conecte-se conosco


Cidades

Prefeitura entrega cinco novos pontos de ônibus em 2019; 200 serão substituídos

Publicado

A Prefeitura de Cuiabá inaugurou cinco pontos de ônibus em 2019. As entregas são fruto de parceria público/privada, firmada pela Lei Adote um Ponto (6.154/2016), e correspondem a quatro paradas no padrão “Alencastrinho”, na região central, e um no modelo container, instalado em frente ao Hospital Municipal de Cuiabá – HMC, no Ribeirão do Lipa.

De acordo com a secretária adjunta da Secretaria de Mobilidade Urbana, Luciana Zamproni, o primeiro modelo se assemelha a parada da Rua Joaquim Murtinho, nos fundos da Basílica Senhor Bom Jesus. Os abrigos foram instalados em frente à Câmara Municipal, ao Estádio Eurico Gaspart Dutra (Dutrinha), ao Asilo Santa Rita e na Rua Ramiro Noronha. 

Já o segundo tipo é inspirado na Estação Alencastro e na parada em frente ao Shopping Pantanal, na Avenida Historiador Rubens de Mendonça (do CPA). Nestes casos a estrutura conta com placas solares, pontos de USB, minibiblioteca, jardim suspenso e isolamento térmico. 

O secretário da Pasta, Antenor Figueiredo, afirma que o prefeito Emanuel Pinheiro priorizou estes dois modelos distintos por conta da viabilidade de sua implantação. Sendo assim, até o próximo ano, a Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) deverá substituir 200 pontos pela Capital, sanando o problema de paradas com defeito.

Leia mais:  Incêndio atinge carreta na BR-163, em MT, olhe vídeo

Seguindo a proposta de reaproveitamento de containers, a Semob finaliza nos próximos 15 dias a revitalização do ponto da praça Maria Taquara. A parada da Praça Ipiranga, por sua vez, terá as obras iniciadas na segunda-feira (14) e tem previsão de entrega de 90 dias.

Cuiabá conta atualmente com 2.500 pontos de ônibus, divididos entre abrigos e placas de indicação de parada dos coletivos.

Parceria com iniciativa privada

Figueiredo reforça que nestes casos não há gastos para a gestão, uma vez que os investimentos são feitos por empresas que participam do certame de seleção. Todos os pontos serão construídos por meio do processo de chamamento público, no qual a iniciativa privada é incentivada a aderir à política denominada “Adote Um Abrigo”.

Por meio dessa dinâmica, empresas conquistam o direito legal de explorar o espaço com o uso de publicidade, à medida que também assumem a responsabilidade de zelar pelo lugar, com as devidas manutenções necessárias. 

Ele explica ainda que todo o trâmite é realizado por meio da adesão de empresas a um termo de cooperação, que resulta na construção dos pontos. “O prazo mínimo para exploração é de cinco anos, podendo ser prolongado conforme a legalidade dos trâmites institucionais”, finaliza.

Leia mais:  Prefeitura realiza cinco audiências em distritos para revisão do Plano Diretor de Cuiabá

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Prefeito busca solução para pagamento de salário dos funcionários da Santa Casa

Publicado

por

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, afirmou que busca solução jurídica e garantias que se repassar os recursos, seja cumprido o pagamento de salário dos funcionários da Santa Casa de Misericórdia de Cuiabá, que estão com cinco folhas salariais atrasadas, além do 13° salário do ano passado.

Em reunião com os profissionais da unidade hospitalar  o prefeito lembrou que por mais que o pagamento dos salários da instituição filantrópica não seja uma obrigação da Prefeitura de Cuiabá, está solidário aos funcionários e familiares.

“É uma violência contra os funcionários e seus familiares. Estamos solidários, constrangidos e indignados com essa situação. Atendendo pleito dos vereadores de Cuiabá e da sociedade, determinei que nossa equipe busque uma fórmula de ajudarmos a resolver essa pendência salarial, fazendo repasses dentro do possível, desde que sejam recursos carimbados, ou seja, destinados exclusivamente para o pagamento da folha salarial dos profissionais que ganham até R$ 4 mil líquidos, o que representa 85% dos funcionários”, afirmou.

Pinheiro determinou à equipe que busque o aspecto legal, fluxo de caixa e de que forma operacionalizar para que seja garantido o pagamento dos funcionários (em caso de repasse para a Santa Casa, que seja recurso carimbado exclusivamente para o pagamento dos salários). No diálogo, disse que está sendo estudado a disponibilidade de caixa, se pode pagar um, um e meio ou dois meses de salário dos profissionais.

Leia mais:  Centro de Convivência de Idosos João Guerreiro é entregue após ser revitalizado

“O gabinete está sempre de portas abertas para vocês, por isso convido a comissão dos profissionais para acompanhar tudo que discutirmos sobre a Santa Casa”, confirmou o prefeito.

AGRADECIMENTO

Os profissionais da Santa Casa agradeceram o apoio do prefeito em buscar soluções para o atraso de salário. Também elogiaram o remanejamento dos pacientes para outras unidades como o Hospital Geral Universitário (HGU) e Hospital de Câncer.

“Quero agradecer a postura do prefeito conosco, a situação está tão dramática porque não sabemos a que ponto acreditar na diretoria atual devido a essa situação de buscar outros caminhos atrapalhando um acordo firmado. Estamos acompanhando as discussões para debater como podemos receber o salário, para que esse recurso não seja passado para a diretoria, porque se for repassado, não sabemos se existe bloqueio judicial, se realmente vai cair mesmo para nós, por isso ficamos felizes com a postura do prefeito em se preocupar se vamos mesmo receber o salário”, disse André Luis Lara, auxiliar administrativo e funcionário há 17 anos da Santa Casa.

Leia mais:  Prefeito e vice recebem homenagem por serviços prestados durante encontro nacional do Rotaract

Também funcionário da Santa Casa, Marcelo Pinheiro, afirmou que o prefeito abraçou a situação, mesmo a Santa Casa tendo como pacientes, 70% do interior e 30% do município.

“O prefeito foi positivo, com o coração enorme, começou o programa para transferir os pacientes para os demais hospitais. Para os funcionários, trabalha para ter o pagamento aos funcionários de forma legal, sem o dinheiro ficar com a diretoria. A situação hoje é degradante, sufocante, apavorante para os pais e mães de família, e graças a Deus o prefeito achou o caminho para os pacientes e encontrando o caminho para os funcionários”, agradeceu.

Fonte: Prefeitura de Cuiabá
Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana