conecte-se conosco


Cidades

Primavera 2020: chegada da estação deve trazer chuva para o Pantanal

Publicado

Estação no Hemisfério Sul começa às 10h31 de terça (22) e termina em 21 de dezembro às 07h02 (horário de Brasília). Veja previsão para todas as regiões do país.

Por G1

A primavera de 2020 para o Hemisfério Sul está prestes a começar: segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a previsão do início da nova estação é para as 10h31 (horário de Brasília) de terça-feira (22). Ela termina em 21 de dezembro às 07h02.

A previsão para a primeira semana da estação é de chuva na maior parte do país, exceto na região Nordeste. No Centro-Oeste, o tempo chuvoso deve ajudar a apagar os incêndios no Pantanal, que já alcançam altas históricas. No Sudeste, entre Minas Gerais e o norte do Rio de Janeiro, a previsão é de chuva mais pesada (veja vídeo acima).

Abaixo, veja a previsão para todas as regiões do país, segundo o Inmet:

Centro-Oeste:
A previsão para o Centro-Oeste aponta para uma irregularidade das chuvas para o próximo trimestre. Devem permanecer acima da média sobre a parte central e norte de Mato Grosso, norte de Goiás e centro de Mato Grosso do Sul, principalmente em novembro. Nas demais áreas, as chuvas devem permanecer próximas à média ou ligeiramente abaixo.

As temperaturas devem ultrapassar a média ao longo da estação, com exceção de Mato Grosso do Sul e sudoeste de Mato Grosso, onde poderão ficar ligeiramente abaixo da média.

Temperaturas na primeira semana da primavera para as capitais do Centro-Oeste:

Brasília: mínima de 17°C e máxima de 28°C na terça (22); mínima de 16°C e máxima de 26°C na quarta (23); mínima de 16°C e máxima de 29°C na quinta (24); mínima de 15°C e máxima de 30°C na sexta (25).
Campo Grande: mínima de 17°C e máxima de 29°C na terça (22); mínima de 16°C e máxima de 31°C na quarta (23); mínima de 20°C e máxima de 35°C na quinta (24); mínima de 22°C e máxima de 40°C na sexta (25).
Cuiabá: mínima de 21°C e máxima de 36°C na terça (22); mínima de 27°C e máxima de 38°C na quarta (23); mínima de 25°C e máxima de 41°C na quinta (24); mínima de 24°C e máxima de 42°C na sexta (25).
Goiânia: mínima de 22°C e máxima de 29°C na terça (22); mínima de 18°C e máxima de 26°C na quarta (23); mínima de 19°C e máxima de 30°C na quinta (24); mínima de 19°C e máxima de 35°C na sexta (25).
Norte
A previsão climática para outubro, novembro e dezembro indica um predomínio de áreas com probabilidade de chuvas acima do normal, exceto sobre a parte norte da região, sudeste do Pará e noroeste do Tocantins, onde existe uma tendência de chuva abaixo da média.

A temperatura do ar próximo à superfície deverá prevalecer acima da média, exceto na divisa entre Pará e Amazonas – onde as temperaturas devem ser mais amenas devido à persistência das chuvas.

Temperaturas na primeira semana da primavera para as capitais do Norte:

Belém: mínima de 23°C e máxima de 35°C na terça (22); mínima de 22°C e máxima de 35°C na quarta (23); mínima de 23°C e máxima de 35°C na quinta (24); mínima de 23°C e máxima de 36°C na sexta (25).
Boa Vista: mínima de 25°C e máxima de 35°C na terça (22); mínima de 25°C e máxima de 36°C na quarta (23); mínima de 25°C e máxima de 36°C na quinta (24); mínima de 25°C e máxima de 36°C na sexta (25).
Macapá: mínima de 23°C e máxima de 34°C na terça (22); mínima de 24°C e máxima de 34°C na quarta (23); mínima de 23°C e máxima de 34°C na quinta (24); mínima de 23°C e máxima de 35°C na sexta (25).
Manaus: mínima de 25°C e máxima de 35°C na terça (22); mínima de 25°C e máxima de 34°C na quarta (23); mínima de 24°C e máxima de 36°C na quinta (24); mínima de 25°C e máxima de 34°C na sexta (25).
Palmas: mínima de 24°C e máxima de 35°C na terça (22); mínima de 26°C e máxima de 39°C na quarta (23); mínima de 25°C e máxima de 40°C na quinta (24); mínima de 24°C e máxima de 39°C na sexta (25).
Porto Velho: mínima de 24°C e máxima de 33°C na terça (22); mínima de 24°C e máxima de 38°C na quarta (23); mínima de 23°C e máxima de 39°C na quinta (24); mínima de 21°C e máxima de 37°C na sexta (25).
Rio Branco: mínima de 23°C e máxima de 35°C na terça (22); mínima de 24°C e máxima de 35°C na quarta (23); mínima de 24°C e máxima de 36°C na quinta (24); mínima de 22°C e máxima de 39°C na sexta (25).
Nordeste
A previsão para a primavera indica chuvas próximas à média ou acima em grande parte da região, com exceção de algumas localidades sobre o norte da Bahia e leste do Nordeste.

Leia mais:  Primeira-dama conhece projeto Cuiabá Sempre Criança voltado aos alunos da rede pública de ensino

As temperaturas serão predominantemente elevadas nos estados do Maranhão e Piauí, porém, onde há a probabilidade de chuvas acima da média, os termômetros devem registrar temperaturas próximas ou levemente inferiores à média.

Temperaturas na primeira semana da primavera para as capitais do Nordeste:

Aracaju: mínima de 23°C e máxima de 29°C na terça (22); mínima de 24°C e máxima de 28°C na quarta (23); mínima de 23°C e máxima de 28°C na quinta (24); mínima de 23°C e máxima de 29°C na sexta (25).
Fortaleza: mínima de 24°C e máxima de 31°C na terça (22); mínima de 25°C e máxima de 31°C na quarta (23); mínima de 24°C e máxima de 30°C na quinta (24); mínima de 24°C e máxima de 30°C na sexta (25).
João Pessoa: mínima de 24°C e máxima de 29°C na terça (22); mínima de 23°C e máxima de 29°C na quarta (23); mínima de 23°C e máxima de 29°C na quinta (24); mínima de 20°C e máxima de 30°C na sexta (25)
Maceió: mínima de 21°C e máxima de 29°C na terça (22); mínima de 20°C e máxima de 28°C na quarta (23); mínima de 20°C e máxima de 29°C na quinta (24); mínima de 20°C e máxima de 31°C na sexta (25).
Natal: mínima de 24°C e máxima de 30°C na terça (22); mínima de 23°C e máxima de 30°C na quarta (23); mínima de 22°C e máxima de 30°C na quinta (24); mínima de 22°C e máxima de 30°C na sexta (25).
Recife: mínima de 22°C e máxima de 29°C na terça (22); mínima de 22°C e máxima de 29°C na quarta (23); mínima de 21°C e máxima de 29°C na quinta (24); mínima de 21°C e máxima de 30°C na sexta (25).
Salvador: mínima de 23°C e máxima de 28°C na terça (22); mínima de 23°C e máxima de 27°C na quarta (23); mínima de 23°C e máxima de 28°C na quinta (24); mínima de 23°C e máxima de 29°C na sexta (25).
São Luís: mínima de 24°C e máxima de 32°C na terça (22); mínima de 24°C e máxima de 33°C na quarta (23); mínima de 24°C e máxima de 33°C na quinta (24); mínima de 24°C e máxima de 34°C na sexta (25).
Teresina: mínima de 22°C e máxima de 37°C na terça (22); mínima de 22°C e máxima de 37°C na quarta (23); mínima de 22°C e máxima de 36°C na quinta (24); mínima de 24°C e máxima de 38°C na sexta (25).
Sul
A previsão indica chuvas abaixo da média em praticamente toda a região, exceto no norte do Paraná, onde devem ser acima da média. As temperaturas serão próximas à média ou ligeiramente acima dela, mas as entradas de sistemas frontais ainda poderão provocar queda nas temperaturas, principalmente sobre o nordeste do Rio Grande do Sul e leste de Santa Catarina.

Leia mais:  Índice de satisfação do Hospital São Benedito chega a 99%

Temperaturas na primeira semana da primavera para as capitais do Sul:

Curitiba: mínima de 8°C e máxima de 16°C na terça (22); mínima de 10°C e máxima de 16°C na quarta (23); mínima de 12°C e máxima de 22°C na quinta (24); mínima de 12°C e máxima de 30°C na sexta (25).
Florianópolis: mínima de 12°C e máxima de 19°C na terça (22); mínima de 14°C e máxima de 20°C na quarta (23); mínima de 17°C e máxima de 23°C na quinta (24); mínima de 18°C e máxima de 27°C na sexta (25).
Porto Alegre: mínima de 7°C e máxima de 19°C na terça (22); mínima de 10°C e máxima de 24°C na quarta (23); mínima de 14°C e máxima de 27°C na quinta (24); mínima de 15°C e máxima de 30°C na sexta (25).
Sudeste
A previsão é de chuvas acima da média em grande parte da região. No leste de São Paulo e centro de Minas Gerais, as probabilidades indicam o risco de chuvas abaixo da média. Com o retorno das chuvas mais regulares no mês de novembro, a previsão indica o predomínio de temperaturas próximas ou ligeiramente abaixo da média.

Temperaturas na primeira semana da primavera para as capitais do Sudeste:

Belo Horizonte: mínima de 15°C e máxima de 24°C na terça (22); mínima de 18°C e máxima de 24°C na quarta (23); mínima de 16°C e máxima de 22°C na quinta (24); mínima de 15°C e máxima de 29°C na sexta (25).
Rio de Janeiro: mínima de 18°C e máxima de 22°C na terça (22); mínima de 18°C e máxima de 22°C na quarta (23); mínima de 16°C e máxima de 25°C na quinta (24); mínima de 18°C e máxima de 31°C na sexta (25).
São Paulo: mínima de 12°C e máxima de 17°C na terça (22); mínima de 13°C e máxima de 21°C na quarta (23); mínima de 14°C e máxima de 26°C na quinta (24); mínima de 14°C e máxima de 31°C na sexta (25).
Vitória: mínima de 21°C e máxima de 25°C na terça (22); mínima de 19°C e máxima de 21°C na quarta (23); mínima de 19°C e máxima de 23°C na quinta (24); mínima de 20°C e máxima de 25°C na sexta (25).

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Prefeitura publica calendário de pagamento do IPTU; veja datas

Publicado

A Prefeitura de Cuiabá estabeleceu a programação para pagamento do IPTU em 2021, que deve começar a partir de 1º de março. O Decreto nº 8.285, que determina o cronograma, foi publicado na Gazeta Municipal.

 

Assim como em outras edições, o pagamento poderá ser feito em cota única ou em até oito parcelas. O valor mínimo de cada parcela será de R$ 57,26.

 

Aqueles que não tiverem débitos de anos anteriores e optarem por quitar o IPTU em cota única até o dia 14 de abril, terão desconto de 10%. Os carnês serão enviados para todos os contribuintes que contam no Cadastro Imobiliário do Município.

 

Já as guias do IPTU de imóveis territoriais deverão ser retiradas nos postos de atendimentos do Município ou por meio do site.

 

A retirada presencial poderá ser feita no Centro Integrado de Atendimento ao Contribuinte (CIAC), nas Lojas de Atendimento ao Contribuinte (LAC-Norte e LAC-SUL), e em outros postos de atendimento que serão indicados pela Prefeitura de Cuiabá.

Leia mais:  MPF recomenda que comunidades indígenas de MT sejam consultadas no licenciamento

 

Outra informação que o munícipe deverá ficar atento é em relação ao pedido de isenção do pagamento, que neste ano poderá ser feito no período de 1º de junho a 30 de julho, com validade até 2024.

 

Caso a solicitação seja indeferida, será concedido um prazo de 30 dias, a partir da ciência do contribuinte quanto à decisão, para que o valor seja pago sem desconto e sem a incidência de juros e multa.

 

“De acordo com os termos do art. 5º da Lei nº 5.355/2010, alterado pela Lei nº 5.797/2014, estão isentos do Imposto Predial e Territorial Urbano os imóveis residenciais com valor venal atualizado igual ou inferior a R$ 33.921, excluindo-se os imóveis territoriais, comerciais, unidades autônomas desdobradas com cadastro individualizado para fins tributários, chácaras de recreio e garagens de edifícios”, explica o decreto municipal.

 

Veja calendário de pagamento: 

 

Primeira parcela e cota única: 14 de abril

 

Segunda parcela: 14 de maio

 

Terceira parcela: 14 de junho

Leia mais:  SUGESTÃO DE PAUTA – Procurador-geral apresenta prestação de contas

 

Quarta parcela: 14 de julho

 

Quinta parcela: 13 de agosto

 

Sexta parcela: 14 de setembro

 

Sétima parcela: 14 de outubro

 

Última parcela: 12 de novembro

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana