conecte-se conosco


Polícia

Mais de 600 veículos são arrematados em leilão da PRF

Publicado

Cerca de R$ 1,3 milhão foram arrecadados e utilizados para pagar os débitos dos bens

O leilão de veículos da Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Mato Grosso, realizado entre os meses de fevereiro e agosto, resultou em 603 veículos arrematados e mais de R$ 1,3 milhão em valores arrecadados.

A hasta ofereceu mais de 800 veículos classificados como documentáveis (recuperáveis para circulação), sucatas (para reciclagem de peças, com numeração de motor e câmbio inservíveis) e material ferroso (destinado a prensagem e siderúrgicas).

O valor arrecadado foi utilizado para o pagamento dos débitos dos veículos, que se encontravam em pátios contratados pela PRF, alguns há anos.
Um novo leilão acontecerá a partir de setembro, desta vez dos veículos que se encontram nos pátios da própria PRF, junto às delegacias e Unidades Operacionais.

Neocleciana Gonçalves – NUCOM PRF MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Mais um alvo da operação Mantus tem prisão cumprida em Pernambuco
publicidade

Polícia

PRF apreende 37.000 kg de adubo ilegal em Rondonópolis/MT

Publicado

Fiscais do MAPA colaboraram com a ocorrência

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), com apoio de uma equipe do Ministério da Agricultura Planejamento e Abastecimento (MAPA), apreendeu uma carga de adubo sendo comercializada ilegalmente, em Rondonópolis.

Na manhã desta quinta-feira (17), a equipe PRF abordou o caminhão Scania/G 420 A4X2, de cor vermelha e placas de Rondonópolis, ao qual estavam acoplados dois semirreboques. O veículo foi abordado após o condutor, de 38 anos, efetuar um retorno proibido, no Km 208, da BR-364.

O condutor apresentou a documentação da carga, que segundo a Nota Fiscal, seria de varredura de adubo. Ao verificar a carga, os PRFs desconfiaram que a carga transportada não seria a descrita na documentação fiscal. A carga nos semirreboques estava acondicionada em bags e aparentemente não estava contaminada. Varredura de adubo apresenta contaminação por diversas substâncias e geralmente é transportada a granel.

O veículo foi conduzido até a Unidade Operacional da PRF, onde se encontravam os fiscais do MAPA que recolheram uma amostra do produto para análise. Através de consulta aos sistemas, foi constatado que a empresa que estava vendendo a mercadoria não possui registro de estabelecimento produtor, portanto não pode comercializar esse tipo de produto.

Leia mais:  Homem que é invadiu prefeitura armado é autuado pela Polícia Civil

Diante das circunstâncias, a ocorrência foi encaminhada para Polícia Civil, em Rondonópolis.

SECOM PRF MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana