conecte-se conosco


Polícia

Polícia Civil cumpre 6 prisões preventivas contra autores de roubos em Várzea Grande

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Seis mandados de prisão preventiva contra criminosos envolvidos em roubos majorados  foram cumpridos pela Polícia Civil, em ação deflagrada nesta sexta-feira (19.07), pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Várzea Grande (Derf-VG). O trabalho resultou na desarticulação de uma associação criminosa especializada, cujos integrantes tiveram as ordens de prisão decretadas pela Justiça com base em investigações da delegacia.

Entre os presos estão, Charles Júnior Almeida da Silva, João Guilherme de Souza Alvez e Alys Roberto Lima da Silva, identificados como autores do um roubo majorado ocorrido no dia 27 de junho, em uma residência no bairro Jardim Itororó.

Na ocasião, os criminosos permaneceram nas imediações da residência, monitorando o local, esperando o momento em que a vítima chegou em casa com o seu filho. Enquanto o portão abria, dois criminosos (João Guilherme e um menor de idade) em posse de arma de fogo, renderam a vítima e invadiram a residência.

Do lado de fora da casa, os outros dois suspeitos (Charles Junior e Alys Roberto) davam cobertura interceptando a frequência da Polícia Militar, utilizando um rádio HT. No assalto, os criminosos subtraíram uma televisão LCD, um video-game Playstation, aparelhos celulares, entre outros produtos.

Leia mais:  Lei Maria da Penha é tema de palestras em escolas de Jauru

De acordo com a delegada da Derf-VG, Elaine Fernandes da Silva, os suspeitos integram uma associação criminosa extremamente violenta, que costuma recrutar adolescentes para a prática de roubos. “Além da grave ameaça com emprego de arma de fogo, os integrantes da quadrilha costumam agredir fisicamente as vítimas com socos e chutes”, disse.

Segundo as investigações, Charles Júnior e Alys Roberto coordenavam as ações criminosas e procuram ficar do lado de fora dos locais que seriam roubados para não serem reconhecidos pelas vítimas. O suspeito, João Guilherme junto a um adolescente eram os responsáveis por invadir os alvos e atuar na linha de frente dos assaltos.

Durante os trabalhos, também foi constatado que Alys o trabalhava como motorista de aplicativo, porém a ocupação servia apenas de “fachada”, uma vez que ele utilizava o veículo para as práticas criminosas.

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
publicidade

Polícia

Traficante foragido de Goiás tem prisão cumprida em Barra do Garças

Publicado

por

Um homem foragido do Estado de Goiás teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso, nesta terça-feira (28.01), em Barra do Garças (502 km a Leste de Cuiabá). A prisão do procurado aconteceu em ação da Delegacia Regional e Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (DERF) do município em apoio a Delegacia de Narcóticos (Denarc) de Goiás.

O mandado de prisão preventiva foi expedido com base em investigações de crime de tráfico de drogas realizadas pela Denarc (GO). Após informações, que o suspeito estava residindo em Barra do Garças, a unidade solicitou apoio às delegacias de Barra do Garças para prisão do suspeito.

Depois de ter a ordem de prisão cumprida, o preso será submetido a audiência de custódia, ficando à disposição da Justiça de Goiás para recambiamento.

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Leia mais:  Polícia Civil cumpre mandados em homicídio a mando de facção
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana