conecte-se conosco


Mato Grosso

Incêndio no Parque Estadual Encontro das Águas está parcialmente controlado

Publicado


Após 20 dias de atuação, as equipes do Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso (CBMMT), junto com as demais forças integradas na Operação Guardiões do Pantanal II, conseguiram conter, parcialmente, o incêndio que estava queimando a vegetação seca dentro do Parque Estadual Encontro das Águas (PEEA), na região de Porto Jofre, no Pantanal mato-grossense. A força-tarefa teve início em 04 de setembro, quando foram detectados focos de fogo dentro da unidade de conservação ambiental. 

Segundo relatório do CBMMT, as duas aeronaves Air Tractor 802, contratadas pela Secretaria Adjunta de Defesa e Proteção Civil, com recursos do Governo de Mato Grosso lançaram um total de 68.820 litros d’água, nos pontos com fogo ativo dentro e fora do PEEA. Em solo, as equipes combateram o fogo com outros recursos; abafadores, sopradores e mochilas costais no trabalho de 24 horas por dia.

A operação de combate ainda permanece ativa. Uma equipe com 36 pessoas, entre civis e militares continuam presentes na região. A medida preventiva é necessária porque devido ao intenso calor, alta temperatura que ultrapassa os 40°, além do forte vento predominante, existe possibilidade de reaparecimento de focos de fogo. No campo, pequenas brasas ficam ativas em troncos e galhos; é nesses locais que ficam concentradas as equipes com atenção redobrada no monitoramento.

Leia mais:  Sesp e Aprosoja se reúnem para aperfeiçoar estratégias de combate ao crime

O monitoramento via satélite do Comando Regional I do CBMMT mostra que o fogo consumiu uma área de 5.725 hectares dentro do PEEA. Fora da unidade, o incêndio queimou 3.775 há de vegetação, sendo o total de área 9.500 ha.

A Operação Guardiões do Pantanal ll teve reforço de aeronaves do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMbio), tratores que foram enviados pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), brigadistas do SOS Pantanal e a empresa Águas Cuiabá, que disponibilizou um caminhão-pipa, além dos pantaneiros que também estão envolvidos no combate ao fogo.

Redução 93.38% de queimadas dentro PEEA em 2021

Segundo os dados do Laboratório de Aplicações de Satélites Ambientais (LASA/UFRJ), durante o período de estiagem em 2020, o fogo queimou uma área de 86.550 hectares de vegetação dentro do PEEA. Neste primeiro incêndio de 2021, reta final do período de estiagem no Pantanal, apenas 5.725 ha foram consumidos pelo fogo, uma queda de 93,38%. Essa redução é resultado da rápida atuação das guarnições do CBMMT que conseguiram controlar o incêndio, evitando uma maior destruição da biodiversidade.

Leia mais:  Homem sai da cadeia volta a ameaçar a ex, atira em policiais e acaba preso novamente

O Parque Estadual Encontro das Águas está delimitado em uma área de 108 mil hectares, um ponto explorado pelos turistas para a observação de onça-pintada.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Conselho aprova minuta para revisão da Política Estadual do Turismo de Mato Grosso

Publicado


Os representantes do Conselho Estadual de Desenvolvimento do Turismo (Cedtur) aprovaram a minuta para revisão da Lei n°10.183/2014, que dispõe sobre a Política Estadual de Turismo em Mato Grosso. A decisão ocorreu durante a 3ª reunião ordinária do conselho realizada nesta segunda-feira (18.10), na Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso (Sedec-MT).

A nova proposta leva em conta ações mais efetivas para o setor, com diretrizes estratégicas e desafios do Turismo no Estado, considerando as mudanças provocadas pela pandemia. Além da criação de uma logomarca oficial para o Descubra MT. As alterações ainda passarão por análise e votação na Assembleia Legislativa (AL-MT).

Na ocasião também foram deferidas sugestões e ponderações de cada entidade representada no Cedtur sobre o mapa do turismo, que será publicado no segundo semestre deste ano. Bem como, foi aprovada a minuta do projeto que cria o “Selo do Amigo da Melhor Idade no Turismo”, desenvolvido pela Associação Brasileira dos Clubes da Melhor Idade de Mato Grosso (ABCMI).  A iniciativa, única no país, visa fomentar o turismo na Melhor Idade por meio da certificação gratuita de municípios mato-grossenses que prestarem serviços turísticos voltados aos idosos.

Leia mais:  PGE lamenta morte de procurador e decreta luto oficial

Também foram debatidos temas como a participação em feiras e eventos, a revogação da resolução nº 004/2020, para contratação de sistema online de mineração de dados, a ampliação do Fundo do Turismo (Fundtur), o festival Bar em Bar, a campanha Natal Premiado da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), entre outras definições.

De acordo com o presidente do Cedtur e secretário de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso, César Miranda, as ações discutidas fazem parte da recuperação do turismo no Estado. “Estamos trabalhando para retomar a economia e o turismo foi um dos setores mais prejudicados em relação a pandemia, por isso, estamos focando em iniciativas que darão resultados imediatos e a médio prazo”, conclui.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana