conecte-se conosco


Mato Grosso

Policiais militares discutem atuação dos Grupos de Apoio

Publicado

Os policiais militares que atuam nos chamados Grupos de Apoio (GAp) participam em Cuiabá do primeiro seminário de regulamentação dessa modalidade operacional. Participam cerca de 180 militares, entre praças e oficiais, dos 141 municípios mato-grossenses.

O encontro incluí atividades teóricas, práticas e operacionais sobre abordagem, análises criminais, dados de produtividade, entre outros temas.   

Na abertura, realizada na manhã desta quinta-feira (13.02), o comandante-geral da PM, coronel Jonildo José de Assis, destacou a importância da participação dos policiais e agradeceu a disposição de todos que vieram a Cuiabá em busca de mais conhecimento para melhoria da atividade policial.

Na avaliação do comandante, ao estudar as técnicas operacionais, a PM embasa melhor suas ações e torna os resultados mais satisfatórios à população do Estado.

Na palestra de abertura o tenente-coronel Januário Antônio Edwiges Batista, comandante do 4º Batalhão de Várzea Grande e coordenador do seminário, apresentou o plano de ação do GAp, como funciona a seleção de efetivo, o treinamento, os equipamento utilizados, entre outras informações.

Leia mais:  Governo edita decreto que normatiza horário de expediente do servidor público

Januário pontuou que ao atuar seguido o ‘ABC’ das atividades policiais (Abordagem, Busca pessoal e/ou veicular e Checagem) o policial consegue fazer a diferença e dar respostas positivas à sociedade na prevenção e repressão à criminalidade.

No período vespertino o encontro acontece na Escola Superior de Formação de Praças (Esfap), com grupo de trabalho.

Na manhã desta sexta-feira (14) o seminário prossegue na Esfap. Já no período da tarde, a partir das 14h, os policiais do GAp de todos os comandos regionais vão às ruas de Cuiabá e Várzea Grande uma operação integrada. O lançamento da ação será na Praça Alencastro.   

Os Grupos de Apoio são formados por policiais treinados para dar o apoio necessário às equipes do serviço ordinário, ou seja, do policiamento de rotina, em ocorrências que exigem reforço policial imediato. Por ser uma atividade recente na PMMT, o seminário terá, entre outras funções, propor e debater procedimentos regulamentadores.

Na solenidade de abertura o pelo tenente-coronel Januário Antônio Edwiges Batista fez uma homenagem simbólica, entregou ao comandante-geral coronel Assis e ao subchefe do Estado-Maior Geral Wankley Correia Rodrigues uma camiseta com o braçal do GAp.

Leia mais:  Mutirão fiscal dará descontos de até 75% em multas e juros

 

Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Prefeitura de Lucas do Rio Verde (MT) abre concurso com 55 vagas e salário de até R$ 7 mil

Publicado

por

Por G1 MT

A Prefeitura de Lucas do Rio Verde publicou, nessa quinta-feira (27), o edital de abertura do concurso público nº 01/2020 para vagas efetivas em diversos cargos. As inscrições serão realizadas do dia 13 de março de 2020 até o dia 1º de abril de 2020.

Clique aqui para ver o edital do concurso.

Ao todo, serão 55 vagas para contratação imediata em 13 cargos e ainda classificação para cadastro reserva. Os salários variam de R$ 1.919,89 a R$ 7.055,71.

Este é o segundo concurso público lançado. Em 2019, a prefeitura realizou concurso para contratação de um engenheiro, um advogado e 16 guardas municipais.

As inscrições do concurso público serão feitas exclusivamente pela internet, no site da banca organizadora.

As taxas custam R$ 60, R$ 80 e R$ 120 para os níveis fundamental incompleto, fundamental completo, médio/técnico e superior, respectivamente. A solicitação de isenção da taxa de inscrição seguirá os critérios dispostos no edital e deverá ser feita de 13 a 19 de março.

Leia mais:  Servidores do Indea celebram Dia do Servidor Público

A seleção ocorre por meio de provas objetivas e práticas para os cargos de níveis fundamental incompleto, fundamental completo, médio e técnico. Já para os cargos de nível superior, além das provas objetivas, também haverá provas dissertativas e de títulos.

As provas objetivas são obrigatórias para todos os cargos e está agendada para o dia 3 de maio. As provas práticas, dissertativas e entrega de títulos estão previstas para dia 7 de junho.

Conforme o edital, a previsão é de que o resultado seja divulgado no dia 30 de junho de 2020.

Confira os cargos e vagas:

  • – Ajudante administrativo (40 horas) – 5 vagas + reserva – R$ 1.956,62
  • – Almoxarife (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 2.387,40
  • – Analista em tecnologia da informação (40 horas) – 2 vagas + reserva – R$ 5.612,39
  • – Auditor fiscal do município (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 7.055,71
  • – Fiscal de tributos (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 2.387,40
  • – Motorista de caminhão (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 2.319,44
  • – Motorista de transporte escolar (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 2.319,44
  • – Operador de máquinas (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 2.392,01
  • – Padeiro (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 1.919,89
  • – Professor de pedagogia (30 horas) – 40 vagas (38+2 PCD) + reserva – R$ 3.840,14
  • – Técnico administrativo educacional – área Monitoria (40 horas) – cadastro reserva – R$ 1.956,62
  • – Técnico administrativo educacional – área Secretaria (40 horas) – cadastro reserva – R$ 1.956,62
  • – Técnico agrícola (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 2.855,69
Leia mais:  Com atividades envolventes, Projeto Educarte deixa estudantes encantados

Comentários Facebook
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana