conecte-se conosco


Cidades

Médica que foi picada por cobra em MT deixa UTI do Albert Einstein, diz irmã

Publicado

SP — São Paulo

A médica Dieynne Saugo, que foi picada por uma cobra da espécie jararaca quando tomava banho em uma cachoeira de Nobres, a 151 km de Cuiabá, deixou a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Albert Einstein, em São Paulo, na tarde desta segunda-feira (7).

Há alguns dias ela usou as suas redes sociais para pedir orações. O incidente aconteceu no dia 30 de agosto. Na noite de quinta (3), Dieynne foi transferida de avião para o hospital em São Paulo.

Na postagem, Nathalia, irmã de Dieynne, disse que “Deus é tão bom, mas tão bom, que ele não desampara seus filhos!! E ele está ouvindo cada oração…Acabamos de receber uma notícia MARAVILHOSA, a Dy ja foi liberada para sair da UTI e ir para o quarto, deixaram uma pessoa ir la ficar com ela, claro que com todos os cuidados possíveis, e também ela já parou de tomar o remédio forte que estava tomando para a coagulação, estão usando outros meios para controlar!! (SIC)”

Leia mais:  Prefeitura beneficia 47 bairros com o programa de pavimentação

Nathalia afirmou ainda na postagem que “Deus abençoou, e a nossa viagem até aqui não foi atoa, os exames da minha mãe e da minha irmã deram negativo graças a Deus. Deus é muito maravilhoso, MUITO obrigada pelas energias positivas, e pelas orações, por tudoooo, GRATIDÃO. Já já vamos estar assim de novo, juntinhas!! Vocês são TUDO para mim, AMO VOCÊS. (SIC)”

Segundo a família, neste sábado (5), Dieynne pediu para que a enfermeira fizesse uma ligação aos seus familiares. Durante a chamada de vídeo, ela escreveu ‘orem por mim, amo vocês’ em um papel e pediu para a família divulgar a mensagem para todos que torcem pela recuperação dela.

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Prefeitura publica calendário de pagamento do IPTU; veja datas

Publicado

A Prefeitura de Cuiabá estabeleceu a programação para pagamento do IPTU em 2021, que deve começar a partir de 1º de março. O Decreto nº 8.285, que determina o cronograma, foi publicado na Gazeta Municipal.

 

Assim como em outras edições, o pagamento poderá ser feito em cota única ou em até oito parcelas. O valor mínimo de cada parcela será de R$ 57,26.

 

Aqueles que não tiverem débitos de anos anteriores e optarem por quitar o IPTU em cota única até o dia 14 de abril, terão desconto de 10%. Os carnês serão enviados para todos os contribuintes que contam no Cadastro Imobiliário do Município.

 

Já as guias do IPTU de imóveis territoriais deverão ser retiradas nos postos de atendimentos do Município ou por meio do site.

 

A retirada presencial poderá ser feita no Centro Integrado de Atendimento ao Contribuinte (CIAC), nas Lojas de Atendimento ao Contribuinte (LAC-Norte e LAC-SUL), e em outros postos de atendimento que serão indicados pela Prefeitura de Cuiabá.

Leia mais:  Final de semana tem programações variadas e shows nacionais

 

Outra informação que o munícipe deverá ficar atento é em relação ao pedido de isenção do pagamento, que neste ano poderá ser feito no período de 1º de junho a 30 de julho, com validade até 2024.

 

Caso a solicitação seja indeferida, será concedido um prazo de 30 dias, a partir da ciência do contribuinte quanto à decisão, para que o valor seja pago sem desconto e sem a incidência de juros e multa.

 

“De acordo com os termos do art. 5º da Lei nº 5.355/2010, alterado pela Lei nº 5.797/2014, estão isentos do Imposto Predial e Territorial Urbano os imóveis residenciais com valor venal atualizado igual ou inferior a R$ 33.921, excluindo-se os imóveis territoriais, comerciais, unidades autônomas desdobradas com cadastro individualizado para fins tributários, chácaras de recreio e garagens de edifícios”, explica o decreto municipal.

 

Veja calendário de pagamento: 

 

Primeira parcela e cota única: 14 de abril

 

Segunda parcela: 14 de maio

 

Terceira parcela: 14 de junho

Leia mais:  Prefeitura presta homenagens às famílias que contribuíram com as festividades dos 300 anos da Capital

 

Quarta parcela: 14 de julho

 

Quinta parcela: 13 de agosto

 

Sexta parcela: 14 de setembro

 

Sétima parcela: 14 de outubro

 

Última parcela: 12 de novembro

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana