conecte-se conosco


Agricultura

Inscrições para participar da Iran Agrofood 2019 vão até o dia 21

Publicado

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) em parceria com o Ministério das Relações Exteriores (MRE) está promovendo missão comercial ao Irã para participar da feira Iran Agrofood 2019, que ocorrerá de 18 a 21 de junho, em Teerã.

A Iran Agrofood é a principal feira do setor agrícola do Irã e completa 26 anos de existência neste ano. O evento oferece uma plataforma de negócios ideal tanto para exportadores estrangeiros quanto para importadores iranianos.

A feira ocorre simultaneamente à Iran Food+BevTec, Iran Bakery+ Confectionery, Iran Food Ingredients e Iran Food+Hospitality. No ano passado, 1.225 expositores de 29 países e mais de 40 mil visitantes participaram desses eventos que oferecem oportunidades de contatos comerciais, de negócios e abertura de mercados.

Na edição de 2018 o Pavilhão Brasil teve 11 empresas expositoras de diferentes setores, tendo sido realizadas mais de 485 negociações durante a feira, movimentando US$ 5,6 milhões em negócios fechados e com expectativa de mais US$ 27,6 milhões nos 12 meses seguintes.

Leia mais:  Cadastro Ambiental Rural tem mais de 5,8 milhões de propriedades registradas

As empresas brasileiras que forem selecionadas para participar da Iran Agrofood 2019 como expositoras contarão com estrutura completa, incluindo recepcionistas bilíngues, catálogo institucional e mobiliário para preparação e exposição de produtos, bem como para reunião com potenciais compradores. Podem se inscrever empresas da indústria de alimentos e bebidas, comerciais exportadoras, tradings, entidades setoriais e cooperativas para a promoção exclusiva de produtos brasileiros.

As inscrições vão até o próximo dia 21 de abril. Para mais informações sobre como participar acesse o site:

 

Mais informações à imprensa:Coordenação-geral de Comunicação Social
[email protected]

Fonte: MAPA GOV
Comentários Facebook
publicidade

Agricultura

Brasil recorre à OMC contra barreira da Indonésia ao frango brasileiro

Publicado

por

O Brasil vai acionar a Indonésia na Organização Mundial do Comércio (OMC), em Genebra, na Suíça, para contestar as barreiras criadas pelo país para dificultar a importação de carne de frango. Ontem (13), o governo brasileiro circulou em Genebra um pedido de painel contra a Indonésia. O pedido será examinado no Órgão de Solução de Controvérsias (DSB), em reunião prevista para o próximo dia 24 de junho.

A divergência com a Indonésia tem cinco anos. Em 2017, o país ganhou uma disputa contra aquele país na OMC, e os juízes deram prazo até junho do ano passado para os indonésios eliminarem as barreiras contra o frango brasileiro. Até hoje, porém, o país asiático não autorizou as exportações brasileiras. A ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) visitou a Indonésia no mês passado, e a exportação de carnes foi um dos temas da conversa. Na ocasião, a ministra pediu uma reposta ao governo indonésio sobre a missão técnica daquele país que visitou frigoríficos no Brasil em  abril de 2018.

O DSB terá de examinar se os indonésios implementaram as determinações da OMC, além de tentar descobrir se o país continua violando o Acordo SPS (sobre barreiras sanitárias e fitossanitárias), ao atrasar, sem justificativa, o reconhecimento sanitário dos exportadores brasileiros. Pelas regras da OMC, os países não podem retardar indefinidamente a concessão das autorizações sanitárias. O órgão não identificou motivos para a demora na conclusão dos procedimentos.

Leia mais:  Ambev de Juatuba (MG) volta a funcionar nesta terça-feira

Na viagem, Tereza Cristina disse ao  ministro da Agricultura da Indonésia, Amran Sulaiman, que o Brasil tem condições de suprir a demanda por proteína animal dos indonésios, principalmente de carne bovina, sendo um fornecedor alternativo e com preços mais baratos em relação à carne da Austrália, de onde vem a maior parte da carne consumida no país. A Indonésia tem 264 milhões de habitantes e pode representar um importante mercado para as exportações brasileiras.

Mais informações à imprensa:
Coordenação-geral de Comunicação Social
[email protected]

Fonte: MAPA GOV
Comentários Facebook
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana