conecte-se conosco


Polícia

Polícia Civil prende em Confresa três envolvidos com tráfico de drogas e associação criminosa

Publicado


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

Três pessoas foram presas em flagrante nesta terça-feira (14), em Confresa, na região nordeste do estado, por tráfico, associação para o tráfico de drogas e corrupção de menores de idade.

A equipe de investigação estava monitorando um endereço no Jardim Planalto, onde havia suspeita de venda de entorpecentes. No local, os policiais observaram a movimentação típica de tráfico, com pessoas entrando e saindo a todo momento.

Ao se aproximar da residência, os investigadores notaram um dos suspeitos, de 18 anos, dentro da casa, sentado em uma motocicleta. Os policiais o questionaram se havia entorpecente no local, e ele permaneceu calado.

Em checagem no interior da residência, os policiais civis encontraram um grupo ‘‘trabalhando’’ na embalagem de porções de drogas. Um dos rapazes que estava na casa informou aos investigadores que a motocicleta era de sua propriedade e que havia ido ao local para adquirir entorpecente do outro suspeito, que usou o veículo para fazer a entrega dos produtos ilícitos a usuários.

Leia mais:  Sem CNH e procurado pela justiça por roubo de carga, motorista é preso pela PRF na BR-070

Foram apreendidas duas porções médias de maconha embalada em plástico e outras 29 porções pequenas da mesma droga e de cocaína, além de diversos apetrechos utilizados para pesar e embalar os entorpecentes, e dinheiro.

Dois adolescentes encontrados na residência informaram que estavam ajudando a embalar as porç~eos e receberiam entorpecentes como forma de pagamento pelo ‘‘trabalho’’.

Outro adulto informou ser usuário, foi adquirir droga e convidado pelo suspeito ajudar na embalagem, e também receberia entorpecente como pagamento.

Todos foram encaminhados à Delegacia de Confresa para as providências cabíveis. Os dois adolescentes, depois de serem ouvidos pelo delegado Matheus Soares Augusto, serão encaminhados aos responsáveis.

Os três adultos serão autuados pelos crimes de tráfico, associação para o tráfico de drogas e corrupção de menores de idade. Contra o suspeito de 18 anos, os policiais civis localizaram um mandado de prisão em aberto expedido pela 3a Vara da Comarca de Porto Alegre do Norte pelo crime de tortura.

Fonte: PJC MT
Leia mais:  Polícia Civil prende grupo envolvido em tráfico de drogas e furtos

Comentários Facebook
publicidade

Polícia

Três são presos em flagrante e pontos do tráfico são desarticulados durante operação em Campos de Júlio

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil deflagrou nesta quarta-feira (22) a operação “Euphractus”, em Campos de Júlio (553 km a noroeste da Capital), para cumprimento de dois mandados de busca e apreensão que visam desarticular pontos de venda de entorpecentes.

Três suspeitos foram presos em flagrante e apreendidas entorpecentes, celulares, arma, dinheiro e apetrechos para embalar drogas. A operação contou com apoio da Delegacia de Comodoro. 

Em investigações realizadas pela equipe da Delegacia de Campos de Júlio, os policiais civis identificaram o comércio de substâncias ilícitas em dois endereços na cidade.

Após monitoramento e a coleta de indícios sobre as atividades criminosas, o delegado Ricardo Marques Sarto representou pelos pedidos de buscas e apreensões domiciliares deferidos pelo juízo da Comarca de Comodoro.

O primeiro alvo das buscas foi um endereço no bairro Águas Claras, onde os investigadores localizaram fR$ 500 provenientes da venda de entorpecentes, além de porções de maconha e pasta base de cocaína. Dois jovens de 20 e 23 anos foram presos em flagrante.

Leia mais:  PRF em MT registra redução nos acidentes e feridos

O suspeito de 23 anos responde a dois homicídios e estava com mandado de prisão em aberto, expedido pela Comarca de Vitorino Freire, no Maranhão, onde cometeu um homicídio a golpes de facão motivado por dívida de drogas.

Na segunda residência alvo de mandado judicial, no centro da cidade, os policiais civis apreenderam porções maconha e de crack, balança de precisão, R$ 430 em dinheiro e um simulacro de arma de fogo (tipo pistola). O morador de 21 anos foi preso em flagrante por tráfico de drogas.

O delegado Ricardo Sarto destacou o êxito da operação, tendo em vista que os principais alvos da investigação foram presos em flagrante.“Os presos foram conduzidos até a Delegacia de Campos de Júlio, interrogados e após serem autuados pelos crimes, foram colocados à disposição do Poder Judiciário”.

O nome da operação “Euphractus” faz alusão ao nome científico do tatupeba, que refere-se ao modus operandi utilizados pelos alvos para esconder as drogas, enterradas no quintal das casas.

Leia mais:  Força Tática recupera carreta e prende suspeito por receptação

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana