conecte-se conosco


Cidades

Prefeito amplia serviço de assistência especializada na Clínica da Família do CPA 1

Publicado

O prefeito Emanuel Pinheiro inaugurou nesta sexta-feira (14)  no bairro CPA I- anexo à Clínica de Saúde da Família, a segunda unidade física do Serviço de Assistência Especializada (SAE/CTA) de Cuiabá.

O novo polo da Saúde destinado ao atendimento contínuo e humanizado para pessoas soropositivas, com Hepatites Virais e Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs) era um compromisso do plano de governo do prefeito Emanuel que prometeu descentralizar o SAE  situado no Novo Terceiro – que era a única referência de atendimento não apenas para Cuiabá, mas também para pacientes de outros municípios.

“Essa obra era meu compromissa para levar mais humanização e respeito às pessoas que precisam dos atendimentos do SAE. Além dos suportes de testagem rápidas que permitem celeridade nos diagnósticos, medicamentos para tratamento das ISTs e a Profilaxia Pre Exposição (PrEP), médicos, psicólogos, o SAE agora oferta um atendimento descentralizado em ambiente novo, climatizado e com novas mobílias para ofertar atendimento humanizado e de amor à todos que precisarem do SAE para cuidar da sua Saúde”, frisou.

Leia mais:  SUGESTÃO DE PAUTA – Prefeito entrega segundo Centro Educacional Infantil Cuiabano nesta terça-feira (20)

Com o novo SAE, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) que atua regularmente na conscientização e combate às infecções sexualmente transmissíveis em Cuiabá, recebe fôlego para atuar na reforma geral da unidade sede. É o que afirma o secretário municipal de Saúde, Luiz Antônio Pôssas de Carvalho.

“O objetivo do prefeito desde o início da gestão é ofertar atendimento de qualidade e humanizado em todas as áreas da Saúde. O SAE nunca teve uma grande reforma, por isso, iniciamos a obra para essa extensão e com isso ofertamos suporte para a obra que já está aprovada no PAS- Planejamento Anual de Saúde/2020. Agora, as mais de 4.500 pessoas que  estão cadastradas para tratamento no SAE terão s tranquilidade de saber que o serviço está melhorando ainda mais, sem ofertar quais danos aos atendimentos”, completou Pôssas.

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Pedido de cassação de Avalone gera investigação por agiotagem

Publicado

Ministro promete terminar duplicação da BR-163 e contrato da Ferrogrão

O Ministério Público Federal (MPF) determinou remessa ao Ministério Público do Estado de Mato Grosso (MPE-MT) do conteúdo da ação que pede cassação do deputado estadual Carlos Avalone (PSDB). Há indícios do crime de usura (agiotagem).O deputado teve o nome envolvido em apreensão da Polícia Rodoviária Federal (PRF), no município de Poconé (100 km de Cuiabá). Segundo informações da PRF, um veículo Gol, de cor prata, foi abordado no quilômetro 560 da BR-070.

No interior do veículo, os agentes abordaram três suspeitos, que estavam com R$ 89,9 mil em dinheiro vivo, além de vários santinhos do então candidato a deputado estadual, Carlos Avalone. Os ocupantes do veículo foram identificados como Dener Antônio da Silva, Rosenildo do Espirito Santo Bregantini e Luiz da Guia Cintra de Alcantara.

Luiz da Guia narrou em juízo que a quantia apreendida em dinheiro era de sua titularidade, justificando que no dia da apreensão veio até Cuiabá e tomou o valor emprestado de uma pessoa cujo nome inicialmente foi indicado como Armando.

Leia mais:  Emanuel Pinheiro entrega 100% do HMC e avança em 20 anos o SUS de Mato Grosso

Apesar de não acreditar na justificativa da testemunha, o MPF solicitou que o MPE investigue o crime de usura. “Considerando os indícios de prática de crime de usura pela testemunha Armando Bueno da Silva Júnior, requer-se a remessa de cópia integral dos autos ao Ministério Público do Estado de Mato Grosso para conhecimento e adoção das medidas que entender cabíveis”.

Inicialmente na lista de suplentes, Carlos Avalone tomou posse na Assembleia Legislativa após a ida de Guilherme Maluf ao Tribunal de Contas do Estado (TCE). As alegações finais da defesa de Avalone ainda são aguardadas. Somente depois os autos estarão conclusos para sentença.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana