conecte-se conosco


Cidades

Primeira-dama destaca em evento o maior conjunto de ações da história do Siminina

Publicado

Normal
0

21

false
false
false

PT-BR
X-NONE
X-NONE

/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-priority:99;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin-top:0cm;
mso-para-margin-right:0cm;
mso-para-margin-bottom:10.0pt;
mso-para-margin-left:0cm;
line-height:115%;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:11.0pt;
font-family:”Calibri”,”sans-serif”;
mso-ascii-font-family:Calibri;
mso-ascii-theme-font:minor-latin;
mso-hansi-font-family:Calibri;
mso-hansi-theme-font:minor-latin;
mso-fareast-language:EN-US;}

O encerramento das atividades do Mês das Crianças da Prefeitura de Cuiabá, realizado nesta segunda-feira (29), no Buffet Leila Malouf, foi voltado inteiramente para as mais de mil meninas atendidas pelo programa Siminina.

A festa temática, que aconteceu pelo segundo ano consecutivo, teve a decoração inspirada no clima tropical e proporcionou ao público presente composto por parceiros, autoridades e convidados em geral apreciar apresentações culturais, folclóricas e dançantes que se encontram dentro das atividades do programa.

“As meninas aprendem durante todo o ano atividades como essas e hoje, por ser um dia comemorativo, é uma oportunidade de elas mostrarem umas para as outras a importância de se dedicarem às atividades porque ela vai representar uma influência e experiência enorme no seu desenvolvimento humano”, disse Dalma Beatriz, coordenadora do Siminina.

Nesse sentido, a primeira-dama de Cuiabá, Márcia Pinheiro, madrinha do programa, destacou o empenho da gestão do prefeito Emanuel Pinheiro em promover o maior conjunto de ações da história do Siminina.

Leia mais:  Prefeitura realiza sorteio referente à Nota Cuiabana Edição de Natal

“Temos muito orgulho de estar promovendo essa série de atividades como ballet, informática, artesanato, judô, inglês, dança e agora incluímos a fanfarra que estimula a prática musical nessa importante fase da vida, além de proporcionar na formação educacional, social e musical na vida dessas meninas”, destacou Márcia em alusão à primeira apresentação da banda de Fanfarra, da unidade do Três Barras.

Além do conjunto de atividades, as doações e parcerias com empresas e instituições têm contribuído na ampliação do atendimento. Somente em 2018, cerca de 25 parcerias foram conquistadas em decorrência da política da primeira-dama em angariar, cada vez mais, parceiros de modo a impulsionar o Siminina.

“É um programa que é mantido exclusivamente com recursos municipais e depende muito da ajuda de alguns parceiros, o que a primeira-dama Márcia Pinheiro tem conduzido muito bem. A procura pelo programa se intensificou e tem contribuído na ampliação. O Siminina já conta com 500 meninas a mais em relação à gestão anterior e a previsão é aumentar nos próximos anos”, afirmou o titular da pasta de Assistência Social, Wilton Coelho.

Leia mais:  Procon multa Enel em R$ 10,2 milhões por problemas em contas de luz

Ao todo, são 17 unidades do Siminina, sendo uma delas inaugurada no distrito do Sucuri, região rural de Cuiabá, pela atual administração. A expectativa é de que em novembro mais uma unidade seja entregue, desta vez no bairro Santa Izabel.

 

Homenagem

O evento ficou marcado pela homenagem da primeira-dama Márcia Pinheiro à ex-primeira-dama da Capital, Iraci França, que foi a idealizadora do programa Siminina há 21 anos.

O prefeito Emanuel Pinheiro lembrou a importância da gestão Roberto França, do ponto de vista social onde criou, além do Siminia, o importante programa Bom de Bola, Bom de Escola de viés social de grande importância para Cuiabá.

“A gestão Roberto França foi um divisor de águas em relação ao bem estar social de Cuiabá. Nós assumimos a gestão com o compromisso de reativar o Bom de Bola, Bom de Escola e cuidar especialmente do Siminina, e temos feito isso! Essa homenagem é o reconhecimento de uma administração digna, correta e que foi além de seu tempo para com o social da nossa querida Cuiabá”, afirmou Pinheiro ao ex-prefeito Roberto França, também presente na homenagem.

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Governo zera tarifas de 34 medicamentos usados no combate à covid-19

Publicado

por

A Câmara de Comércio Exterior (Camex) zerou o Imposto de Importação de 34 medicamentos usados no combate à covid-19. A resolução foi publicada hoje (13) no Diário Oficial da União.

Entre os medicamentos beneficiados pela medida, estão Ivermectina, Fondaparinux, Varfarina, Nitazoxanida, Edoxabana e Rivaroxabana. O órgão também zerou a tarifa de máquinas para produção e embalagem de máscaras descartáveis de proteção respiratória. As máquinas deverão fabricar pelo menos 400 máscaras triplas com orelhas elásticas de estrutura compacta por minuto.

A resolução zerou o Imposto de Importação de bolsas para coleta de sangue com solução anticoagulante. Desde o início da pandemia do novo coronavírus, a Camex, órgão composto de representantes de vários ministérios presidido pelo Ministério da Economia, reduziu a zero a tarifa de 549 produtos relacionados ao enfrentamento da doença. O benefício vale até 30 de setembro.

Atrofia muscular

Em outra resolução publicada hoje, a Camex zerou a tarifa de importação do medicamento Zolgensma, usada no combate à atrofia muscular espinhal (AME) em crianças de até dois anos. Cotada a R$ 12 milhões e sem fabricação no Brasil, a droga é considerada o medicamento mais caro do mundo, de acordo com o Ministério da Economia.

Leia mais:  Partido Podemos ganha musculatura e conta com novos correligionários para eleições de 2020 em Barra do Garças.

A desoneração do medicamento havia sido anunciada pelo presidente Jair Bolsonaro na noite de sexta-feira (10), mas a decisão só foi oficializada hoje.

Segundo o Ministério da Saúde, a AME é uma doença rara, degenerativa, passada de pais para filhos e que interfere na capacidade do corpo de produzir uma proteína essencial para a sobrevivência dos neurônios motores, responsáveis pelos gestos voluntários vitais simples do corpo, como respirar, engolir e se mover.

Varia do tipo 0 (antes do nascimento) ao 4 (segunda ou terceira década de vida), dependendo do grau de comprometimento dos músculos e da idade em que surgem os primeiros sintomas. Até o momento, não há cura para a doença.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana