conecte-se conosco


Política

Maluf recebe 11 votos e é o candidato da ALMT à vaga de conselheiro

Publicado

Foto: JLSIQUEIRA / ALMT

O deputado estadual Guilherme Maluf (PSDB) foi eleito pelo Colégio de Líderes, na noite dessa quarta-feira (20), para disputar em plenário a vaga de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE). Seis postulantes tiveram os nomes apresentados ao Colégio de Líderes, sendo que dois deles retiraram o nome da disputa no momento da apresentação.

Os deputados Sebastião Rezende (PSC) e Dilmar Dal Bosco (DEM) declinaram da candidatura à vaga, permanecendo na disputa os deputados Max Russi (PSB) e Guilherme Maluf (PSDB), o juiz Eduardo Calmon de Almeida Cezar e o contador Luiz Mário de Barros. Max Russi recebeu 10 votos, Eduardo Calmon 2 votos, e Guilherme Maluf foi o escolhido por 11 deputados. O contador Luiz Mário não recebeu nenhum voto.

Sobre a indicação do novo conselheiro, o presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), Eduardo Botelho (DEM), destacou a oportunidade dada a todos os parlamentares de participar do processo de escolha. “Foi um escolha democrática, com uma disputa acirrada, mas isso é o Parlamento, muita discussão, debate e ao final se chegou a um resultado”, resumiu o presidente da Assembleia, Eduardo Botelho.

Leia mais:  Thiago Silva foca trabalho em prol da educação e agricultura familiar

O deputado Guilherme Maluf parabenizou todos os candidatos que participaram e destacou a transparência do processo. “Ainda temos que ir a plenário, mas agradeço os votos recebidos e agora vou para a sabatina. Vou procurar os colegas deputados, conversar e fazer um trabalho de convencimento para conseguir os 13 votos”.

Agora o deputado Guilherme Maluf deverá passar por arguição em sessão pública e posterior votação em plenário para rejeição ou aprovação do nome para assumir a vaga de conselheiro no TCE. O presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), Eduardo Botelho (DEM), afirmou que a eleição será realizada já na próxima terça-feira (26) durante sessão ordinária.

Caso tenha o nome aprovado, será publicado o projeto de resolução referente à eleição, e o governador do estado será informado para fazer a nomeação do conselheiro do Tribunal de Contas do Estado. Se rejeitado, será aberto prazo de 72 horas para apresentação de novas indicações, sendo vedada a reapresentação de indicados anteriormente.

Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Prefeitura de Lucas do Rio Verde (MT) abre concurso com 55 vagas e salário de até R$ 7 mil

Publicado

por

Por G1 MT

A Prefeitura de Lucas do Rio Verde publicou, nessa quinta-feira (27), o edital de abertura do concurso público nº 01/2020 para vagas efetivas em diversos cargos. As inscrições serão realizadas do dia 13 de março de 2020 até o dia 1º de abril de 2020.

Clique aqui para ver o edital do concurso.

Ao todo, serão 55 vagas para contratação imediata em 13 cargos e ainda classificação para cadastro reserva. Os salários variam de R$ 1.919,89 a R$ 7.055,71.

Este é o segundo concurso público lançado. Em 2019, a prefeitura realizou concurso para contratação de um engenheiro, um advogado e 16 guardas municipais.

As inscrições do concurso público serão feitas exclusivamente pela internet, no site da banca organizadora.

As taxas custam R$ 60, R$ 80 e R$ 120 para os níveis fundamental incompleto, fundamental completo, médio/técnico e superior, respectivamente. A solicitação de isenção da taxa de inscrição seguirá os critérios dispostos no edital e deverá ser feita de 13 a 19 de março.

Leia mais:  MT nomeia 42 e exonera 34; ex-deputado e ex-secretário de Silval ganham cargos

A seleção ocorre por meio de provas objetivas e práticas para os cargos de níveis fundamental incompleto, fundamental completo, médio e técnico. Já para os cargos de nível superior, além das provas objetivas, também haverá provas dissertativas e de títulos.

As provas objetivas são obrigatórias para todos os cargos e está agendada para o dia 3 de maio. As provas práticas, dissertativas e entrega de títulos estão previstas para dia 7 de junho.

Conforme o edital, a previsão é de que o resultado seja divulgado no dia 30 de junho de 2020.

Confira os cargos e vagas:

  • – Ajudante administrativo (40 horas) – 5 vagas + reserva – R$ 1.956,62
  • – Almoxarife (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 2.387,40
  • – Analista em tecnologia da informação (40 horas) – 2 vagas + reserva – R$ 5.612,39
  • – Auditor fiscal do município (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 7.055,71
  • – Fiscal de tributos (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 2.387,40
  • – Motorista de caminhão (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 2.319,44
  • – Motorista de transporte escolar (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 2.319,44
  • – Operador de máquinas (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 2.392,01
  • – Padeiro (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 1.919,89
  • – Professor de pedagogia (30 horas) – 40 vagas (38+2 PCD) + reserva – R$ 3.840,14
  • – Técnico administrativo educacional – área Monitoria (40 horas) – cadastro reserva – R$ 1.956,62
  • – Técnico administrativo educacional – área Secretaria (40 horas) – cadastro reserva – R$ 1.956,62
  • – Técnico agrícola (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 2.855,69
Leia mais:  Thiago Silva foca trabalho em prol da educação e agricultura familiar

Comentários Facebook
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana