conecte-se conosco


Esportes

Polícia dos EUA pede DNA de Cristiano Ronaldo para investigar caso de estupro

Publicado


Cristiano Ronaldo é intimado a entregar amostra de DNA em caso de abuso sexual
Divulgação/Ansa

Cristiano Ronaldo é intimado a entregar amostra de DNA em caso de abuso sexual

Um dia depois de uma  ex-namorada de Cristiano Ronaldo dizer que tem mensagens e áudios que podem ajudar no caso de abuso sexual contra o jogador, a polícia dos EUA pediu para uma amostra do DNA do atleta da Juventus.

Relembrando o caso : no meio de 2018 a modelo americana Kathryn Mayorga confessou para a revista alemã Der Spiegel que foi paga por Cristiano Ronaldo para abafar um estupro ocorrido em Las Vegas no ano de 2009.

Quando a notícia veio à tona, o jogador português afirmou que a modelo mentiu sobre o caso. Ele negou todas as acusações que foram feitas, assim como sua equipe jurídica.

Links para entender a acusação de estupro contra Cristiano Ronaldo :

Leia mais:  Marcelo Fernandes conta os bastidores de um título inesquecível pelo Santos

Com o passar dos meses, mais três mulheres se juntaram à acusação, sendo uma delas uma britânica que acusou Cristiano Ronaldo de um abuso sofrido quando ele ainda jogava pelo Manchester United. Na época o jogador chegou a ser interrogado pela polícia, mas nenhuma prova foi encontrada.

De acordo com o jornal Wall Street Journal , a polícia de Las Vegas teria ordenado a coleta de uma amostra de DNA do jogador para dar continuidade na investigação sobre o estupro contra Mayorga. No mês de outubro foi divulgado que as autoridades policiais teriam perdido as provas que a modelo tinha entregado do caso.

Leia também:  Vinícius Jr. se destaca em partida e é chamado de ‘novo rei’ do Real Madrid

Segundo o site TMZ, o atleta prometeu colaborar com as investigações e afirmou que realizará o exame. A publicação informa que a defesa de Cristiano está disposta a ajudar com “100%” para o caso ser resolvido. O mandado judicial foi enviado para a Itália, onde o jogador vive.

Comentários Facebook
publicidade

Esportes

Sampaoli diz que não sabia dos problemas financeiros do Santos e exige reforços

Publicado

por


Sampaoli comandou o Santos pela primeira vez no último domingo (13), em empate por 1 a 1 contra o Corinthians
Reprodução / Santos FC

Sampaoli comandou o Santos pela primeira vez no último domingo (13), em empate por 1 a 1 contra o Corinthians

O técnico Jorge Sampaoli concedeu uma entrevista coletiva nesta sexta-feira (18), dia que antecede a estreia do Santos no Campeonato Paulista e foi sincero ao responder sobre os principais assuntos envolvendo o time, como a falta de dinheiro para trazer reforços, a saída de Bruno Henrique e também sobre o goleiro Vanderlei.

Leia também: Sampaoli confirma busca por goleiro e Vanderlei admite: “Chateado”

Sampaoli falou sobre suas expectativas ao assumir o Santos , afirmou que tinha ciência da saída de jogadores importantes, mas que não sabia que a situação financeira do clube era tão complicada, e espera que as promessas feitas pela diretoria sejam cumpridas.

“Se estava inteirado da situação financeira, a verdade é que não. Tinha claro que viria com a chance de assumir um clube grande, que vai brigar por muitas coisas no ano, que teríamos um time competitivo, apesar das saídas de Gabigol e Rodrygo (para o Real Madrid. Sempre se falou da possível venda de Bruno Henrique”, disse.

Leia mais:  Após 14 anos, Gênova sedia maratona e homenageia mortos em queda de ponte

“O time que terminou em décimo em 2018 (no Campeonato Brasileiro), sabendo das saídas e de um novo estilo de treinador, teria que ser reforçado. Isso foi conversado com a direção. Estamos esperando que aconteça. Eu vim para cá fazer um time forte, tenho ilusão que aconteça”, continuou.

Leia também: Multa de €50 milhões! Joia da base, Kaio Jorge assina 1º contrato com o Santos

Sobre a possível saída de Bruno Henrique para o Flamengo, o treinador argentino não revelou o que sabe sobre a negociação, mas lamentou o poder de influência que o dinheiro tem no futebol nos dias atuais.

“Não posso falar sobre conversas entre dirigentes. Não sei o que se passa. Falo com jogadores. Bruno Henrique está contente com a forma de jogo, com o Santos, se encaixa bem, mas tem possibilidades que tem a ver com interesses. Hoje, os interesses econômicos estão acima do futebol, os interesses dos empresários. Tudo muda de um dia para o outro. É muito dinheiro mexendo com a cabeça dos garotos. O dinheiro está acima, e nós abaixo”.

Leia mais:  Melhor do mundo pela Fifa, Modric fatura também a Bola de Ouro; Neymar é o 12º

Outro assunto que não sai do noticiário santista é a procura do clube por um outro goleiro, que tenha mais habilidade com os pés do que Vanderlei, apesar disse, o técnico elogiou o jogador e o colocou como titular.

Leia também: Ex-Santos, Flamengo e seleção brasileira, Narciso relembra como venceu o câncer

“Estou muito animado com o que Vanderlei pode oferecer, porque nos assegura um goleiro que evita gols rivais. Estamos trabalhando para que ele melhore com os pés.Vanderlei tem todas as chances de ser titular. Temos que somar coisas a seu jogo. Não vejo ele não sendo titular hoje, depois, durante o ano, dependendo de desempenho, concorrência com outro goleiro, aí veremos”, concluiu Sampaoli .

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana