conecte-se conosco


Política

Sob vaias, Mendes diz ao lado de Bolsonaro: “Futuramente irão reconhecer nosso trabalho”

Publicado

O governador Mauro Mendes (DEM) foi vaiado na manhã desta sexta-feira (18) durante discurso ao lado do presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido) em Sinop (a 390 km de Cuiabá).

Aos críticos, Mendes disparou que futuramente todos irão reconhecer o trabalho que está sendo executado em Mato Grosso.

“Comprimento a todos em especial aqueles que fazem o uso da democracia [com as vaias]. Quando assumi o governo, tínhamos greve na saúde em Sinop, hospital fechado com quatro meses de salário atrasado. Mato Grosso estava quebrado em janeiro de 2019 e vocês sabem que é verdade”, pontuou.

Mendes destacou atuação do presidente da República e disse que por diversas vezes não é compreendido pela população. “Parabéns Bolsonaro, você é um homem abençoado que enfrenta e tem enfrentado diversos desafios do país. Muita gente prefere o lado do populismo e muitas vezes somos incompreendidos, mas se Deus quiser vamos entregar um estado muito melhor do que pegamos”, ressaltou.

O governador ainda apontou que durante a administração nunca enfrentou nenhuma denúncia de escândalo ou de corrupção, destacando ainda a gestão de Bolsonaro.

Leia mais:  Após representação, TCE constata o abandono de imóvel alugado pela SEC 300

“Na nossa administração, assim como na sua [Bolsonaro], nunca houve e nunca haverá caso de corrupção. Administramos com exemplo, não tem nenhuma acusação ou dos meus gestores públicos, assim como não tem na sua administração e de ministros. Coragem vai levar Mato Grosso adiante. Obrigado a todos aqueles que nunca foram capazes de compreender e que no futuro irão reconhecer a força do nosso trabalho”.

Conforme Mendes, em 2021, Mato Grosso receberá o maior investimento público na área de infraestrutura dos últimos 20 anos. “Não é mérito meu, é dos produtores, da economia, de grande parte desse povo que é trabalhador e honesto. Cobramos sim a taxação do agronegócio, da indústria, do comércio, cortamos centenas de cargos comissionados, vim fazer aquilo que é correto para Mato Grosso e para a maioria da nossa população”, finaliza.

Comentários Facebook
publicidade

Política

Ibope mostra Abílio e Emanuel tecnicamente empatados

Publicado

A pesquisa do Ibope divulgada pela TV Centro América, afiliada da Rede Globo em Cuiabá, nesta sexta-feira (30), aponta os candidatos a prefeito de Cuiabá Abílio Júnior (Pode) e Emanuel Pinheiro (Pros) tecnicamente empatados em primeiro lugar com 26% e 25%, respectivamente.

Já em terceiro lugar ficou o ex-prefeito Roberto França (Patriota) com 16% da intenção de votos entre os cuiabanos, que também está empatado com a única candidata mulher na disputa, Gisela Simona (Pros), com a mesma porcentagem de 16%.
O candidato do Partido dos Trabalhadores (PT), Julier Sebastião, ficou em quarto e marcou 3% dos intenções de votos.

Aécio Rodrigues (PSL) manteve a mesma porcentagem de 2%, ocupando a quinta posição. Paulo Henrique Grando (Novo) e Gilberto Lopes (Psol) não pontuaram nesta pesquisa.

A margem de erro da pesquisa estimulada é 4 pontos percentuais para mais e para menos. Foram ouvidos 602 eleitores da Capital entre 28 a 30 de outubro. O número de identificação na Justiça Eleitoral é MT‐02443/2020.

Rejeição

O atual prefeito e candidato à reeleição Emanuel Pinheiro lidera o índice de rejeição com 42%, logo em seguida vem o ex-prefeito Roberto França e Abílio Júnior empatados com 31%.

Leia mais:  Max Russi é condecorado com medalha Aviação da Segurança Pública "Mérito Águia Uno"

Julier Sebastião possui 23% e Gisela Simona 11% de rejeição. Aécio Rodrigues e Gilberto Lopes tem 8% e o Paulo Henrique Grando 6%.

 

Pesquisa anterior

Na pesquisa passada, divulgada no dia 16 de outubro, Abílio Júnior ficou em primeiro lugar com 26% na disputa pela Prefeitura de Cuiabá.

Logo atrás, em segundo, ficou o atual prefeito e em busca da reeleição, Emanuel Pinheiro, com 20% de intenção, tecnicamente empatado com o terceiro colocado, o ex-prefeito Roberto França 19% na pesquisa.

Em quarto, Gisela Simona (Pros) marcou 11%. Julier Sebastião, ficou em quinto com 3% dos votos válidos.

Paulo Henrique Grando (Novo) e Aécio Rodrigues (PSL) tiveram a mesma porcentagem de 2%, ocupando a sétima e oitava colocação, respectivamente. O Concorrente pelo Psol, Gilberto Lopes, não pontuou.

Por: Noelisa Andreola/ gazetadigital.com.br

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana