conecte-se conosco


Polícia

Polícias Civil e Militar prendem 4 por homicídio de jovem em Diamantino

Publicado

A Polícia Judiciária Civil e Militar de Tangará da Serra prenderam quatro suspeitos de envolvimento no assassinato do jovem Gabriel Rodrigues do Nascimento, de 20 anos, na manhã desta terça-feira (26.02). Na ação foram presos Fernando Silveira de Souza, 34 anos, Odair José da Silva, 34 anos, José Valdo da Silva Soares, 22 anos e Jackson Manoel de Macena Cordeiro, 21 anos.

As investigações iniciaram para apurar o desaparecimento de duas pessoas Fernando (suspeito) e Gabriel. Fernando foi localizado em uma fazenda no Distrito de Deciolândia sendo trazido para Tangará da Serra pela Polícia Militar. Questionado a respeito de Gabriel, Fernando confessou que ter matado a vítima com a ajuda de outras pessoas que trabalham na fazenda Pscheidt.

Em diligências na fazenda, a Polícia Civil localizou o suspeito Odair, que confessou ter ajudado a matar e a carregar o corpo da vítima para uma área próxima do alojamento onde estavam tomando bebida alcoólica. O suspeito mostrou a equipe de investigadores o local onde teria deixado o corpo de Gabriel, sendo este encontrado já estado de decomposição. A vítima foi assassinada com arma branca com aproximadamente 12 golpes na região do pescoço.

Leia mais:  Jovem com várias passagens por tráfico é preso pela Polícia Civil de Nova Xavantina

As equipes da Politec e do IML foram acionadas para comparecer ao local de crime. Os suspeitos Odair José da Silva e Fernando Silveira de Souza confessaram a participação no crime. Os outros dois suspeitos José Valdo da Silva Soares e Jackson Manoel de Macena Cordeiro negaram envolvimento no homicído.

Os objetos encontrados com a vítima foram entregues lacrados na Delegacia de Tangará da Serra. O flagrante está sendo lavrado pelo delegado João Romano na Delegacia de Polícia de Tangará da Serra.

Comentários Facebook
publicidade

Polícia

Mesa da AL pode ter virada em MT

Publicado

por

Nos últimos dias, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (DEM), tem evitado dar declarações sobre a eleição da Mesa Diretora marcada para junho. Ele é cotado para ser reeleito para o terceiro mandato consecutivo no comando do Legislativo.

No entanto, nos bastidores, se comenta que um grupo alternativo estaria surgindo para derrubar o democrata. Além da primeira-secretaria, existe uma disputa fortíssima nos bastidores pela primeira-secretaria e primeira vice-presidência

Na secretaria, disputam o cargo o atual secretário Max Russi (PSB) e Janaína Riva (MDB). Também tem uma ferrenha disputa nos bastidores pela primeira vice-presidência entre Wilson Santos (PSDB) e Paulo Araújo (PP).

Explica-se: a tendência é que  Botelho seja indicado ao Tribunal de Contas tão logo seja aberta a primeira vaga de efetivo. Neste caso, o primeiro vice pode acabar herdando o comando do parlamento.

Por: folhamax

Comentários Facebook
Leia mais:  Polícia Civil de Colíder prende suspeito de envolvimento com roubos e tráfico de drogas
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana