conecte-se conosco


Cidades

Prefeitura apresenta novo modelo de transporte; investimento será de R$ 110 mi

Publicado

Davi Valle

 

Clique para ampliar

Em audiência pública a Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) apresentou à população uma proposta para solucionar os problemas do transporte coletivo na Capital, na quarta-feira (19). O modal prevê testes para quatro novos ônibus entre híbridos e elétricos, além da possibilidade de implantação do Veículo Leve sobre Trilho (VLT).

O setor deve receber incialmente investimentos de R$ 110 milhões e a previsão para o lançamento do edital é para abril de 2019.De acordo com o titular da Pasta, Antenor Figueiredo, do encontro saíram ponderações que poderão nortear uma próxima audiência antes do lançamento da licitação.

“Convocamos essa primeira audiência pública para que a população pudesse contribuir neste processo, com sugestões que ajudarão a melhorar o atendimento à zona rural, a criação de novas linhas e tudo o que for necessário de uma forma geral”, explicou.

O projeto leva em consideração uma recomendação do Tribunal de Contas do Estado (TCE-MT) e foi desenvolvido a partir da realização de um amplo estudo, que diagnosticou a situação do transporte na Capital. Assim, o levantamento aponta problemas relacionados aos terminais, linhas e qualidade dos ônibus.

Leia mais:  Prefeitura realiza fiscalização no combate à Poluição Sonora

Para resolver as questões o modelo prevê que, inicialmente, 33% da frota seja climatizada. Em cinco anos, contudo, a porcentagem chegará a 100%. “Por determinação do prefeito Emanuel Pinheiro, será uma licitação composta de veículos novos, com ar condicionado e um sistema de rede moderno”, disse o secretário.

A população de maneira democrática teve a oportunidade de sugerir, e apresentar seus apontamentos obtendo as respostas dos gestores da Semob, ou do engenheiro civil, técnico da empresa contratada, Arlindo Fernandes.

 

O encontro aconteceu no auditório da Secretaria Municipal de Educação e reuniu também representantes da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) da Agência Municipal de Regulação dos Serviços Públicos Delegados de Cuiabá (Arsec), Ordem dos Advogados do Brasil (OAB MT), vereadores de Cuiabá, Associação Mato-grossense dos Deficientes, Associação de Usuários do Transporte Coletivo.

 

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

STF suspende lockdown na 3ª maior cidade de MT; Cuiabá em VG ainda será decidido

Publicado

por

Rondonópolis avisou que venda de bebidas segue proibida na cidade; comércio reabre na segunda

A prefeitura de Rondonópolis, através da Procuradoria Geral do Município, conseguiu nesta sexta-feira (03/07) suspender a decisão do desembargador Mário Kono de Oliveira, do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT) que determinava lockdown na cidade. A Prefeitura entrou com o recurso e o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro José Dias Tóffoli, deferiu o pedido.

Com isso, entre as medidas vigentes estabelecidas nos decretos nº 9570/2020 e nº 9480/2020 estão a proibição de bebidas alcoólicas, bem como a circulação de pessoas a partir das 19h.

No entanto, supermercados e postos de combustíveis funcionarão nos finais de semana e o comércio retorna na segunda-feira (06).

A prefeitura de Cuiabá também ingressou com uma reclamação para anular a decisão do juiz José Luiz Lindotti, da Vara de Fazenda de Pública de Várzea Grande, que determinou o fechamento dos serviços não essenciais na Capital e na Cidade Industrial. O pedido foi distribuído ao ministro Gilmar Mendes, mas deve ser analisado por Tóffoli, já que o STF entrou em recesso.

Leia mais:  Prefeitura de Cuiabá divulga editais de convocação para as funções de Pedagogo e TDI

Por: folhaMax

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana