conecte-se conosco


Sem categoria

Gugu Liberato morre aos 60 anos

Publicado

Gugu Liberato teve morte cerebral nesta sexta-feira (22) aos 60 anos de idade após sofrer um acidente em casa nos Estados Unidos. O apresentador embarcou para Orlando, onde sua mulher e filhos moram, na última terça-feira (19).

Ele foi internado nesta quinta-feira e iria ficar em observação em um hospital local durante 48 horas. O blog de Amaury Jr. informou que Gugu caiu de uma altura de 4 metros ao subir para arrumar o ar-condicionado de sua casa em Windermere, nos arredores de Orlando, onde morava com a família.

A informação da morte era dada como certa desde as 16h desta quinta-feira, mas a assessoria de imprensa do apresentador seguiu negando até que os familiares dele chegassem ao hospital. A confirmação só saiu oficialmente nesta sexta (22).

De acordo com fontes de Quem, a mãe e a mulher de Gugu estavam muito abaladas. Dona Maria do Céu, mãe dele, chegou ao hospital de cadeira de rodas e foi vista constantemente com as mãos na cabeça, em estado de choque, na recepção do hospital onde o filho segue internado.

Leia mais:  Polícia Civil investiga fraude em 20 postos de combustíveis de Cuiabá e Várzea Grande

Segundo amigos do apresentador, Gugu já estava respirando com ajuda de aparelhos e a decisão de desligar os aparelhos seria do filho, pois ele não era casado no papel com Rose Miriam. João Augusto, seu primogênito, por já ter 18 anos já podia tomar a delicada decisão. Os familiares tinham até 48 horas para decidir e, depois disso, o desligamento dos aparelhos poderia ser feito pelo hospital após dois laudos médicos.

No dia 4 de novembro, Gugu chegou a desmentir nas redes sociais um boato de que teria morrido após sofrer um infarto. “Pessoal, alguém publicou que eu tive um infarto. É FAKE, tá? Estou muito bem, obrigado”, escreveu no Twitter.

Gugu, batizado Antonio Augusto Moraes Liberato, nasceu em São Paulo em dia 10 de abril de 1959 e é filho de Augusto Claudino Liberato, um caminhoneiro, e Maria do Céu Moraes, uma lavadeira. Ele tem três filhos, João Augusto, de 18 anos, e as gêmeas Sofia e Marina, 15, frutos de seu casamento com Rose Miriam.

Leia mais:  Estilingue sendo reconhecido como modalidade desportiva em Mato Grosso

Comentários Facebook
publicidade

Sem categoria

Emanuel: Governador está equivocado; Prefeitura manda no comércio

Publicado

por

O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) disse que o governador Mauro Mendes (DEM) foi equivocado ao flexibilizar o funcionamento do comércio no Estado e disse que é a prefeitura quem ‘manda’ e determina o funcionamento do comércio no município.

As declarações foram feitas em live ao vivo nas redes sociais, na tarde desta sexta-feira (27).

“Quem disciplina a atividade econômica por força de lei é o município”, disse o prefeito.

Emanuel salientou ainda que o governador sequer conversou com ele ou com a prefeita Lucimar Campos (DEM), de Várzea Grande.

“Governador não conversou comigo e nem com Lucimar. Creio que ele foi equivocado e fiquei sabendo quando a decisão já havia sido tomada. Respeito o governador e o decreto dele, mas vai na contramão de todas as recomendações do Brasil e do mundo e isso me assustou bastante. Estamos tentando corrigir isso e a população cuiabana está entendendo isso”, disse Emanuel.

Segundo o prefeito, a população cuiabana tem seguido as orientações da prefeitura. Sobre a fiscalização, Pinheiro disse que a prefeitura vai priorizar pela orientação dos comerciantes, justamente por conta da confusão de decretos.

Leia mais:  Veículo capota com filhos do vice prefeito de Nova Xavantina Ney Welington e do ex deputado Luizinho

“Orientar e não multar. As ruas permanecem vazias e os comércios permanecem fechados. Eu peço que as pessoas sigam as orientações da prefeitura. O funcionamento do comércio na cidade é de responsabilidade da prefeitura”, salientou o prefeito.

Veja a live

Emanuel explicou que a decisão do governador foi tão equivocada que levantou ‘imediatamente’ a reação de outros setores da sociedade, como dos ministérios públicos

Para ambos, a medida do Governo coloca a população em risco. Segundo o MP, caso as medidas de isolamento não sejam adotadas, cerca de 8 mil pessoas correm risco de vida no Estado.

RAUL BRADOCK/ RepórterMT

Comentários Facebook
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana