conecte-se conosco


Cidades

Prefeito recebe presidente da Fecomércio e dialoga sobre projetos de inclusão para os 300 anos

Publicado

Com uma gestão voltada à equalização e dignificação dos serviços prestados ao cidadão cuiabano, o prefeito Emanuel Pinheiro vem agregando grandes parceiros na construção de uma cidade melhor para se viver.  Isso foi reforçado na tarde desta quarta-feira (6), onde o chefe do Executivo recebeu o presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso (Fecomércio-MT), José W. Souza Jr.

Durante o encontro, os gestores dialogaram sobre um pacote de ações voltadas à inclusão social da população de Cuiabá. Essas ações – nos segmentos do lazer, esporte, educação, cultura, turismo, serão ofertadas pelas órgãos da Federação, como o Sesi, Senai, Senac, e agregariam às comemorações dos 300 anos da Capital, atendendo, principalmente a zona periférica da cidade.

Pinheiro acolheu com grande entusiasmo os projetos e reiterou sobre a relevância de se trabalhar em parceria. “Fico imensamente lisonjeando quando o município de Cuiabá é escolhido, entre tantas cidades, para receber esses benefícios. Isso mostra que estamos trabalhando com seriedade e os resultados estão aparecendo e servindo de base para que mais pessoas queiram fazer parte desse grande projeto da Cuiabá 300 Anos”, destacou.   

Leia mais:  Falta de abastecimento de água inviabiliza atendimento de pacientes na Policlínica do Verdão

As ações, que envolvem curso, apresentações culturais, entre outras, não terão custo para o Município, nem para o cidadão. “Montamos um grande pacote de ações, em várias áreas, para contemplar Cuiabá nesse marco do seu tricentenário. Esse plano soma aos projetos do prefeito, que é o de resgatar e transformar a vida dos cuiabanos, por meio da inclusão social”, salientou presidente José W. Souza Jr.

A ideia inicial é que sejam desenvolvidas atividades como apresentação musical, teatral e esportiva, em espaços públicos. Já os cursos educacionais serão ministrados nas comunidades. Esse plano, segundo Souza Jr., facilita a participação das pessoas.

“Dessa maneira, focamos em implantar e desenvolver as ações de acordo com as necessidades dessas comunidades mais carentes. Então, em vez das pessoas virem até o centro da cidade, nós vamos até elas, facilitando, inclusive, a locomoção. Todo esse planejamento vem incentivá-las à seguir em frente nas atividades”, explicou.

Todo o pacote de ações será desenvolvido junto à Secretaria de Assistência Social e Desenvolvimento Humano –  pasta da qual a primeira-dama Márcia Pinheiro é madrinha. “Vou passar essa incumbência às mãos da Márcia e ela, tenho certeza, coordenará com maestria todo o processo. Creio que até a próxima semana, já poderemos firmar mais essa importante parceria para Cuiabá. Fico muito grato por essa escolha e reconhecimento do nosso trabalho”, finalizou o prefeito.     

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Criança é internada na UTI após médico dizer que falta de ar e tosse era virose

Publicado

por

Prefeitura admitiu o erro médico e informou que a criança teve infecção no ouvido que se agravou para pneumonia

Uma menina de 5 anos, moradora de Várzea Grande, teve o quadro de pneumonia agravado após não ter recebido o diagnóstico correto quando foi levada à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Cristo Rei na última semana.O pai da criança

conta que na sexta-feira (20), levou a criança à UPA para realizar uma consulta após tossir muito e sentir falta de ar. No entanto, o médico constatou, após consulta, que era ‘virose’ e receitou alguns medicamentos.

No entanto, o pai conta que durante o final de semana a menina continuou tossindo muito e, por isso, decidiu retornar ao médico. Ele comenta que sua filha só passou pela triagem e que não foi encaminhada ao atendimento médico por do atendimento de casos suspeitos de coronavírus.

Uma funcionária da unidade de saúde recomendou ao pai da menina que levasse ela na terça-feira para um postinho ou em uma Policlínica. Ele conta que levou a criança em duas Policlínicas, mas não conseguiu que fosse atendida porque não tinha médicos.

Leia mais:  Lei garante atendimento psicológico nas escolas de MT

Então, ele decidiu retornar para UPA do Cristo Rei e conversou com uma funcionária da área de triagem que pediu que ele levasse a menina na unidade. Desta vez, ele relata que a criança conseguiu atendimento e o médico pediu que ela fosse internada.

O pai conta que mais tarde a criança foi encaminhada para o Pronto Socorro com água no pulmão.

“Porque na sexta-feira o médico não fez um exame de sangue. Agora, minha guria esta intubada na UTI do Pronto Socorro de Várzea Grande”.

A Secretaria de Comunicação da prefeitura disse que houve um erro por parte da equipe da enfermagem durante a triagem na UPA do Cristo Rei e, por isso, uma investigação será feita para descobrir quem cometeu a falha.

A pasta ressaltou que a criança esta intenada na UTI do Pronto Socorro após uma infecção no ouvido ter avançado e provocado uma pneumonia.

Por: RepórterMT

Comentários Facebook
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana