conecte-se conosco


Entretenimento

“Meu maior medo é ficar um velho sem graça”, revela Fábio Porchat

Publicado

Não faltam novos projetos para Fábio Porchat: prestes a estrear o programa “Que história é essa, Porchat?” (que chega ao  GNT em 6 de agosto) o comediante diz que também planeja um filho para 2020. Casado com a executiva do Porta dos Fundos  Nataly Mega , ele acredita que ter filhos é a coisa mais difícil do mundo.

Leia também: “Era um adolescente racista, homofóbico e machista”, diz Porchat em entrevista

Fábio Porchat arrow-options
Divulgação

Fábio Porchat tem medo de envelhecer e fica sem graça

“A gente é um poço de coisas equivocadas. A gente acha que uma coisa é certa, e não é. E filho é uma esponja, a criança vai observando tudo. É tão difícil explicar as coisas que acontecem. E ao mesmo tempo não transformar seu filho em você. Seu filho tem que ser uma evolução de quem você é”, afirma Fábio Porchat .

Leia também: Fábio Porchat defende Danilo Gentili e os dois acabam trocando críticas na web

“Eu não queria que meu filho fosse conformado com as coisas como eu já sou. Queria que ele olhasse uma criança na rua e visse que isso não pode ficar assim”, compartilha o apresentador, que ainda diz temer ficar desatualizado com o passar do tempo.

Leia mais:  “BBB 20”: participantes entram na Casa de Vidro e interagem com o público

“Meu maior medo é ficar um velho sem graça . Dando opinião maluca. Geralmente as pessoas vão ficando mais velhas e vão dando opiniões pavorosas”, diz ele, ao brincar que “as pessoas precisam morrer”.

Leia também: Fabio Porchat na Globo? Humorista faz graça com boatos: “Que história é essa?”

“Eu falei outro dia e disseram que era horrível, mas as pessoas precisam morrer! As pessoas são horríveis, a maioria. Então elas precisam morrer para surgir novas pessoas. Se formos ficar vivendo 300 anos, o mundo acaba”, fala Fábio Porchat .

Comentários Facebook
publicidade

Entretenimento

Cinemas de Cuiabá suspendem sessões por tempo indeterminado

Publicado

por

Os quatro cinemas de Cuiabá suspenderam as sessões, por tempo indeterminado, a partir desta quinta-feira (19) na capital mato-grossense por causa da pandemia do coronavírus. A medida foi adotada pelo Cinépolis, do Shopping Estação e Três Américas, CineAraújo, do Shopping Pantanal, e Cinemark, do Shopping Goiabeiras.

Segundo a direção desses cinemas, a medida atende à recomendação de autoridades sanitárias. Dessa forma, se tornou inevitável o fechamento provisório das salas de cinema no país a partir desta quinta-feira.

Além dos cinemas, os shoppings, que antes funcionavam a partir das 10h, passarão a abrir ao meio-dia durante a semana. Os locais vão funcionar até as 20h. O horário vale tanto para as lojas quanto para a praça de alimentação e cinema.

Nos domingos e feriados as praças de Alimentação abrem das 12h às 20h, e demais lojas, das 14h às 20h. As medidas atendem a recomendações do poder público para a redução de circulação de pessoas.

Comentários Facebook
Leia mais:  Filme revisita legado de Jorginho Guinle, maior e mais influente playboy do País
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana