conecte-se conosco


Mato Grosso

Secretário faz visita técnica no terreno do Parque Tecnológico

Publicado

Nessa quinta-feira (10.01), o secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação de Mato Grosso, Nilton Borgato, visitou o terreno onde será construído o Centro de Inovação. Ele esteve acompanhado da superintendente de Inovação, Lecticia Figueiredo, o superintendente de Gestão Sistêmica, Fabio Vieira Alves e a equipe do Parque Tecnológico.

O objetivo da visita foi o de conhecer a área e traçar as ações para 2019. O parque será construído em Várzea Grande, no bairro Chapéu do Sol, com investimento de R$ 8 milhões e recursos provenientes de Termo de Cooperação Técnica celebrado com a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Mato Grosso (Fapemat). São 80 hectares, sendo 16 deles voltados para instituições públicas, empresas âncoras e startups, mais 64 hectares para abrigar empresas inovadoras e já consolidadas, que tenham foco em inovação.

O secretário Nilton Borgato gostou da área destinada para a construção do Centro de Inovação. “O Parque Tecnológico é de extrema importância para as empresas do nosso Estado, pois irá acelerar a inovação e o desenvolvimento econômico de Mato Grosso”, afirmou Borgato.

Leia mais:  Mato Grosso reduz desmatamento na Amazônia em 22%

No entorno do Parque Tecnológico, já estão em construção os novos campi da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), do Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT).

A superintendente de Desenvolvimento Cientifico, Tecnológico e de Inovação, Lecticia Figueiredo explica que o parque será um ambiente voltado à criação, desenvolvimento, disponibilização de soluções tecnológicas e atração de empresas inovadoras ao mercado. “O objetivo principal do Parque será trabalhar com as áreas de Agronegócio, Biotecnologia, Tecnologias da Informação e Comunicação – TIC’s – hardwares e softwares, Geociências, Química verde e Novos materiais”.

Borgato aproveitou para agradecer a parceria com a Prefeitura Municipal de Várzea Grande. “Esse empreendimento vai transformar a região e o nosso Estado em um polo de tecnologia e inovação”.

A expectativa é de que o Parque movimente mais de 1,3 mil empregos diretos e indiretos nos três módulos de funcionamento: Parque Tecnológico (espaço para o desenvolvimento de inovação pelas empresas), parque de serviços (focado na promoção de serviços para empresas, indústrias e comunidades) e Parque científico (espaço para formação e qualificação de pessoas, núcleos de universidade, laboratórios e centros de P&D).

Leia mais:  MT Horticultura realiza Dia de Campo com plantio mecanizado

Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

MT tem 17.401 casos confirmados de Covid-19 e 665 mortes

Publicado

por

Por G1 MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana