conecte-se conosco


Entretenimento

Quem pediu? Intimidades de Luana Piovani e Pedro Scooby compartilhadas na web

Publicado

Piovani e Pedro Scooby
são um verdadeiro exemplo de casal moderno que não tem medo de expor seus momentos íntimos. A apresentadora e o surfista provam que momentos quentes e descontração são com eles mesmos. Pensando nisso, separamos 10 intimidades de Luana Piovani e o surfita compartilhadas nas redes sociais
sem ninguém pedir. Veja:

Leia também: Luana Piovani e  Scooby têm DR em programa e falam de “festinha no céu”

Beijo no bumbum


Luana Piovani posta foto com Pedro Scoby beijando seu bumbum
Luana Piovani

Luana Piovani posta foto com Pedro Scoby beijando seu bumbum

Foto ousada é com ela mesmo! Sem medo e sem vergonha, uma das intimidades de Luana Piovani
 exibidas em seu Intagram foi uma sequência de três fotos deitada na cama com seu marido, em uma delas Pedro aparece beijando o bumbum da amada. “Hoje é sexta-feira, dia da ‘maldade’. E que cada um curta sua sexta pós-espetáculo como quiser, democracia, né?”, escreveu ela na legenda.

Leia também:Após críticas, Pedro Scooby posa sensual com Luana Piovani: “Menos hipocrisia”

Algemas da paixão


Pedro Scooby, marido de Luana Piovani, divulga foto quente no stories do Instagram
Reprodução/Instagram

Pedro Scooby, marido de Luana Piovani, divulga foto quente no stories do Instagram

Outra intimidade que o casal compartilhou foi essa imagem em que Piovani aparece de lingerie com as mãos amarradas. “Senhoras e senhores, com vocês, a minha bunda”, escreveu a apresentadora marcando o maridão na foto.

Leia mais:  Veja tudo o que rolou no ano de 2019 na vida de Anitta

Pedrão de cuecão


Luana Piovani posta foto de Pedro de cueca
Reprodução/Instagram

Luana Piovani posta foto de Pedro de cueca

Luana já compartilhou com seus fãs no Instagram uma imagem do maridão escovando os dentes somente de calção estampado de beijinhos. “Bifão: do grego Bifus! Adjetivo usado para resignificar a suculência, a deliciosidade, o apetite e o desejo.

“Pode ser usado só ou com molho. Em pé ou deitado. Atualmente pouco encontrado na sociedade, Bifão, rege a legião de homens viris, apaixonados, divertidos e sorridentes. Eis nesse post registros de um animal quase em extinção”, escreveu ela na imagem.

Leia também: Luana Piovani posta foto com Pedro Scooby beijando seu bumbum

Adesivos nos seios


Pedro Scooby compartilha foto sensual de Luana Piovani
Reprodução/Instagram

Pedro Scooby compartilha foto sensual de Luana Piovani

Essa foi uma das primeiras imagens quentes que Luana postou envolvendo o maridão. Usando apenas adesivos de estrelinhas nos seios, a atriz mostrou como a noite entre ela e Pedro foi interessante.

Ops, apertadadinha!


Luana Piovani
Reprodução/Instagram

Luana Piovani

Recentemente Pedro postou um vídeo onde mostrando o corpo de sua mulher em um vestido. Na publicação ele ainda aparece apertando os seios de Luana e dizendo que ela estava “toda gotosa” com as próteses novas de silicone.

Leia mais:  Filho de Frota desiste de carreira pornô e dá calote em usuários

Cara de sensual


Luana Piovani posa sensual para Pedro
Reprodução/Instagram

Luana Piovani posa sensual para Pedro

Já em outra ocasião, Piovani posou para o marido em uma foto bem sensual. Usando uma lingerie rendada, a apresentadora apareceu fazendo um carão e segurando um colar de perolas com a boca. Uau!

Festinha no céu


Luana Piovani e Pedro Scooby postam ousadas
Reprodução/ Instagram

Luana Piovani e Pedro Scooby postam ousadas

Eita! Em outra imagem Pedro mostrou momentos quentes em que ele estava completamente sem roupa e Luana com uma lingerie sensual azul. “Uma festinha no céu pra lá de animada”, escreveu o surfista.

Copa do mundo sem vergonha


Pedro Scooby posta foto de Luana Piovani seminu durante jogo do Brasil
Reprodução/Instagram

Pedro Scooby posta foto de Luana Piovani seminu durante jogo do Brasil

Durante a Copa do Mundo 2018 Piovani e Pedro Scooby assistiram ao jogo da seleção brasileira de uma forma diferente e quente, diretamente de Roma, na Itália. Durante a competição contra a Sérvia, o surfista compartilhou uma foto pra lá de sensual com sua esposa seminua na cama.

Luana Piovani sexy na banheira


Luana Piovani posa em banheira
Reprodução/ Instagram

Luana Piovani posa em banheira

Outra imagem da intimidade do casal foi essa em que Luana aparece tomando banho em uma banheira cheia de espumas. Fumando um cigarro e com uma feição feliz, a apresentadora mostrou estar muito relaxada após passar uma noite com o maridão. “Sobre uma noite com a Mina!”, escreveu Pedro.

Mão boba


Intimidades de Luana Piovani e Pedro Scooby expostas nas redes sociais
Reprodução/Instagram

Intimidades de Luana Piovani e Pedro Scooby expostas nas redes sociais

Pedro já mostrou diversas vezes que ama o corpo de sua mulher 
e não faz questão de esconder. Na verdade, o surfista adora mostrar as intimidades de Luana Piovani
com ele em suas redes sociais. Nesta imagem, o atleta aparece beijando o corpo da apresentadora.

Comentários Facebook
publicidade

Entretenimento

A Voz do Brasil faz 85 anos

Publicado

O programa de rádio A Voz do Brasil completa 85 anos nesta quarta-feira (22). Idade avançada para pessoas e para instituições no Brasil. Uma frase atribuída a Leonardo da Vinci, que morreu idoso para o seu tempo (aos 67 anos), sentencia que “a vida bem preenchida torna-se longa”.

Em oito décadas e meia, A Voz do Brasil preencheu a vida dos ouvintes com notícias sobre 23 presidentes, em mandatos longínquos ou breves. Cobriu 12 eleições presidenciais, e manteve-se no ar durante a vigência de cinco constituições (1934, 1937, 1946, 1967 e 1988).

programa cobriu a deposição dos presidentes Getúlio Vargas (1945) e João Goulart (1964), o suicídio de Vargas (1954), a redemocratização do país em dois momentos (1946 e 1985), o impeachment e renúncia de Fernando Collor (1992) e o impeachment de Dilma Rousseff (2016).

Além de notícias dos palácios do governo federal, A Voz do Brasil levou aos ouvintes informações sobre a Segunda Guerra Mundial (1939-1945). O programa narrou as conquistas do país em cinco Copas do Mundo e a derrota em duas – a mais traumática em 1950. A Voz registrou a inauguração de Brasília (1960) e cobriu a morte de ídolos como Carmen Miranda (1955) e Ayrton Senna (1994).

Pelo rádio, e pela A Voz do Brasil, muitos brasileiros souberam da invenção da pílula anticoncepcional (1960), da descida do homem na Lua (1969), dos primeiros passos da telefonia móvel (1973), da queda do Muro de Berlim (1989) e da clonagem da ovelha Dolly (1998).

Leia mais:  Gretchen grava primeiro DVD e fala sobre netos: “A gente tem filho de monte”

Vida longa

A longevidade do programa A Voz do Brasil é assunto de interesse de historiadores e pesquisadores da mídia de massa no país. “É curioso como um programa de rádio se torna uma constância em um país de inconstância institucional, jurídica e legislativa”, observa Luiz Artur Ferrareto, autor de dois dos principais livros de radiojornalismo editados no Brasil.

Para Sonia Virginia Moreira, professora do Programa de Pós-graduação em Comunicação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, a longa duração do programa “tem muito a ver com a própria longevidade do rádio como meio de comunicação. A morte do rádio foi anunciada várias vezes e ele segue como um veículo muito importante no Brasil.”

“Nenhum governo abriu mão dessa ferramenta fantástica. A longevidade vem da percepção que os diferentes governos tiveram que manter essa ferramenta era algo que trazia uma vantagem enorme para o governo do ponto de vista das suas estratégias e para seus objetivos”, acrescenta Henrique Moreira, professor de jornalismo e especialista em história da mídia no Brasil.

Curiosidades sobre A Voz do Brasil 

 A Voz Brasil nem sempre teve como trilha sonora de abertura trecho da ópera O Guarani (1870), de Carlos Gomes. O Hino da Independência (1822), composto por Dom Pedro I, e Aquarela do Brasil (1939), de Ary Barroso, também serviram para marcar o início do programa.

Inauguração da transmissão do programa A Voz do Brasil, Brasília, DF.
Inauguração da transmissão do programa A Voz do Brasil, Brasília, DF. – Arquivo Nacional

A longevidade do programa A Voz do Brasil é assunto de interesse de historiadores e pesquisadores da mídia de massa no país. “É curioso como um programa de rádio se torna uma constância em um país de inconstância institucional, jurídica e legislativa”, observa Luiz Artur Ferrareto, autor de dois dos principais livros de radiojornalismo editados no Brasil.

Leia mais:  Gloria Maria fala do casamento de Ana Maria Braga: “Rapidinha”

Para Sonia Virginia Moreira, professora do Programa de Pós-graduação em Comunicação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, a longa duração do programa “tem muito a ver com a própria longevidade do rádio como meio de comunicação. A morte do rádio foi anunciada várias vezes e ele segue como um veículo muito importante no Brasil.”

“Nenhum governo abriu mão dessa ferramenta fantástica. A longevidade vem da percepção que os diferentes governos tiveram que manter essa ferramenta era algo que trazia uma vantagem enorme para o governo do ponto de vista das suas estratégias e para seus objetivos”, acrescenta Henrique Moreira, professor de jornalismo e especialista em história da mídia no Brasil.

Curiosidades sobre A Voz do Brasil 

 A Voz Brasil nem sempre teve como trilha sonora de abertura trecho da ópera O Guarani (1870), de Carlos Gomes. O Hino da Independência (1822), composto por Dom Pedro I, e Aquarela do Brasil (1939), de Ary Barroso, também serviram para marcar o início do programa.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana