conecte-se conosco


Mato Grosso

Reeducandos do CRC expõem trabalhos em feira do conhecimento

Publicado

Cerca de 200 reeducandos do Centro de Ressocialização de Cuiabá (CRC) expuseram nesta segunda-feira (26.11), durante uma feira do conhecimento realizada na unidade prisional, trabalhos realizados em sala de aula. Eles apresentaram experiências de ciências, geografica, pinturas, desenhos, fotografias e histórias sobre Mato Grosso.

O evento é semestral e aborda quatro temas discutidos durante as aulas. Neste semestre foram trabalhados os temas: cultura é um lugar, com traje, cor e maneira de viver; a influência africana na cultura cuiabana; sociedade é um lugar, consciência, uma atitude e um futuro e intolerância no mundo contemporâneo.

A exposição foi feita pelos reeducandos do primeiro, segundo e terceiro segmentos com auxílio dos professores. Conforme o coordenador da Escola Estadual Nova Chance, José Carlos Silva, a apresentação dos produtos é feita pelos próprios reeducandos. “Eles trocam conhecimento, pois expõem e explicam o trabalho para os colegas de outro segmento”.

Para o diretor do CRC, Winkler de Freitas, esse é um momento importante porque os internos conseguem ver o resultado da imersão em aula. “Essa é uma oportunidade dos recuperandos explicarem o que aprenderam e sentir orgulho. Assim eles podem até descobrir alguma habilidade ou afinidade com determinado tema e pensar em uma futura profissão como alternativa ao crime”.

Comentários Facebook
Leia mais:  Leilão de quatro aeroportos de MT atrai investidores internacionais
publicidade

Mato Grosso

Servidor é preso por roubar pneus novos utilizados em caminhões e retroescavadeiras

Publicado

Foram desviados pelo menos 12 pneus novos utilizados em caminhões e retroescavadeiras, causando um prejuízo de aproximadamente R$ 35 mil.

Um servidor público suspeito de desviar pneus de veículos da prefeitura de Barra do Garças, a 516 km de Cuiabá, prestou esclarecimentos na delegacia do município. Segundo a Polícia Civil, ele deve responder pelo crime de peculato.

As investigações começaram no dia 22 de março, quando o prefeito Adilson Gonçalves de Macedo registrou um boletim de ocorrência denunciando o suposto desvio.

O delegado Wilyney Santana Borges disse que várias buscas foram realizadas, até que o suspeito acabou confessando o crime. Em depoimento, ele contou que os pneus foram repassados para um comerciante como parte do pagamento na aquisição de um carro dele de luxo.

Os pneus desviados eram de veículos da Secretaria Municipal de Urbanismo.

De acordo com a polícia, nas investigações, foi apurado que pneus adquiridos para serem utilizados nas automóveis da secretaria foram desviados nos meses de novembro e dezembro de 2020, por um servidor  que exercia funções no setor de frotas da Secretaria Municipal do Meio Ambiente.

Leia mais:  PM forma mais 28 novos policiais de proteção ambiental

Segundo o delegado, os indícios apontados no inquérito indicam que foi possível constatar o desvio de pelo menos 12 pneus novos utilizados em caminhões e retroescavadeiras, causando um prejuízo de aproximadamente R$ 35 mil.

A Polícia Civil informou que o investigado pela venda dos pneus deverá responder ação penal pelo crime de peculato, vez que na época dos desvios, exercia o cargo de funcionário público. Já o comerciante que recebeu os pneus desviados, em troca de pagamento, responderá pelo crime de receptação.

A delegacia de Barra do Garças continua as investigações para saber se havia a conivência ou participação de outros servidores municipais, envolvidos no caso dos pneus desviados.

Por G1 MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana