conecte-se conosco


Cidades

Pinheiro realiza primeira reunião oficial com a Comissão Técnica do Novo Pronto Socorro

Publicado

Foi realizada na manhã desta segunda-feira (29) a primeira reunião oficial da Comissão Técnica criada especialmente para a implantação do Hospital Pronto Socorro Municipal de Cuiabá (HPSMC) – Dr. Leoni Palma Carvalho. A Comissão é composta por três equipes estratégicas, sendo elas orçamentária, de obras e de licitação de equipamentos e de montagem. 

Participaram do encontro, além do prefeito Emanuel Pinheiro, os secretários municipais de Saúde, Huark Douglas Correia, de Obras Públicas, Vanderlúcio Rodrigues, de Mobilidade Urbana, Antenor Figueiredo, o procurador-geral do Município, Luiz Antonio Possas de Carvalho, o adjunto de Gestão da Secretaria Municipal de Saúde, Flávio Taques, o adjunto de Planejamento e Operações da Secretaria Municipal de Saúde, Milton Correa da Costa Neto, o coordenador administrativo financeiro da Empresa Cuiabana de Saúde, Oséas Machado, a fiscal da obra do novo PS de Cuiabá, Emily Borges Conceição, e o superintendente de obras e reformas da Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso, Marcelo Gláucio da Silva Nunes.

Leia mais:  TRE comunica mudança de alguns locais de votação em Várzea Grande; saiba quais

O prefeito enfatizou a necessidade do comprometimento de todos para que tudo saia conforme o cronograma. “Temos muitas coisas para ajustar e finalizar até o dia 5 de dezembro, que é o prazo que estipulei para que tudo esteja pronto. Vamos trabalhar duplicado, triplicado se for preciso, mas é importante que todos se empenhem neste objetivo. As segundas-feiras teremos essas reuniões ordinárias e minha ideia é que a comissão me apresente as soluções para os problemas que eventualmente apareçam. Estarei aqui no novo PS todos os dias, à disposição deles, para discutirmos tudo o que for necessário para inaugurarmos o PS em dezembro. Dessa forma, vamos fazer o melhor para a nossa população”, disse Emanuel.

Durante a reunião, foram expostos alguns pontos a serem resolvidos e a equipe discutiu o que será feito em relação a cada um deles. Depois disso o prefeito pediu ao coordenador de cada frente de trabalho para relatar como está o andamento em cada segmento.

Em relação a esta primeira reunião, o prefeito avaliou muito positivamente. “Foi um encontro altamente produtivo e objetivo, dentro daquilo que planejamos. A celeridade casada com a legalidade e a transparência são instrumentos necessários para que tudo corra bem. Mas tudo isso será precedido de muito trabalho, dedicação, determinação e esforço. Essa reunião já demonstrou os inúmeros detalhes, responsabilidades e complexidades para que possamos fazer funcionar essa grande obra. Todavia, a determinação, o compromisso com a população e o amor por Cuiabá é maior do que todos os entraves que venham a aparecer”, finalizou Pinheiro. 

Leia mais:  MPE descarta irregularidades e arquiva inquérito civil contra a Prefeitura

 

 

 

 

 

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Prefeitura publica calendário de pagamento do IPTU; veja datas

Publicado

A Prefeitura de Cuiabá estabeleceu a programação para pagamento do IPTU em 2021, que deve começar a partir de 1º de março. O Decreto nº 8.285, que determina o cronograma, foi publicado na Gazeta Municipal.

 

Assim como em outras edições, o pagamento poderá ser feito em cota única ou em até oito parcelas. O valor mínimo de cada parcela será de R$ 57,26.

 

Aqueles que não tiverem débitos de anos anteriores e optarem por quitar o IPTU em cota única até o dia 14 de abril, terão desconto de 10%. Os carnês serão enviados para todos os contribuintes que contam no Cadastro Imobiliário do Município.

 

Já as guias do IPTU de imóveis territoriais deverão ser retiradas nos postos de atendimentos do Município ou por meio do site.

 

A retirada presencial poderá ser feita no Centro Integrado de Atendimento ao Contribuinte (CIAC), nas Lojas de Atendimento ao Contribuinte (LAC-Norte e LAC-SUL), e em outros postos de atendimento que serão indicados pela Prefeitura de Cuiabá.

Leia mais:  MPE descarta irregularidades e arquiva inquérito civil contra a Prefeitura

 

Outra informação que o munícipe deverá ficar atento é em relação ao pedido de isenção do pagamento, que neste ano poderá ser feito no período de 1º de junho a 30 de julho, com validade até 2024.

 

Caso a solicitação seja indeferida, será concedido um prazo de 30 dias, a partir da ciência do contribuinte quanto à decisão, para que o valor seja pago sem desconto e sem a incidência de juros e multa.

 

“De acordo com os termos do art. 5º da Lei nº 5.355/2010, alterado pela Lei nº 5.797/2014, estão isentos do Imposto Predial e Territorial Urbano os imóveis residenciais com valor venal atualizado igual ou inferior a R$ 33.921, excluindo-se os imóveis territoriais, comerciais, unidades autônomas desdobradas com cadastro individualizado para fins tributários, chácaras de recreio e garagens de edifícios”, explica o decreto municipal.

 

Veja calendário de pagamento: 

 

Primeira parcela e cota única: 14 de abril

 

Segunda parcela: 14 de maio

 

Terceira parcela: 14 de junho

Leia mais:  Cuiabanos “raiz” e de coração contam seus desejos para o futuro da Capital

 

Quarta parcela: 14 de julho

 

Quinta parcela: 13 de agosto

 

Sexta parcela: 14 de setembro

 

Sétima parcela: 14 de outubro

 

Última parcela: 12 de novembro

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana