conecte-se conosco


Cidades

Matrículas para 6,5 mil vagas em escolas municipais de Cuiabá começam nesta terça-feira

Publicado

Por G1 MT

O período de matrícula para alunos novos a partir de 4 anos de idade nas unidades educacionais da rede pública municipal de Cuiabá começa nesta terça-feira (5) e vai até sexta-feira (8). No total, serão cerca de 6,5 mil vagas para educação infantil e ensino fundamental.

Os pais deverão acessar o pelo portal ‘Matrícula Web’, no link que será disponibilizado no site da prefeitura de Cuiabá, a partir das 8h. A matrícula se dará de acordo com a ordem de acesso no portal.

Nos dias 5 e 6 estarão abertas as matrículas para as unidades educacionais localizadas nas Regionais Norte e Leste e nos dias 7 e 8 para as unidades educacionais localizadas nas Regionais Sul e Oeste.

Após o preenchimento dos formulários os pais terão até três dias úteis para comparecer a unidade educacional de escolha levando seus documentos pessoais e das crianças.

A secretária de Educação, Edilene de Souza Machado explicou que para as Escolas Municipais de Educação Infantil (EMEB), alguns Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI) e Centros Emergenciais de Educação Infantil (CEEI) que oferecem educação infantil na faixa etária de 4 e 5 anos de idade, e para o Ensino Fundamental, as matrículas acontecem de forma diferente.

Leia mais:  Equipe do Procon Itinerante permanece até sexta-feira (30) no bairro Pedra 90

Ao acessar o link, os pais já estarão fazendo as matrículas que devem ser confirmadas com a entrega dos documentos solicitados no edital, na unidade educacional.

Nessas modalidades, a oferta de vagas está universalizada no município. Em algumas situações, os pais não conseguem a vaga na unidade que desejam, mas a Secretaria de Educação deve orientar nesses casos, sobre as unidades educacionais mais próximas.

Sobre a Educação de Jovens e Adultos (EJA), os interessados devem comparecer pessoalmente nas unidades de Ensino que oferecem essa modalidade.

Para tirar dúvidas a secretaria disponibiliza o telefone 0800 646 2003 da Comissão Permanente de Organização da Demanda Escolar (Cpode).

Também no site da Prefeitura de Cuiabá, no link ‘Educação’, estão listadas as unidades educacionais da rede pública por regional.

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Vacina contra Covid-19 em Cuiabá: veja quem pode ser vacinado hoje e o que fazer

Publicado

A vacinação contra a Covid-19 começou no dia 20 de janeiro em Cuiabá. Atualmente, a vacina contempla apenas trabalhadores de unidades de saúde públicas e privadas do município.

A prefeitura informou que até o recebimento de novas doses pelo Ministério da Saúde, deixarão de ser vacinados os servidores administrativos que não prestem assistência direta aos casos de Covid-19, aqueles que se encontram em afastamento ou inativos, e ainda os profissionais de saúde autônomos dos consultórios e similares.

Já os grupos indígenas são vacinados pelo estado desde o dia 19 de janeiro. Elidia Takiro Peruare, de 64 anos, foi a primeira índia vacinada contra a Covid-19 em Mato Grosso, na Casa de Saúde Indígena (Casai) de Cuiabá.

 

Quem pode ser vacinado no município

Equipe volante responsável pela vacinação;
Profissionais dos hospitais, pronto atendimento, laboratórios e centro de diagnóstico por Imagem que fazem exames para Covid-19, unidades de saúde da Atenção Primária e Secundária e Vigilância em Saúde

O que fazer se você está nos grupos acima

Os imunizantes são aplicados por equipes de saúde da Prefeitura de Cuiabá. A vacinação de todos os grupos citados acima acontece no Centro de Eventos do Pantanal.

Leia mais:  Secretaria amplia diagnóstico de ações em comunidades de agricultores familiares

A prefeitura informou que a capital já possui doses suficientes para imunizar 75,7% dos trabalhadores da saúde da rede pública e privada da cidade, inclusos no grupo 1 do plano nacional de imunização contra a Covid-19, definido pelo Ministério da Saúde. No grupo 1, estão inseridos 23.371 trabalhadores da saúde.

 

 

 

 

 

G1

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana