conecte-se conosco


Brasil / Mundo

Papa Francisco cancela toda agenda desta sexta

Publicado

Motivo não foi informado pelo Vaticano. Pela manhã, pontífice celebrou missa na capela da sua residência privada e se encontrou o presidente do Parlamento Europeu.

O Papa Francisco cancelou todas as audiências desta sexta-feira (28), anunciou o Vaticano em um comunicado. O motivo não foi informado.

O diretor de Comunicação do Vaticano, Matteo Bruni, informou que Francisco celebrou a habitual missa da manhã na capela de sua residência privada de Santa Marta, no Vaticano, e saudou os presentes.

O pontífice de 83 anos também recebeu algumas pessoas em sua residência, como previsto. Entre elas, estava o presidente do Parlamento Europeu, o italiano David Sassoli.

O porta-voz do Vaticano não se referiu ao estado de saúde do papa. Na quinta-feira, ele cancelou uma missa na Arquibasílica romana de São João de Latrão. O motivo informado pelo Vaticano foi uma “leve indisposição”.

Cancelamento de missa
Na quarta-feira, em geral um dia de agenda mais carregada, Francisco apareceu resfriado e tossia com frequência durante a audiência geral organizada ao ar livre na Praça de São Pedro.

Leia mais:  Vereador Orivaldo recebe Projeto da Construção de Laboratório no Horto

No domingo, em princípio, ele deve ir para um retiro espiritual com toda Curia romana, em Ariccia, perto de Roma, depois de ter celebrado o Ângelus da sacada do Palácio Apostólico, na Praça de São Pedro.

PAPA FRANCISCO

VATICANO

Comentários Facebook
publicidade

Brasil / Mundo

Dados mostra que MT é o quarto pior do país em isolamento social

Publicado

por

Dados obtidos pela In Loco mostram o nível de isolamento social nos Estados brasileiros. A empresa mapeia o comportamento de 60 milhões de brasileiros por meio da geolocalização. A geolocalização permite a localização geográfica de 1 dispositivo (como 1 celular) conectado a sinais de redes sem fio (como o wi-fi).

A precisão média, no caso da In Loco, é de 3 metros. Por meio dessa tecnologia é possível analisar o nível de cumprimento do isolamento social decretado pelos governos estaduais para contenção da pandemia de coronavírus.

Os dados não representam a população brasileira em sua totalidade, mas podem auxiliar o poder público ao apontar regiões onde há indício de maior circulação de pessoas, por exemplo.

Os dados mostram que a média nacional de pessoas que têm cumprido o isolamento é de 50,6%. Ou seja, metade dos brasileiros.

Há 2 semanas, em 22 de março, o mesmo indicador chegou a atingir 69,6% –mais de 2/3 da população. As unidades federativas com os maiores índices são: Goiás (56,6%), Distrito Federal (55,8%),  Ceará (53,8%), Pernambuco (53,1%) e Piauí (53,1%).

Leia mais:  Paulo Araújo pede melhorias na iluminação pública em Cuiabá

Já os lugares onde a população menos fica em casa são: Tocantins (41,8%), Roraima (42,7%), Rondônia (43,4%), Mato Grosso (44,2%) e Mato Grosso do Sul (44,8%). O fundador da In Loco, André Ferraz, explica como o índice é calculado: “essa tecnologia consegue aprender, com base no local em que você mais passa tempo durante a noite, que aquele local é a sua casa.

A partir disso, a gente consegue mapear o percentual de pessoas que, em uma determinada região, saíram de suas residências”. A coleta de dados de geolocalização não interfere na privacidade dos usuários.

É capturada apenas a movimentação do dispositivo. A tecnologia não dá acesso a dados pessoais ou números de telefone.

Galeria de Fotos

Comentários Facebook
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana