conecte-se conosco


Mato Grosso

Policial de Mato Grosso salva mulher que se jogou de ponte em MS

Publicado

No final da tarde deste sábado (09.02), enquanto compartilhava momentos de lazer com amigos à margem do Rio Taquari, em Coxim, Mato Grosso do Sul, o soldado da Polícia Militar mato-grossense Ricardo Silva de Oliveira não pensou que teria de entrar em ação para salvar uma vida.

Lotado na Companhia de Polícia Militar Ambiental de Rondonópolis, unidade do Batalhão Especializado Ambiental, Ricardo, 26 anos, acostumado à rotina de fiscalização da pesca e resgate de animais silvestres, foi surpreendido pela cena de uma mulher se atirando da ponte do mesmo rio.

No ato seguinte, lá estava ele em um barco de amigos para alcançar a vítima e retirá-la da água. Ricardo conta que entrou no rio, mergulhou, mas a mulher submergiu por duas vezes antes que ele conseguisse segurá-la e mantê-la com a cabeça fora da água. “Cheguei a pensar que ela já estava morta”, relata.

Ainda dentro do barco o soldado começou a fazer massagem cardíaca até que a vítima recobrasse a consciência e começasse a eliminar a água que havia engolido. O salvamento também contou com a ajuda dos amigos Leandro Farias e Paulo Sérgio.

Leia mais:  MT Hemocentro realiza “Coleta Extraordinária” neste sábado

Logo depois, conta o policial, chegou uma equipe o Corpo de Bombeiros que a levou para o Hospital Álvaro Fontoura. Na manhã deste domingo (10.02), Ricardo recebeu a notícia de que a mulher está bem, recebeu alta hospitalar e encontra-se sob os cuidados de familiares.

O caso

De acordo com o soldado Ricardo, a vítima é uma mulher de pouco mais de 30 anos. Ela teria saído do bairro Senhor Divido em um mototáxi e teria como destino o bairro Piracema. Quando solicitou a corrida pediu ao piloto que a levasse até o Piracema, mas antes, quando passavam sobre a ponte do Rio Taquari, pediu para fazer uma parada. Logo depois de descer a motocicleta entregou o capacete ao piloto e se jogou no rio.     

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Consumidores podem acumular bilhetes até 31 de julho para concorrer a prêmios

Publicado

por

Os consumidores têm até o dia 31 de julho (quarta-feira) para acumular bilhetes para participar do primeiro sorteio mensal do Programa Nota MT, que será realizado no dia 8 de agosto. Além de pedir o CPF na nota, para ser habilitado a participar dos sorteios dos prêmios, o cidadão deve fazer o cadastro no aplicativo ou no site da Nota MT.

Para se cadastrar é preciso escolher a opção “criar conta” e informar os dados solicitados. Na primeira etapa informações pessoais como nome completo, CPF, data de nascimento e nome da mãe deverão ser informadas. Os dados são obrigatórios para prosseguir o cadastro e estão protegidos sob sigilo.

Para ter bilhetes válidos para os sorteios da Nota MT é muito fácil. Basta pedir, ao operador de caixa, o CPF na nota fiscal no momento da compra e antes de fazer o pagamento. O consumidor pode solicitar a inclusão do CPF no documento em compras realizadas em supermercados, lojas de departamentos, bares, restaurantes, padarias, postos de combustíveis ou outros estabelecimentos comerciais.

Leia mais:  Batalhão Fazendário inicia nesta segunda-feira atividades com operações em postos da Sefaz

De acordo com a Secretaria de Fazenda (Sefaz) cada nota fiscal emitida com o CPF gera dois bilhetes, um para o sorteio mensal e outro para o sorteio especial, independente do valor da compra.

Para consultar os bilhetes gerados é preciso acessar sua conta no site ou App da Nota MT e selecionar a opção “Sorteios”.

Os bilhetes são eletrônicos e acumulados a cada mês. Dessa forma, a cada período de apuração dos prêmios mensais e especiais são gerados bilhetes com nova série de numeração, perdendo a validade aqueles com séries anteriores.

Com os bilhetes, os consumidores participam dos sorteios mensais com prêmios de R$ 500 e R$ 10 mil. Já nos sorteios especiais, a premiação será de R$ 50 mil. Além do valor a ser recebido pelo ganhador, a entidade beneficente social indicada por ele receberá a quantia equivalente ao que resultar da aplicação no percentual de 20% sobre o valor do prêmio.

Nota MT

O Programa Nota MT visa estimular os consumidores de Mato Grosso a solicitarem o CPF na nota fiscal no momento da compra. É uma ação que estimula o exercício da cidadania fiscal, incentiva a emissão de documentos fiscais e combate à sonegação.

Leia mais:  Mato Grosso lidera o ranking de Transparência Ativa entre os estados da Amazônia Legal

Semelhante aos programas existentes em vários Estados, a Nota MT permite que o cidadão acumule bilhetes para participar de sorteios, com prêmios de até R$ 50 mil. Realizados de forma eletrônica, com base na extração da Loteria Federal, os sorteios possuem duas categorias: mensais e especiais. Este último acontecerá em datas comemorativas, a serem divulgadas posteriormente.

Dessa forma, cada nota fiscal emitida com o CPF vai gerar dois bilhetes, um para o sorteio mensal e outro para o sorteio especial, independentemente do valor da compra. Assim, as chances de ser contemplado são dobradas.

Até o final do ano mais de cinco mil consumidores mato-grossenses serão contemplados nos sorteios da Nota MT, com prêmios de R$ 500, R$ 10 mil ou R$ 50 mil.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana