ter essa preocupação em oferecer informação de uma maneira tão acessível e didática”, destacou Clóvis.


O material não poderia vir em melhor momento, pois estou indo para a região do Araguaia e pretendo levar a distribuir em mais de 10 municípios. É muito notável o TCE ter essa preocupação em oferecer informação de uma maneira tão acessível e didática”

 A entrega da doação foi acompanhada pela diretora da Escola de Contas, Marina Spinelli, a secretária de Articulação Institucional, Cassyra Vuolo, pelo conselheiro interino vice-presidente do TCE, Luiz Henrique Lima, e secretária de Apoio às Unidades Gestoras, Naíse Silva Freire

O gibi traz uma história em quadrinhos, criada há 13 anos, desenvolvida com o objetivo de estimular os estudantes sobre os valores fundamentais para o exercício da cidadania e do controle social. O TCE de Mato Grosso já distribuiu mais de 100.000 exemplares desta historinha para estudantes em todo o Estado. Além disso, a obra esclarece, de forma didática, o funcionamento do Tribunal de Contas. O gibi está disponível no Portal do TCE pela PubliContas .

O Projeto Inclusão Literária surgiu em 2005 quando, com recursos próprios, o historiador comprou a camionete Rural Willys verde, intitulada Furiosa, e uma Kombi. Ele reuniu diversos livros e passou a levar a iniciativa a municípios de Mato Grosso. Além de percorrer Mato Grosso com a Kombi durante todo o ano, Clóvis também é Papai Noel na época do Natal, e já esteve em outros cinco estados: Tocantis, Pará, Bahia, Pernambuco e Goiás.

Saiba mais sobre o Projeto Inclusão Literária

ACESSE AQUI O BLOGSPOT DO PROJETO

 

6ª EDIÇÃO


Tribunal em Contas: Uma Lição de Cidadania
6ª Edição

Esta história em quadrinhos foi desenvolvida com o objetivo de estimular nos estudantes a vivência de valores fundamentais para o exercício da cidadania e do controle social. Além disso, a obra esclarece de forma didática o funcionamento do Tribunal de Contas. ACESSE A PUBLICAÇÃO ONLINE

Fonte: TCE MT
Comentários Facebook
Leia mais:  Risco de prejuízo ao erário leva conselheiro a suspender licitação em Diamantino
publicidade

TCE MT

Resultados de projeto da UFMT sobre o TCE será apresentado na Áustria

Publicado

por

Os resultados do projeto “Aperfeiçoamento do Controle Interno do TCE-MT e MPC-MT (Ministério Público de Contas), por meio de Processos de Educação Mediada por Tecnologias da Informação e Comunicação e Métodos Inovadores em Gestão Pública”, da Universidade Federal de Mato Grosso e  Fundação Uniselva, serão apresentados na 8ª Conferência Internacional sobre Governo Eletrônico e a Perspectiva dos Sistemas de Informação – Egovis 2019. O evento será realizado entre os dias 26 e 29 de agosto deste ano na cidade de Linz, na Áustria.

Os professores Cristiano Maciel, do Instituto de Computação (IC) da UFMT e diretor-geral da Fundação Uniselva, e Paulo Augusto Ramalho de Souza, da Faculdade de Administração e Ciências Contábeis (FACC), farão a apresentação dos resultados do trabalho realizado com o Tribunal de Contas de Mato Grosso desde o final de agosto de 2017.

Os resultados do projeto foram a base para a elaboração do artigo científico “Indicators of Municipal Public Management: Study of multiple Performance Measurement Systems” (Indicadores da Gestão Pública Municipal: estudo de múltiplos Sistemas de Medição de Desempenho, em tradução livre), que também será apresentado na Egovis 2019.

Leia mais:  Pleno não conhece recurso de envolvidos no desvio de R$ 16,6 mi da Assembleia
Professore Cristiano Maciel, do Instituto de Computação (IC) da
UFMT e diretor-geral da Fundação Uniselva.

O projeto da Uniselva com o TCE-MT desenvolve atividades referentes ao Projeto 1 do Programa de Desenvolvimento Institucional Integrado – PDI, que trata de medir o desempenho das ações dos municípios em relação aos Planejamentos Estratégicos. A pesquisa faz uma análise dos planos estratégicos desenvolvidos pelos municípios que aderiram ao PDI, por meio de um estudo qualitativo e quantitativo dos 498 indicadores circunscritos ao Sistema de Monitoramento de Indicadores.

Para isso, os autores desenvolveram um arcabouço metodológico para a análise dos indicadores utilizados na avaliação, monitoramento e controle do planejamento estratégico dos municípios. Realizaram uma pesquisa bibliográfica sobre gestão pública e, em seguida, desenvolveram um arcabouço técnico conceitual, que permitiu a exploração dos 1.094 indicadores presentes no Sistema de Monitoramento para alcançar uma padronização de 498 indicadores que foram, posteriormente, utilizados nas análises. Por fim, foi proposto um conjunto de indicadores padronizados para a gestão municipal.

Leia mais:  Pregão Eletrônico da Prefeitura de Várzea Grande para aquisição de tablet é suspenso

O trabalho ainda tem como autores: Marcus Wilian Pedrotti de Oliveira, Renato Neder, Alexandre Martins dos Anjos e Débora Pedrotti Mansilla, da UFMT, e Naíse Godoy de Campos Silva Freire, José Marcelo de Almeida Peres e Cassyra Vuolo, do TCE-MT.

Os autores voltaram-se para o Programa de Desenvolvimento Institucional Integrado (PDI), instituído em 2012 pelo TCE-MT com o objetivo de contribuir para a melhoria da eficiência dos serviços públicos, fomentando a adoção de um modelo de administração pública orientada para os resultados para a sociedade. O programa é constituído por seis projetos e contou com a adesão de 24 dos 141 municípios mato-grossenses.

O tema da Egovis 2019 é “Inovação Tecnológica para Democracia, Governo e Governança”. É organizada pela DEXA Society e, a cada ano, reúne especialistas de universidades, da administração pública e da indústria para discutir sistemas de informação e de governo eletrônico a partir de diferentes perspectivas e disciplinas.

Fonte: TCE MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana