conecte-se conosco


Polícia

PRF recupera motocicleta furtada, em Poconé/MT

Publicado

Veículo estava abandonado às margens da BR-070

Na tarde de sexta-feira (02), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) recuperou uma motocicleta que se encontrava abandonada, nas imediações do km 591, da BR-070. O veículo havia sido furtado há poucos dias, em Várzea Grande/MT.

Durante ronda, a equipe visualizou a motocicleta Honda/CB 250 Twister, com placas de Várzea Grande/MT, abandonada em meio à vegetação. Destaca-se que no dia 29 de setembro, aPRF visualizou duas motocicletas trafegando juntas e conseguiu recuperar um dos veículos, quando o condutor o abondonou e correu para o mato (confira aqui).

Pelas características do veículo encontrado na sexta-feira (02), acredita-se que esta seja a outra motocicleta que empreendeu em fuga. Em checagem nos sistemas, constatou-se haver boletim de ocorrência para furto, datado de 28 de setembro de 2020, em Várzea Grande.

O veículo foi encaminhado para Polícia Civil de Poconé para providências cabíveis.

Comentários Facebook
Leia mais:  Polícia Civil deflagra operação para prender membros que monopolizou a saúde em Mato Grosso
publicidade

Polícia

Delegados de Mato Grosso ganham o maior salário do Brasil

Publicado

Um levantamento realizado pelo Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo (Sindpesp) mostrou que os delegados de Mato Grosso são os que ganham o maior salário da categoria no país. O salário mensal de um delegado da Polícia Civil no estado é de R$ 24,5 mil.

Enquanto o salário dos delegados de Mato Grosso é o maior do país, o vencimento de escrivães e investigadores – as outras carreiras da Polícia Civil-, está bem longe do primeiro lugar.

Para os escrivães, profissionais responsáveis pelo registro de ocorrências e pela documentação das investigações, o salário é de R$ 5,5 mil, o 11º no ranking brasileiro.

Já para os investigadores, policiais que coletam provas sobre os crimes, localizam e interrogam suspeitos e mantém a segurança dos locais de investigação, o vencimento inicial é de R$ 5,5 mil, o 9º maior na comparação com o mesmo cargo em outros estados.

Dados da Polícia Civil mostram que no quarto trimestre de 2020 havia 400 cargos para delegados, porém, 158 estavam vagos. Já para escrivão de polícia, são 1,2 mil vagas, mas só 2.056 ocupados. E para investigador são 4 mil vagas, com 1.944 cargos vagos.

Leia mais:  Energisa lidera reclamações em MT

Por ser uma carreira típica de Estado, ou seja, que não podem ser substituída por profissional contratado, os cargos da Polícia Civil só podem ser ocupados através de concurso público. No entanto, para conseguir benefícios com o governo federal durante a crise, o Estado se comprometeu a não criar novos gastos até 2022, o que incluem os concursos.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana