conecte-se conosco


Polícia

Mulher é presa pela PF com 369 pacotes de maconha dentro do carro

Publicado

Mulher de 29 anos foi presa pela Polícia Federal em Mato Grosso do Sul, na quinta-feira (11), transportando 246 kg de maconha e 36 sacos de skank. A prisão é fruto de uma investigação da PF de Barra do Garças (509 km ao Leste de Cuiabá), que conseguiu identificar que a droga seria trazida para Mato Grosso.

 

De acordo com as informações apuradas, os policiais realizaram a ação em conjunto com os colegas do estado vizinho. A mulher vinha sendo monitorada pela rodovia, já na zona rural da cidade de Bataguassu (MS).

Ela estava em um veículo com placas de São Paulo. Quando foi realizada a abordagem, no bagageiro, os policiais encontraram 369 pacotes de maconha, que totalizaram 246 quilos da droga. Além de 36 sacos de skank.

 

Durante a checagem do veículo, foi descoberto que o carro estava com sinais adulterados e que tinha sido dado como roubado em Ribeirão Preto (SP). Além de tráfico, ela foi autuada por receptação. O caso será investigado.

Leia mais:  Primeira operação de combate a pirataria do ano apreende 154 réplicas de óculos na Capital

 

Comentários Facebook
publicidade

Polícia

Homem é preso por estuprar a própria neta

Publicado

por

Um homem de 48 anos, identificado como V.L.F., foi preso na noite desta quinta-feira (4) após estuprar a própria neta de sete anos de idade, em Rondonópolis (a 217 km de Cuiabá). A mãe da criança, filha do suspeito, procurou a polícia para denunciar o crime.

De acordo com informações do boletim de ocorrências, por volta das 21h50 de ontem (4) a mãe da vítima procurou a polícia e relatou que seu pai havia estuprado sua filha. O caso ocorreu no Bairro Nossa Senhora do Amparo, em Rondonópolis.

Segundo a mulher, a menina contou que o suspeito teria colocado a mão nas partes íntimas dela. Ela teria retirado a mão dele, mas ele continuou o abuso. A criança confirmou a história à PM.

Os militares então foram à casa do avô e conseguiram prendê-lo. Ele foi levado à delegacia e teria dado seu nome incompleto. Os policiais, porém, descobriram, pelo sobrenome da filha, que o suspeito possuía um mandado de prisão em aberto.

 

 

 

 

 

Fonte: Olhardireto

Comentários Facebook
Leia mais:  Polícia Civil fecha boca de fumo pela quarta vez no ano no bairro Pedregal
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana