conecte-se conosco


Entretenimento

Sob gritos do início ao fim do painel, “Stranger Things” fecha a CCXP 2018

Publicado

Não precisava de muito para levar o público à loucura no último painel da CCXP 2018. O auditório lotado vibrava e gritava a cada personagem ou nome de série da Netflix que aparecia no telão enquanto o painel em si não começava. Por volta das 20h, uma vinheta com astros de diversas produções da plataforma de streaming lamentando que não puderam vir ao Brasil foi recebido com gritos, aplausos e mais gritos.


CCXP 2018 foi fechada com painel de
Reprodução/Facebook/CCXP

CCXP 2018 foi fechada com painel de “Stranger Things”

Mas quando Sadie Sink, Noah Schnapp e Caleb McLaughlin, a Max, o Will e o Lucas da série “Stranger Things”, entraram no palco, aí sim o auditório da CCXP 2018
veio abaixo. O barulho era ensurdecedor e justificou a fama dos brasileiros de serem os fãs mais barulhentos das convenções. “A gente já sabia dos fãs no Brasil, mas estou feliz de estar aqui em pessoa”, disse Sadie, para nova onda de gritos e aplausos.

E assim foi o painel de “Stranger Things”
ao longo de uns 45 minutos.

Questionados sobre o porquê de uma série que se passa nos anos 80 fazer tanto sucesso atualmente, Sadie acredita que ela tem “algo para qualquer pessoa, tem drama, ficção científica, comédia, romance, as músicas”. Um detalhe importante: os três atores passaram longe de terem vivido os anos 80, uma vez que todos nasceram nos anos 2000.

Leia mais:  Laura quer Sampaio como prefeito em “O Sétimo Guardião”

Leia também:
Afinal, por que amamos tanto a série “Stranger Things”?

Mas e se “Stranger Things” se passasse nos anos 2000? Dificilmente teríamos uma série. “O grupo não poderia sair de casa e ficar três horas sem avisar. Eles encontrariam o Will em horas pela localização do celular”, raciocina Caleb.

Atores revelam suas cenas favoritas na CCXP 2018


CCXP 2018 trouxe Noah Schnapp , Sadie Sink, e Caleb McLaughlin para o Brasil
Divulgação

CCXP 2018 trouxe Noah Schnapp , Sadie Sink, e Caleb McLaughlin para o Brasil

Pelo Twitter, a Netflix
fez uma enquete questionando qual foi a melhor cena da segunda temporada, e a vencedora foi o exorcismo de Will. Noah se recordou com detalhes do dia da gravação: “Foi intenso, aquela cena foi louca. Foi a última noite de filmagem, filmamos da 0h às 8h da manhã, a noite inteira. Lembro que gritei muito e minha voz ia fraquejando, então fiquei tomando chá. Foi trabalhoso, mas sou grato de poder trabalhar com Winona [Ryder]. Quando se trabalha com atores incríveis, é mais fácil”.

Leia também:
Sandra Bullock se emociona com carinho do público na CCXP 2018

Leia mais:  Série policial “L.A.’s Finest” marca retorno de Jessica Alba à TV

Já para Caleb, sua cena favorita na série ainda é da primeira temporada, quando Eleven, personagem de Millie Bobby Brown, usa suas habilidades para tirá-lo de cima de Mike (Finn Wolfhard) durante uma briga e arremessá-lo longe. Completando o trio, Sadie respondeu que gosta do momento em que Max se abre com Lucas no topo do ônibus. “Foi uma cena gentil”, lembra a atriz ruiva na CCXP
2018
.

CCXP 2018 traz um pequeno teaser da terceira temporada

As expectativas para um teaser ou trailer da terceira temporada eram gigantescas, mas os visitantes do último painel da CCXP 2018
tiveram de se “contentar” apenas com os títulos dos episódios que vêm por aí, ainda que a empolgação tenha sido geral. Horas depois, no entanto, o perfil de “Stranger Things” divulgou a lista nas redes sociais; anote aí: “Está me ouvindo, Suzie?”, “O caso dos ratos”, “O salva-vidas desaparecido”, “A prova da sauna”, “A fonte”, “O aniversário”, “A mordida” e “A batalha de Starcourt”.

Comentários Facebook
publicidade

Entretenimento

“Foram noites sem dormir”, diz Chay Suede sobre cena de Amor de Mãe

Publicado

 

 

Chay Suede foi o nome do capítulo de Amor de Mãe dessa terça (6/4). Desde o início da noite, o ator brilhou nas cenas em que Danilo descobre as mentiras de Thelma (Adriana Esteves) e terminou deixando o telespectador arrepiado com o encontro entre ele e Lurdes (Regina Casé). Não à toa, Chay foi elogiadíssimo nas redes sociais. A emoção, aliás, continua no capítulo desta quarta (7/4). “Podem preparar o lencinho porque ainda tem muita cena emocionante até o final”, avisa o ator, que considera a cena de ontem uma das mais difíceis de fazer. “Essa novela foi marcante para mim do início ao fim, mas o encontro deles tem um lugar especial na minha vida. Foram noites sem dormir para gravar”.

Chay também não tem dúvida sobre a sua personagem preferida em Amor de Mãe: “Dona Lurdes, claro. Não só em Amor de Mãe, mas de todas as novelas que eu já vi na vida”. Sem contar como vai ficar a relação entre Danilo e Thelma, o ator afirma que é impossível entender e perdoar tudo que ela fez. “Ela deu ré e matou a mãe biológica da esposa do filho. Depois, mandou matar a esposa do filho atropelada. Matou a melhor amiga asfixiada numa garagem e atirou e manteve em cárcere privado a outra melhor amiga. Acho que não dá, né”.

Comentários Facebook
Leia mais:  Sophie Charlotte comemora 30 anos na presença de famosos
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana