conecte-se conosco


Polícia

Polícia Civil cumpre mandado de prisão de homem que matou a mulher em Porto Velho

Publicado

 Assessoria | PJC-MT

A Polícia Judiciária Civil de Sapezal (480 km a Noroeste) cumpriu mandado de prisão preventiva em desfavor de Sidinei Camilo da Silva, 36 anos, pelo homicídio praticado contra sua mulher, na cidade de Porto Velho, estado de Rondônia. O mandado de prisão foi expedido pela 2ª Vara do Tribunal do Juri de Porto Velho.

O suspeito foi preso em flagrante na quarta-feira (17.04), por estar dirigindo embriagado e após ser conduzido a Delegacia de Sapezal, os policiais civis, em consulta aos bancos de dados, descobriram que ele tinha um prisão pelo homicídio.

Segundo o delegado de Sapezal, Valmon Pereira da Silva, ao ser preso o suspeito não possuía nenhuma documentação e disse para polícia que se chamava Manoel Ferreira dos Santos.

“Ele reside no município há nove anos e durante este tempo constituiu família, tendo dois filhos com a atual esposa, sendo que ela não sabia da verdadeira identidade do suspeito”, destacou o delegado.

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Leia mais:  Polícias Civil e Militar cumprem mandado de prisão em Jaciara
publicidade

Polícia

Polícia Civil prende suspeito de matar com golpe de faca mulher em Confresa

Publicado

por

Assessoria | PJC-MT

O homem que matou a ex-mulher, Daiane Oliveira Barbosa, 30, por não aceitar o fim do relacionamento, foi preso na cidade de Santa Terezinha (1.312 km a Nordeste), pela Polícia Civil, no último sábado (20.07). O suspeito  Gideon Silva de Moraes, 25 anos, estava com mandado de prisão temporária (30 dias) decretado pela Justiça de Confresa (1160 km a Nordeste), local do crime.  O suspeito responderá por feminicídio. 

Após o crime, o suspeito ficou escondido em uma comunidade rural, a 40 km da zona urbana do município de Santa Terezinha, mas acabou descoberto e quase foi linchado por populares, que acionaram a Polícia Civil para sua condução. O preso foi encontrado com vários hematomas decorrente de agressões praticadas por populares e amarrado com uma corda.

O delegado de Confresa, Allan Vitor Sousa da Mata, informou que o preso foi levado para Delegacia e confessou a autoria do crime, dando detalhes da morte motivada por ciúmes e por não aceitar o fim do relacionamento.

Vitima e suspeito tinham um relacionamento amoroso e haviam terminado há cerca de uma semana. Ela era ameaçada e agredida pelo companheiro, segundo informações de seus familiares, que narram também que ela era mantida frequentemente em cárcere privado enquanto morava com o suspeito.

Leia mais:  Ações da Polícia Civil prendem três envolvidos com tráfico de drogas em Rondonópolis

Dias antes, a vítima tinha comparecido na Delegacia para pedir apoio na retirada de pertences, mas desistiu de registrar o boletim de ocorrência e pedir medidas protetivas.

A faca usada no crime foi encontrada próximo ao muro lateral da casa da vítima. O objeto estava com manchas de sangue e foi encaminhado à perícia na Politec.

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana