conecte-se conosco


Polícia

Polícia Civil prende quatro por tráfico de drogas, associação e roubo a veículo na Capital

Publicado

Assessoria PJC | MT

A Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE) prendeu no final da tarde de segunda-feira (15) três adultos, e apreendeu um adolescente, envolvidos em ocorrências de tráfico de drogas, roubo a veículo e receptação na Capital. Outras três pessoas foram conduzidas à delegacia e vão responder por uso de entorpecentes.

A unidade especializada descobriu a associação criminosa em diligências de repressão a tráfico de drogas na região do bairro Jardim Imperial, em Cuiabá. No momento da vigilância policial dois adultos e um menor de idade foram vistos, em uma residência, comprando drogas para consumo pessoal.

A “boca de fumo” era comandada pelo suspeito L.E.A.M, 20, e sua companheira I.L.S.A, 21. Na casa foram apreendidas porções análogas à cocaína, que serão devidamente periciadas.

Após serem conduzidos para a DRE, o casal de traficantes foi reconhecido por envolvimento em um roubo a veículo, ocorrido na sexta-feira (12).

Localização veículo

Em continuidade às diligências, os policiais da DRE, com apoio da Delegacia Especializada de Repressão Roubos e Furtos de Veículos Automotores (Derrfva) conseguiram localizar o automóvel Fiat Pálio, cor vermelha, que estava em posse de dois suspeitos (A.R.S, 27, e B.O.S, 17) no bairro Jardim Industriário. Os dois jovens vão responder por receptação.

Leia mais:  Palestra orienta servidores da Polícia Civil sobre prevenção ao suicídio

De acordo com o delegado titular da DRE, Vitor Hugo Bruzulato Teixeira, existem indícios que os criminosos planejassem levar o automóvel para o Estado de Mato Grosso do Sul, seguir até a fronteira com o Paraguai para efetuar a troca do veículo roubado por tabletes de entorpecentes.

Os detidos serão encaminhados para audiência de custódia, ficando à disposição do Judiciário.

 

Comentários Facebook
publicidade

Polícia

Jovem agredida em resort de luxo recebe apoio da polícia para retirar objetos pessoais da casa do marido em MT

Publicado

A jovem de 21 anos agredida pelo marido em uma suíte de um resort de luxo, no Lago de Manso, em Chapada dos Guimarães, a 65 km de Cuiabá, no último fim de semana, procurou a delegacia e recebeu o apoio da polícia para retirar os objetos pessoais que estavam na casa do suspeito.

A Polícia Civil informou que Helen Machado não pediu medidas protetivas. Ainda segundo a polícia, o crime de lesão corporal por violência doméstica dispensa reapresentação e o inquérito policial segue em andamento na Delegacia de Chapada dos Guimarães.

No dia dos fatos, o suspeito foi encaminhado à Delegacia onde foi autuado em flagrante e encaminhado para a Cadeia Pública do município.

No entanto, de acordo com a Corregedoria de Justiça, a vítima foi ouvida e não quis manter a prisão do suspeito. Com isso, o Ministério Público solicitou a soltura do marido e a Justiça acatou.

O suspeito, de 52 anos, passou a ser monitorado por tornozeleira eletrônica.

Nas redes sociais, Helen Machado desabafou.

“Só esperou que ninguém passe o que passei, que ninguém sinta o medo que senti, o desespero que passei, e a dor que estou sentindo ainda”, diz.

Leia mais:  Polícia Civil prende suspeito de roubo a comércio e recupera dinheiro

 

 

 

 

G1

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana