conecte-se conosco


Cidades

Prefeito reforça parceria do Município com a agricultura familiar

Publicado

Como está a realidade da agricultura familiar? Está fácil viver no campo? É possível melhorar? Quais serviços podem ser ofertados pela prefeitura para incrementar e fortalecer esse segmento? Esses foram alguns dos questionamentos feitos pelo prefeito Emanuel Pinheiro durante o evento de lançamento do Saberes da Terra, realizado na manhã do último sábado (03), no distrito do Aguaçu. O evento é fruto de parceria entre Prefeitura de Cuiabá, Sindicato dos Trabalhadores Rurais e Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer). 

Mais de 200 representantes da agricultura familiar pertencentes a região Norte, contemplando Distrito da Guia e Aguaçu participaram do evento Saberes da Terra, que teve como objetivo dar vez e voz aos trabalhadores do campo que conhecem as reais necessidades do setor e promovem a agricultura familiar.  

“Com essa visão altamente social e de integração, fiz questão de estar presente nesse primeiro encontro do Saberes da Terra, para demonstrar a parceria que a gestão Emanuel Pinheiro quer fazer com o homem e a mulher do campo. Além de firmar um elo com o Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Empaer, Conab e demais instituições necessárias, para promover avanços e evoluções que a administração municipal possa fazer para melhorias e novos investimentos no setor”, disse o prefeito Emanuel Pinheiro.

Leia mais:  Toque de recolher começa neste sábado em Cuiabá

A secretária municipal de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Débora Marques agradeceu o prefeito pela confiança e apoio para realização desse importante encontro voltado para a agricultura familiar. “Quando assumi a pasta, o prefeito pediu prioridade para a agricultura familiar. A partir de então, iniciamos um levantamento para identificar as principais demandas, dentre elas a carência de associações e cooperativas organizadas, o que dificulta maior acesso do poder público em trazer novos investimentos e incremento de novos recursos”, declarou a secretária.

Diante desse cenário é que resolvemos elaborar o Saberes da Terra, contou Débora. “Foram efetuados os cadastros dos pequenos produtores no Cadastro Único. Com esse levantamento exato será mais fácil saber que tipo de serviço poderá ser ofertado e melhor aproveitado nessa comunidade do Distrito do Aguaçu”, salientou.

Para o administrador regional do Aguaçu, Paulo Peixe esse foi um momento ímpar para o setor da agricultura. “Só uma gestão humanizada e que se preocupa com todos os setores, de forma igualitária é que consegue realizar um encontro como esse. Tenho certeza que o momento agora é de colheita e novos investimentos. Estou muito satisfeito. Isso demonstra e respeito e comprometimento com quem trabalha e produz”, reforçou.

Leia mais:  Formas de empreendedorismo são ensinadas no Programa Qualifica Cuiabá 300

 “A gestão Emanuel Pinheiro quer estar ao lado da Agricultura Familiar, sendo parceira, pois respeita e acredita no trabalhador rural. Onde tiver um morador, lá estará a prefeitura. Essa administração está trabalhando para melhorar e aproximar a prefeitura, demonstrando ser uma administração da cidade e do campo, e do campo e da cidade a fim de estimular a sucessão familiar, o empreendedorismo e dizer que no meio rural ainda é possível prosperar”, finalizou Pinheiro.  

Uma segunda edição já está marcada para o dia 31 de agosto, quando o debate será levado à região Sul, incluindo o Cinturão Verde, Coxipó do Ouro e Formosa.

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Prefeitura publica calendário de pagamento do IPTU; veja datas

Publicado

A Prefeitura de Cuiabá estabeleceu a programação para pagamento do IPTU em 2021, que deve começar a partir de 1º de março. O Decreto nº 8.285, que determina o cronograma, foi publicado na Gazeta Municipal.

 

Assim como em outras edições, o pagamento poderá ser feito em cota única ou em até oito parcelas. O valor mínimo de cada parcela será de R$ 57,26.

 

Aqueles que não tiverem débitos de anos anteriores e optarem por quitar o IPTU em cota única até o dia 14 de abril, terão desconto de 10%. Os carnês serão enviados para todos os contribuintes que contam no Cadastro Imobiliário do Município.

 

Já as guias do IPTU de imóveis territoriais deverão ser retiradas nos postos de atendimentos do Município ou por meio do site.

 

A retirada presencial poderá ser feita no Centro Integrado de Atendimento ao Contribuinte (CIAC), nas Lojas de Atendimento ao Contribuinte (LAC-Norte e LAC-SUL), e em outros postos de atendimento que serão indicados pela Prefeitura de Cuiabá.

Leia mais:  Toque de recolher começa neste sábado em Cuiabá

 

Outra informação que o munícipe deverá ficar atento é em relação ao pedido de isenção do pagamento, que neste ano poderá ser feito no período de 1º de junho a 30 de julho, com validade até 2024.

 

Caso a solicitação seja indeferida, será concedido um prazo de 30 dias, a partir da ciência do contribuinte quanto à decisão, para que o valor seja pago sem desconto e sem a incidência de juros e multa.

 

“De acordo com os termos do art. 5º da Lei nº 5.355/2010, alterado pela Lei nº 5.797/2014, estão isentos do Imposto Predial e Territorial Urbano os imóveis residenciais com valor venal atualizado igual ou inferior a R$ 33.921, excluindo-se os imóveis territoriais, comerciais, unidades autônomas desdobradas com cadastro individualizado para fins tributários, chácaras de recreio e garagens de edifícios”, explica o decreto municipal.

 

Veja calendário de pagamento: 

 

Primeira parcela e cota única: 14 de abril

 

Segunda parcela: 14 de maio

 

Terceira parcela: 14 de junho

Leia mais:  Santa Casa corta R$ 100 mil em gratificações e deve demitir 145 funcionários

 

Quarta parcela: 14 de julho

 

Quinta parcela: 13 de agosto

 

Sexta parcela: 14 de setembro

 

Sétima parcela: 14 de outubro

 

Última parcela: 12 de novembro

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana