conecte-se conosco


Polícia

Homem é preso pela segunda vez por descumprimento de medidas protetivas contra ex-companheira

Publicado

Um homem suspeito de perseguir e ameaçar a ex-companheira teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil, nesta terça-feira (09.02), em trabalho realizado pela Delegacia Especializada de Defesa da Mulher Criança e Idoso de Várzea Grande (DEDMCI-VG).

O suspeito, de 54 anos, teve a ordem de prisão preventiva decretada por descumprimento de medida protetiva expedida em favor da ex-companheira.

No dia 1º dezembro de 2020, a vítima procurou a Delegacia da Mulher de Várzea Grande para relatar que estava separada do ex-companheiro há aproximadamente cinco meses e que ele estava descumprindo as medidas protetivas impostas pela Justiça.

De acordo com a comunicante, o suspeito já havia sido preso anteriormente por descumprimento da ordem judicial, porém desde que deixou a cadeia continuava a procurá-la, passando em frente a sua casa e dizendo que mesmo se ela mudasse de endereço ele a encontraria, onde ela estivesse.

Diante das evidências, foi representado pelo mandado de prisão preventiva do suspeito, o qual foi deferido pela Justiça e devidamente cumprido pelos policiais da DEDMCI-VG nesta terça-feira (09).

Leia mais:  Governo de MT renova aluguel de mansão no Alphaville para seguranças de Mauro Mendes

O suspeito foi conduzido à delegacia para as providências cabíveis e posteriormente encaminhado para unidade prisional em Várzea Grande.

Comentários Facebook
publicidade

Polícia

Operação Lei Seca autua 32 motoristas por irregularidades em Cuiabá

Publicado

A ação foi realizada no bairro Santa Helena. Do total de infrações de trânsito, sete foram por conduzir veículo sob efeito de álcool (Art. 165).

Operação Lei Seca deflagrada na noite desta quarta-feira (03.03), na Avenida Miguel Sutil, em Cuiabá, resultou na confecção de 32 Autos de Infração de Trânsito (AIT’s). A ação começou às 21h20 e seguiu até às 23 horas, no bairro Santa Helena. Uma pessoa foi presa por embriaguez ao volante.

Ainda no período, foram realizados 58 testes de alcoolemia (bafômetro) e 18 veículos, entre carros e motocicletas, foram recolhidos.

Do total de infrações de trânsito, sete foram por conduzir veículo sob efeito de álcool (Art. 165), cinco foram por recusa a realizar o teste de alcoolemia (Art. 165-A), quatro por conduzir veículo sem habilitação (Art. 162), dentre outros.

A Operação Lei Seca é realizada de forma integrada e coordenada pelo Gabinete de Gestão Integrada (GGI-E) da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT). Nesta edição, participaram representantes das Polícias Militar (PM-MT), Civil (PJC-MT) e Rodoviária Federal (PRF), Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT), Sistema Penitenciário de Mato Grosso (Sispen) e Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob).

Leia mais:  Força tarefa cumpre 8 prisões contra autores de furtos, roubos e homicídios na Capital

A multa para o motorista que é flagrado dirigindo sob efeito alcoólico é de R$ 2.934,70. No momento do teste do bafômetro, o condutor que tiver índice de álcool no sangue superior a 0,33 miligramas por litro de ar expelido será preso, pagará multa, terá a CNH suspensa e responderá por crime.

Quando a quantidade de álcool for abaixo de 0,33mg/l, o condutor é autuado, tem a CNH retida e paga multa.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana