conecte-se conosco


Cidades

Prefeitura de VG entrega uniformes e autoriza reforma de 23 unidades

Publicado

Com investimentos da ordem de R$ 5,21 milhões em recursos da Educação Municipal de um total de R$ 105 milhões previstos para serem investidos, em 2019, a Prefeitura de Várzea Grande realiza nesta segunda-feira, 15 de abril, a entrega de uniformes escolares para 28 mil alunos da Rede Pública Municipal.

Esta é o terceiro ano consecutivo que Várzea Grande entrega conjuntos de uniformes para os alunos da Rede Pública Municipal, uma ação que a prefeita Lucimar Sacre de Campos sinaliza cumprir com prazer por demonstra o zelo para com a Educação, o respeito para com a população e a segurança que os uniformes promovem junto a população estudantil.

Durante a solenidade será autorizada pela prefeita Lucimar Sacre de Campos e pelo secretário de Educação, Silvio Fidélis, reforma e manutenção em 23 unidades do setor educacional, sendo 9 Escolas Municipais de Educação Básica (EMEB); 7 Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI); o Núcleo Tecnológico e o Ginásio Poliesportivo Jorge Mussa.

Além dessas ações, a prefeita Lucimar Sacre de Campos, também assina a ordem de serviço para manutenção predial de 6 Escolas Municipais. A meta estabelecida pela administração municipal é de até 2020, ter promovido a reforma de todas as unidades que fazem parte da rede de ensino público da cidade.

“Nosso compromisso não se resume apenas em obras e ações, mas na busca dos resultados práticos, que é permitir que os jovens de hoje tenham uma formação adequada para se tornarem profissionais no futuro”, disse Lucimar Sacre de Campos sinalizando que a administração municipal de Várzea Grande, zela pela qualidade do ensino através de políticas públicas voltadas para o ambiente escolar.

Leia mais:  Motorista flagrado utilizando o carro oficial de forma inadequada é desligado da Prefeitura

A gestora lembra ainda que desde que assumiu a Prefeitura de Várzea Grande tem honrado todos os anos, com o compromisso em disponibilizar aos estudantes matriculados, o uniforme escolar. “Mesmo não sendo uma obrigação legal, a entrega desse conjunto de uniforme reafirma nosso compromisso com os alunos da Rede Pública, na garantia e na sua permanência nas escolas. Assumimos esse compromisso com os estudantes, por também entender que se trata de um item de extrema necessidade, pois além de ser uma economia para os pais, proporciona a praticidade e, acima de tudo, a segurança dos alunos”.

Já o secretário de Educação, Silvio Fidélis, destaca que: “ampliar e melhorar a estrutura das unidades escolares tem sido um compromisso da prefeita Lucimar Sacre de Campos, que vem mantendo desde 2015, a política pública de fortalecimento e qualidade no ensino da Rede Pública Municipal”, explicou ele ponderando ainda que: “O uniforme é um peça indispensável para o estudante. É também um item de segurança, pois garante a identidade dos alunos e uma economia para as famílias que não terão de investir em vestuários para seus filhos irem à escola”, destacou o gestor lembrando que os uniformes devem ser usados durante horário escolar.

Lucimar Campos assinala também a importância na capacitação dos profissionais da Educação Pública Municipal de Várzea Grande e pondera que o concurso público realizado em 2018 que atendeu a todas as áreas da administração pública, deram prioridade para as áreas da Educação e Saúde, que já convocaram e empossaram mais de 80% dos aprovados.

Leia mais:  Inauguração do segundo Relógio Cuiabá 300 acontece nesta quinta-feira (25)

“Todos os investimentos feitos no setor educacional, no que tange a reforma e construções de novas unidades, capacitação de professores, aquisição de material didático, equipamentos e compra de kits de uniformes estão ajudando a expandir o ensino público municipal e que terá impacto no futuro, uma mudança no perfil dos estudantes da Rede Pública Municipal. Nesta etapa, assinamos a ordem de serviço para a reforma geral de escolas municipais e creches infantis além da reforma de um ginásio poliesportivo. São obras estruturantes que oferecem condições dignas para o aprendizado dos estudantes, além de comodidade e segurança para toda a comunidade escolar”, reafirma a prefeita Lucimar Campos.

O secretário de Educação, Silvio Fidelis disse que a Educação é um setor prioritário na atual gestão e que os investimentos estão sendo feitos na garantia e fortalecimento do setor educacional. “Ao longo desses anos a Educação alcançou índices positivos, principalmente, na elevação do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, e isso muito se deve as inúmeras melhorias que a Secretaria de Educação vem recebendo nos últimos quatro anos”, destacou.

Silvio Fidélis, afirma ainda que as melhorias no setor educacional atestam a responsabilidade que essa gestão está tendo com a Educação Pública municipal, melhorando a qualidade de ensino, sem esquecer o reconhecimento e respeito a todos os servidores que compõem a pasta, pois um ensino de qualidade exige espaços adequados, profissionais capacitados e zelo por parte do Poder Público.

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Alunos participam de aula de campo que resgata a história do bairro Campo Velho

Publicado

por

Divulgação

Alunos do 3º ano do 1º ciclo da Escola Municipal de Educação Básica (EMEB) Filogônio Correia, do bairro Campo Velho, participaram nesta semana de uma aula de campo no Aeroporto Internacional de Cuiabá – Marechal Rondon, em comemoração aos 300 anos de Cuiabá. A aula faz parte do Projeto “Campo Velho e os voos continuam”, que resgata partes da história da cidade.

A iniciativa tem uma explicação, a escola está localizada no bairro em que aconteceu o primeiro pouso de avião em Cuiabá, no dia 29 de março de 1929, num campo improvisado. “Resolvemos realizar esse projeto para que as crianças conhecessem mais sobre o primeiro pouso de um avião em Cuiabá que aconteceu nosso bairro. Os alunos do 3º ano estão fazendo a parte do primeiro pouso, então solicitamos uma visita ao aeroporto”, explicou a diretora da escola Inês Ehrenbrienk.

Esta é a segunda turma da unidade educacional a fazer a visita. No dia 5 de abril, outra turma participou da aula de campo. A diretora Inês relembra que ao chegar ao aeroporto, os alunos foram recepcionados no auditório da Superintendência, onde assistiram a uma apresentação sobre a história do aeroporto e receberam gibis da Turma da Mônica com foco na aviação. Em seguida, entraram na área operacional, onde visitaram a Seção contra Incêndio (SCI). Lá, tiveram uma explicação sobre como funciona e participaram de uma simulação de incêndio.

Leia mais:  Prefeitura de Cuiabá publica editais de convocação para cinco funções

“Os alunos visitaram também o Centro Integrado de Operações Aéreas (CIAOPER), onde puderam conhecer os aviões e os helicópteros da corporação e a função de cada um deles, além disso, as crianças puderam entrar no helicóptero”, acrescentou Inês. Depois, foi a hora de conhecer uma aeronave utilizada em voos comerciais e simularam um embarque, entraram na cockpit (cabine do Piloto). Pelo Finger, ponte que faz ligação entre o terminal de aeroporto e o avião, foi simulado o desembarque.

Nessa aula de campo, participaram 60 alunos divididos em duas turmas. “A experiência foi maravilhosa, as crianças ficaram extasiadas de tanta alegria. É gratificante para nós educadores podermos proporcionar momentos como esses para os nossos alunos. Com certeza ficará na memória deles por muito tempo”, destaca Inês.

A culminância do projeto será apresentada para a comunidade no final do mês de abril.

(Estagiária Emilly Rodrigues com supervisão da jornalista Maria Barbant)

 

 

 

Fonte: Prefeitura de Cuiabá
Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana