conecte-se conosco


Política

Sol Nascente, Guaicurus e Eldorado entram no pacote de obras de R$ 28 milhões

Publicado

Os bairros foram inseridos no programa de asfaltamento, tapa-buracos e cascalhamento da Prefeitura de Cuiabá a pedido do vereador Toninho de Souza (PSD)
Os bairros Sol Nascente, Guaicurus e Eldorado, em Cuiabá, estão entre os cinco contemplados com recursos da ordem de R$ 28 milhões que serão destinados a obras de asfaltamento, melhorias na pavimentação e cascalhamento de ruas. A garantia foi dada pelo vereador Toninho de Souza (PSD), que esteve reunido com moradores dos três bairros na noite desta sexta-feira (08), acompanhado da secretaria-adjunta de Obras, Silvia Araújo. “Serão dois quilômetros de asfalto para os bairros Sol Nascente e Guaicurus. O Eldorado receberá obras emergenciais de cascalhamento de ruas, mas a meta é conseguir pavimentação asfáltica também para essa comunidade em um segundo momento.
Toninho de Souza observa que esses bairros carecem de infraestrutura há cerca de 30 anos e que sempre foram esquecidos pela gestão pública. “Quero mudar essa realidade, pois, é inadmissível bairros tão populosos e fundamentais para o desenvolvimento da cidade ainda não contarem com asfalto e a necessária atenção política”, disse aos moradores. O vereador esteve nos três bairros verificando a situação e pode constatar o estado de abandono. “As ruas estão em péssimo estado e durante o período chuvoso as erosões no solo em vias de grande fluxo ficam cada vez maiores. Vamos asfaltar algumas ruas, fazer operação tapa-buracos em outras e amenizar a situação mais grave onde não há pavimentação com o cascalhamento”.
Para o parlamentar cuiabano, garantir melhores condições de vida a população não é nenhum favor do poder público, mas obrigação constitucional. “Tenho acompanhado as ações do prefeito Emanuel Pinheiro e vejo nele também essa preocupação. Embora essas operações de asfaltamento e tapa-buracos sejam rotineiras, a inserção dos bairros Sol Nascente, Guaicurus e Eldorado nos investimentos de R$ 28 milhões foi uma exigência minha”, completou Toninho.
A secretária-adjunta de Obras, Silvia Araújo, garantiu à comunidade dos três bairros que a as obras ocorrerão de forma continuada, seguindo o cronograma da prefeitura, atendendo em um primeiro momento os locais com maior demanda. “Após o período de chuva, também será realizada a reconstituição asfáltica de outros bairros da cidade”, observou. “Em março, voltarei à comunidade acompanhado do prefeito Emanuel Pinheiro para dar o primeiro passo às obras”, concluiu Toninho.
Assessoria de Imprensa
Verônica Rakel
Rui Mattos

Leia mais:  Série de comemorações de Dia das Crianças garante alegria da garotada

Imprimir Voltar Compartilhar:  

Fonte: Câmara de Cuiabá
Comentários Facebook
publicidade

Política

João Batista apresenta requerimento em defesa dos serviços públicos

Publicado

por

Foto: Marcos Lopes

O deputado estadual João Batista (Pros), considerado o porta voz do funcionalismo público dentro da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), apresentou durante a sessão vespertina desta última terça-feira (19), a criação da “Frente Parlamentar em Defesa dos Serviços Públicos”, criado em parceria com o Fórum Sindical, a proposição já conta com a assinatura de 10 deputados e entra na pauta dos trabalhos legislativos.

De acordo com o parlamentar, durante sua fala na tribuna, é preciso que os servidores públicos participem das discussões e sejam incluídos nas tomadas de decisões. “A luta do atual governo para retirada de direitos dos trabalhadores do serviço público é clara, taxando, de um modo geral, o servidor como principal vilão do déficit registrado dentro do orçamento do Estado de Mato Grosso”, disse o deputado.

Batista expôs ainda um rombo no valor de quase R$ 4 bi, que seriam oriundos de renúncia fiscal, onde o Estado abre mão de receita. “São situações como esta que acaba precarizando a prestação de serviços públicos de qualidade para a sociedade”.

Leia mais:  Dr. Xavier quer que PSF do Independência seja reinaugurado logo

De acordo com a proposição, a Frente Parlamentar irá debater temas como o plano de saúde ofertado aos servidores públicos (MT Saúde), avaliar e discutir com os setores da Segurança Pública e Educação. “O Poder Executivo afirma existir excesso de funcionários públicos, mas só para exemplificar, existe um déficit no batalhão da Polícia Militar de cerca de 3000 trabalhadores e na educação, quase 50% dos professores são contratados temporariamente”.

“Iremos também assegurar a discussão das diretrizes do Plano de Cargos e Carreiras e Salários (PCCS) de cada categoria, inclusive matérias orçamentárias. Assegurando o planejamento de pautas e reivindicações junto ao Fórum Sindical”, finalizou o deputado.

Fonte: ALMT
Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana