conecte-se conosco


Mato Grosso

Índios cultivam soja sem agrotóxico em 2,2 mil hectares de lavoura em MT

Publicado

Por Eduardo Kotaki, TV Centro América

Os índios das etnias Manoki, Nambiquara e Paresi realizam a colheita de 2,2 mil hectares de soja convencional, em Campo Novo do Parecis, a 397 km de Cuiabá. Eles desenvolvem a agricultura nas terras indígenas há 15 anos e mais de 17 mil hectares são destinados ao plantio de grãos.

De acordo com o presidente da cooperativa indígena, Ronaldo Zokezomaiake, 95% do tratamento dos grãos são feitos sem o uso de agrotóxicos.

“Realizamos o tratamento biológico para tentar erradicar a questão química, pois temos cuidado com as questões ambientais”, pontuou.

A mão de obra é dos próprios índios que trabalham na terra para garantir o sustento da família.

“Fico muito orgulho de nós índios conseguirmos trabalhar dentro da própria terra”, ressaltou o encarregado da área, Jucinei Ozoizaece.

Para o operador de máquina Cleomar Azonazokae, de 23 anos, o trabalho que eles realizam na região é importante, pois não precisam buscar trabalhos fora de suas terras.

Leia mais:  Patrulhamento policial prende quatro suspeitos agindo em três bairros de Rondonópolis

“É um prazer enorme de poder trabalhar com as máquinas e mostrar para o nosso povo do que somos capazes”, disse.

A venda

Os grãos colhidos na região são destinados às multinacionais para que seja realizado a exportação do produto.

No entanto, os índios não conseguem fazer a venda direta, pois não possuem o licenciamento ambiental nas áreas de cultivo. Com isso, eles realizaram uma parceria com os fornecedores de insumos, que passaram a ser os responsáveis pela negociação.

Os índios compram os insumos, fornecem o maquinário e a mão de obra e, em troca, recebem o valor total do lucro.

A cada saca de 60 kg, eles recebem R$ 63. Para os produtores, esse valor poderia ser maior se eles tivessem autonomia para explorar as próprias terras.

“É necessário um licenciamento. Estamos tentando resolver junto aos órgãos do governo e logo poderemos ter a origem do nosso produto e comercializar direto com os armazéns”, explicou o presidente.

Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Campeão mato-grossense será conhecido no próximo domingo na Arena Pantanal

Publicado

por

Sede dos jogos realizados na Capital desde o início do campeonato estadual, a Arena Pantanal recebe no próximo domingo (21), às 15h, a partida decisiva entre Cuiabá Esporte Clube e Operário Várzea-grandense (CEOV). Os portões serão abertos a partir das 13h.

Para deixar o estádio em condições de funcionamento, a Secretaria de Estado de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel/MT) está tomando as providências necessárias que vão desde a manutenção do gramado ao atendimento das exigências sanitárias.

“Nossa operação consiste inicialmente no cuidado e preparo do gramado nos dias que antecedem os jogos, na higienização dos pontos de comercialização de alimentos, na vistoria de banheiros, vestiários das equipes e de arbitragem e demais setores utilizados”, explica o superintendente de infraestrutura esportiva da Secel, Maurício Dias de Mendonça.

O superintendente também esclarece que nenhum alimento é manipulado no local. “As áreas destinadas à venda de comidas e bebidas são higienizadas. Porém, para atender os requisitos da vigilância sanitária, os alimentos já chegam prontos à Arena”.   

O segundo e último confronto da final terá entrada gratuita para mulheres e crianças. Para os demais torcedores, os ingressos custarão R$ 5 (meia) e e R$ 10 (inteira). Os valores foram definidos pelo Dourado, como é conhecido o time de Cuiabá, por ser mandante dessa partida de volta. Os ingressos estarão à venda a partir desta quinta-feira (18), nas bilheterias do Ginásio Aecim Tocantins. 

Leia mais:  Governo deposita até R$ 2 mil nas contas dos servidores nesta quinta (14)

Por ter vencido o Operário por 2 a 0 no primeiro jogo da final, o Dourado abriu vantagem na disputa, precisando apenas de um empate para levantar o troféu de campeão mato-grossense 2019. Além disso, o clube da Capital chega de forma invicta à final.

Já o tricolor várzea-grandense – que também chegou invicto à decisão e só perdeu no primeiro duelo da fase final no último domingo – segue acreditando até o último minuto na possibilidade do título estadual. Para isso, conta com o apoio da torcida que estará nas arquibancadas  incentivando o time. 

Torcedores do Cuiabá ocuparão os setores Oeste e Sul da Arena, e a torcida operariana ficará no setor Norte. A equipe da Secretaria Adjunta de Esporte e Lazer também se organiza para ajudar no controle de acesso e orientação aos torcedores, uma das determinações do Juizado Especial do Torcedor – JET.

Campeonato Brasileiro Feminino A-2

Na quinta-feira (22), às 20h, a Arena Pantanal receberá a partida da terceira rodada do Campeonato Brasileiro Feminino série A2. As meninas do Operário F.C, de Várzea Grande, enfrentam o Atlético-AC.

Leia mais:  Superintendente da PRF em Mato Grosso aponta os números da Operação Natal no estado. Ouça áudio.

O Brasileirão Feminino A-2 garante o acesso para a série A-1 aos semifinalistas do torneio. Nesta primeira fase, o Operário disputa com outras cinco equipes do Grupo 2, do qual faz parte.

Jogos Universitários no Ginásio Aecim Tocantins

O Ginásio Poliesportivo Aecim Tocantins, que também faz parte do Complexo Arena Pantanal, sediará as partidas de handebol da edição dos Jogos Universitários Mato-grossenses (JUM’s) 2019 – Cuiabá 300 anos.

De 19 a 21 de abril, mais de 600 atletas, que representam 13 universidades/campus do Estado, participam da competição. Além do handebol, que será disputado no Ginásio Aecim Tocantins, os Jogos Universitários Mato-grossenses contam ainda com as modalidades de futsal, voleibol, basquetebol, badminton, xadrez e tênis de mesa.

Agendamento de eventos no Complexo Arena Pantanal

Os interessados devem buscar informações no site: www.esportes.mt.gov.br/-/use-o-complexo-arena-pantanal. Ou ainda no telefone: (65) 3613-4947.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana