conecte-se conosco


Mato Grosso

Metade dos 66 homicídios contra mulheres têm motivação passional em MT

Publicado

Levantamento feito pela Coordenadoria de Estatística e Análise Criminal (CEAC) da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) demonstra que 66 mulheres foram assassinadas em todo o estado de janeiro a 15 de outubro deste ano. No mesmo período de 2017, foram 70 ocorrências desta natureza. Os dados são obtidos com base no Sistema de Registro de Ocorrências Policiais (SROP), que incluem os boletins feitos em atendimento pela Polícia Militar (PM-MT) e Polícia Judiciária Civil (PJC-MT).

Entre as motivações dos homicídios de vítimas do sexo feminino, 50% são passionais, ou seja, praticados no âmbito da violência doméstica e familiar ou com existência de vínculo amoroso entre a vítima e o agressor. Em segundo lugar, estão os casos em que as motivações ainda estão sendo apuradas, que somam 30%. São situações, por exemplo, em que o inquérito ainda não foi concluído ou as informações iniciais não são suficientes para elucidar os crimes.

Além disso, 9% dos casos ocorreram por envolvimento com drogas, 6% por rixa, 3% classificados como “outros” e 2% foram motivados por vingança. Quanto às circunstâncias da ocorrência, 44% tiveram o emprego de arma de fogo, em 27% houve utilização de armas cortantes ou perfurantes, outros meios somaram 20%, enquanto em 3% dos casos houve utilização da força física, e em outros 3% não houve utilização de instrumentos de qualquer natureza, 2% utilizaram veículos e 1% o fogo.

Leia mais:  Polícia Civil desarticula grupo de roubo de defensivos e recupera carga avaliada em R$ 1,2 milhão

Os casos ocorreram em 40 municípios, sendo que em alguns foram registrados mais de um. Várzea Grande apresentou o maior número de homicídios de vítimas femininas até o momento. No período de janeiro a 15 de outubro de 2018 foram seis registros. Sinop, Rondonópolis e Cuiabá contabilizaram, cada uma, cinco casos. Em seguida, aparecem Poxoréu e Tangará da Serra, cada uma com três registros. Pontes e Lacerda, Feliz Natal, Campo Novo do Parecis, Colíder e Nova Mutum tiveram dois registros cada uma.

As cidades de Poconé, Campo Verde, Colniza, Chapada dos Guimarães, Pedra Preta, Glória D’Oeste, Barra do Garças, Guarantã do Norte, São José dos Quatro Marcos, Jaciara, Barra do Bugres, Juara, Peixoto de Azevedo, Juína, Castanheira, Alto Araguaia, Reserva do Cabaçal, Diamantino, Santo Antônio de Leverger, Tabaporã, São José dos Quatro Marcos, Carlinda, Sorriso, Novo Mundo, Paranatinga, Nova Ubiratã, Lucas do Rio Verde, Água Boa e Nova Maringá.

Dias da semana

Assim como em levantamentos anteriores, quarta-feira continua sendo o dia da semana com maior incidência de casos. De janeiro a 15 de outubro de 2018, 15 mulheres foram mortas neste dia, 12 na segunda-feira e 10 no domingo. Em seguida, estão terça-feira (9), sábado (8), quinta-feira (7) e sexta-feira (5).

Leia mais:  Policiais militares recebem moção de aplausos pelos 8 anos da Cavalaria

Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Novo gestor de Chapada troca todos os secretários e traz ex-prefeito na equipe

Publicado

O novo prefeito de Chapada dos Guimarães (67 km ao norte de Cuiabá), Osmar Froner (MDB) anunciou a equipe de secretários que irá compor sua gestão, com a troca de todos os nomes do primeiro escalão. Entre os nomes anunciados está o ex-prefeito do município, Gilberto Mello.

Gilberto até chegou a apresentar a candidatura para a prefeitura, mas precisou ser substituído após ser barrado pela Lei da Ficha Limpa. Ele assume a Secretaria Municipal de Governo, um dos cargos mais importantes do secretariado.

Na Secretaria de Administração, o comando será do biólogo e bacharel em direito Marcos Soares Souza. Já a Secretaria de Planejamento e Orçamento é de responsabilidade do bacharel em história e pós-graduado em Gestão de Cidades, Aislan Sebastião Cunha Galvão.

A Secretaria de Finanças foi assumida pelo ex-vereador e técnico em contabilidade Dagoberto Garcia Belufi. A Educação será comandada pelo professor Benedito Antônio de Oliveira Lechner.

A pasta de Esporte e Lazer será gerida pelo empresário e líder comunitário Mauro José Conceição de Paula. A Secretaria de Saúde terá como gestora a enfermeira e ex-vereadora, Rosa Maria Blanco Manzano.

Leia mais:  Policiais militares recebem moção de aplausos pelos 8 anos da Cavalaria

Para a Assistência Social, o prefeito escolheu a bacharel em direito e ex-conselheira tutelar Fernanda Ferreira da Silva. Já a Secretaria de Turismo, Cultura e Meio Ambiente tem como titular o publicitário e empresário Alexandre Parreira Severino.

 

Luis Carlos de Freitas, que é geólogo, economista e ex-prefeito de Chapada dos Guimarães, assumiu a Secretaria de Agricultura. E a Procuradoria Geral do Município fica a cargo da bacharel em direito Rosana Costa Itacaramby. (Com informações da assessoria)

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana