conecte-se conosco


Cidades

Lotação das UTIs de hospitais particulares chega a 86% em MT

Publicado

Os hospitais particulares de Mato Grosso também estão próximos de não terem mais vagas de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para os pacientes com covid-19. A taxa de ocupação chegou a 86,5%, bem maior dos que os 70% de ocupação das UTIs públicas.

 

Em nota, o Sindicato dos Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Estado de Mato Grosso (Sindessmat) afirmou que o número de pacientes internados em hospitais particulares por causa do novo coronavírus tem aumentado.

Em 8 de janeiro 80% dos leitos de UTI exclusivos para covid-19 estavam ocupados. Uma semana depois, em 15 de janeiro, essa taxa já era e 86,5%. Já a ocupação geral de leitos para covid-19 (enfermaria e UTI) está em 73%.

 

A situação é de alerta no estado, não só nos hospitais particulares como no Sistema Único de Saúde (SUS). Segundo secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, apesar das UTIs públicas estarem com 70% de ocupação, o momento é de preocupação, pois na primeira onda da pandemia em 15 dias a taxa de ocupação saiu de 70% para 100%.

Comentários Facebook
Leia mais:  Semob garante ordenamento do trânsito durante procissões na Sexta-Feira da Paixão
publicidade

Cidades

Movimento municipalista deve se reunir com ministro da Saúde após reunião do Conselho Político da CNM

Publicado

por

O presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Glademir Aroldi, anunciou nesta segunda-feira, 1º de março, que o movimento municipalista deve se reunir nesta semana com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, para discutir a aquisição e distribuição de novas vacinas pelo país. A informação foi confirmada pelo líder municipalista durante Assembleia da Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe) com prefeitos do Estado.

Aroldi disse que esteve reunido com Pazuello nesta segunda-feira e que vai repassar as informações do encontro aos presidentes das entidades estaduais em reunião do Conselho Político da CNM, marcada para amanhã. Depois de ouvir as demandas das lideranças de cada Estado e construir a pauta municipalista, será marcada uma nova agenda ainda nesta semana com o ministro da Saúde para que os presidentes da CNM e das estaduais possam apresentar as demandas prioritárias em relação à vacinação.

“Vamos convocar todos os presidentes das entidades estaduais para a reunião do Conselho Político e informar o resultado desse encontro que é alinhar a pauta municipalista. Vamos buscar uma ação efetiva para que possa ser disponibilizada vacina suficiente para a população por meio do Programa Nacional de Imunização sem que nenhuma região fique para trás nesse processo tão grave de enfrentamento a essa pandemia”, destacou Aroldi.

Leia mais:  “Prefeito no seu bairro” aproxima população da gestão

O presidente da CNM ainda cumprimentou os prefeitos pela reeleição do presidente José Patriota na condução da Amupe. “Encerro parabenizando os nossos prefeitos pernambucanos por essa compreensão de manter o presidente Patriota liderando o movimento municipalista pernambucano. Decisão acertada e coerente. Precisamos muito desse líder e da sua diretoria para atuar junto ao governo pernambucano e cobrando do governo federal aquilo que é de direito dos Municípios. Vamos estar juntos nesse processo de defesa do fortalecimento da gestão local”, ressaltou o presidente da CNM.

A Assembleia da Amupe também contou com a participação do governador de Pernambuco Paulo Câmara.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana