conecte-se conosco


Cidades

MT lança licitação de R$ 57,6 mi para pavimentar 68 km de rodovia

Publicado

O Governo do Estado, abriu processo licitatório para contratação de empresa de engenharia para executar a pavimentação de 68,96 quilômetros da MT-109, na região do Araguaia em Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra).

Serão asfaltados 68,9 quilômetros da MT-109, no trecho que vai do entroncamento da MT-322/BR-080, em São Felix do Araguaia, até o entroncamento da MT-412, em Canabrava do Norte. Essa obra vai interligar o Distrito do Espigão do Leste até a cidade vizinha de Canabrava do Norte e a BR-158.

De acordo com o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira, a pavimentação é de extrema importância para a região do Araguaia, pois vai favorecer o escoamento de toda a produção do distrito diretamente na rodovia federal que corta todo o Brasil.

O distrito desponta no cenário do agronegócio e  já se tornou referência como a principal produtora de grãos da região Norte Araguaia. “Essa é uma solicitação antiga da região, que é muito produtiva. Ali no Araguaia o fomento ao agronegócio é muito grande. Essa obra representa a queda de mais um obstáculo ao crescimento e desenvolvimento de toda aquela região e de Mato Grosso”, afirmou o secretário.

Leia mais:  Inauguração dos leitos do HMC e entrega de reforma desafogam corredores do Pronto Socorro de Cuiabá

 

A obra é resultado de uma cooperação firmada pelo Governo do Estado com as prefeituras de São Félix do Araguaia e Canabrava do Norte.  Por meio da cooperação, a Sinfra está licitando a pavimentação, excluindo alguns serviços complementares que serão executados diretamente pelas prefeituras. O valor de referência da Sinfra para a licitação é de R$ 57,6 milhões.

 

E a formalização de cooperações com prefeituras é exemplo do novo modelo que o Governo do Estado adotou para atender mais regiões com serviços de infraestrutura, através da união de esforços com os municípios, segundo o governador Mauro Mendes afirmou quando da formalização da cooperação com os municípios.

 

“Um modelo que vai trazer economicidade, aumentando a capacidade de investimento. Os contratos que nós estamos licitando estão com valores muito mais baixos do que aqueles que eram licitados em administrações anteriores. É dinheiro público sendo bem aplicado e isso rende, dá resultado”, garantiu.

 

Conforme o edital de licitação, o processo será na modalidade Regime Diferenciado de Contratação (RDC), do tipo menor preço. A sessão pública de abertura das propostas será realizada no dia 10 de dezembro, às 9h, na sala de reuniões da própria Sinfra. A licitação também é transmitida em tempo real pelo canal do Youtube da Sinfra.

Leia mais:  Prefeito de Nossa Senhora do Livramento, portador de diabetes testa covid-19

 

Tanto o projeto executivo, quanto demais documentações complementares, assim como o edital, encontram-se disponíveis no site da Sinfra para consulta. Eventuais esclarecimentos de dúvidas quanto ao edital poderão ser solicitados, preferencialmente, via e-mail [email protected]

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Movimento municipalista deve se reunir com ministro da Saúde após reunião do Conselho Político da CNM

Publicado

por

O presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Glademir Aroldi, anunciou nesta segunda-feira, 1º de março, que o movimento municipalista deve se reunir nesta semana com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, para discutir a aquisição e distribuição de novas vacinas pelo país. A informação foi confirmada pelo líder municipalista durante Assembleia da Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe) com prefeitos do Estado.

Aroldi disse que esteve reunido com Pazuello nesta segunda-feira e que vai repassar as informações do encontro aos presidentes das entidades estaduais em reunião do Conselho Político da CNM, marcada para amanhã. Depois de ouvir as demandas das lideranças de cada Estado e construir a pauta municipalista, será marcada uma nova agenda ainda nesta semana com o ministro da Saúde para que os presidentes da CNM e das estaduais possam apresentar as demandas prioritárias em relação à vacinação.

“Vamos convocar todos os presidentes das entidades estaduais para a reunião do Conselho Político e informar o resultado desse encontro que é alinhar a pauta municipalista. Vamos buscar uma ação efetiva para que possa ser disponibilizada vacina suficiente para a população por meio do Programa Nacional de Imunização sem que nenhuma região fique para trás nesse processo tão grave de enfrentamento a essa pandemia”, destacou Aroldi.

Leia mais:  Quarta-feira de Cinzas além de encerrar o carnaval, marca também o início da Quaresma

O presidente da CNM ainda cumprimentou os prefeitos pela reeleição do presidente José Patriota na condução da Amupe. “Encerro parabenizando os nossos prefeitos pernambucanos por essa compreensão de manter o presidente Patriota liderando o movimento municipalista pernambucano. Decisão acertada e coerente. Precisamos muito desse líder e da sua diretoria para atuar junto ao governo pernambucano e cobrando do governo federal aquilo que é de direito dos Municípios. Vamos estar juntos nesse processo de defesa do fortalecimento da gestão local”, ressaltou o presidente da CNM.

A Assembleia da Amupe também contou com a participação do governador de Pernambuco Paulo Câmara.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana