conecte-se conosco


Mato Grosso

Grupamento de Motos da PM frustra roubo em chácara e prende três suspeitos

Publicado

Em uma ação rápida, policiais do Grupo de Motopatrulhamento Tático e da Companhia de PM do Parque Cuiabá prenderam na tarde de terça-feira (27.11), em flagrante delito, três suspeitos e frustraram assalto em uma chácara na região do bairro Nova Esperança, na rodovia entre Cuiabá e Santo Antônio de Leverger.

Foram presos Alaor Roberto da Silva, 21, Jorge Gecivaldo de Souza, 30, e Odair José Fernandes Dantas, 32, acusados de invadir a residência da chácara e fazer duas pessoas reféns, uma mulher de 56 anos e um homem de 28.

Os policiais flagraram o momento em que os suspeitos tentavam deixar o local. Eles estavam no veículo da família das vítimas, um Pajero. Estavam armados com um revólver calibre 38 e uma espingarda e levavam objetos roubados na residência.

Os suspeitos não respeitaram sinais sonoros e a ordem de parada dos policiais. Ao contrário, atiraram diversas vezes na direção da guarnição, pelo menos cinco, segundo a narrativa dos PMs. Depois, o Pajero chocou em uma cerca de arame farpado e novamente, quando se embrenhava no mato, um dos suspeitos confrontou os policiais.

Leia mais:  Novo Diretor da Acadepol tem missão de reestruturar a unidade de ensino da Polícia Civil

Esse era o segundo roubo que eles praticavam na localidade no mesmo dia. Minutos antes haviam invadido a chácara vizinha, onde renderam uma família, incluindo uma criança de 8 anos para a qual apontaram arma. Ao final, deixaram todos trancados no banheiro e seguiram para a outra chácara. As informações das vítimas são de que os suspeitos queriam armas.

Os três acabaram presos e todos os materiais roubados das duas chácaras recuperados, incluindo espingardas de pressão, máquina fotográfica, diversos televisores, aparelhagem de som, carro, entre outros. Entre os crimes que podem responder estão roubo, sequestro e cárcere privado, resistência à prisão, porte ilegal de arma de fogo e tentativa de homicídio (contra os policiais). 

Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Servidor é preso por roubar pneus novos utilizados em caminhões e retroescavadeiras

Publicado

Foram desviados pelo menos 12 pneus novos utilizados em caminhões e retroescavadeiras, causando um prejuízo de aproximadamente R$ 35 mil.

Um servidor público suspeito de desviar pneus de veículos da prefeitura de Barra do Garças, a 516 km de Cuiabá, prestou esclarecimentos na delegacia do município. Segundo a Polícia Civil, ele deve responder pelo crime de peculato.

As investigações começaram no dia 22 de março, quando o prefeito Adilson Gonçalves de Macedo registrou um boletim de ocorrência denunciando o suposto desvio.

O delegado Wilyney Santana Borges disse que várias buscas foram realizadas, até que o suspeito acabou confessando o crime. Em depoimento, ele contou que os pneus foram repassados para um comerciante como parte do pagamento na aquisição de um carro dele de luxo.

Os pneus desviados eram de veículos da Secretaria Municipal de Urbanismo.

De acordo com a polícia, nas investigações, foi apurado que pneus adquiridos para serem utilizados nas automóveis da secretaria foram desviados nos meses de novembro e dezembro de 2020, por um servidor  que exercia funções no setor de frotas da Secretaria Municipal do Meio Ambiente.

Leia mais:  Idosos da Fundação Abrigo Bom Jesus conhecem a magia do maior parque natalino de MT

Segundo o delegado, os indícios apontados no inquérito indicam que foi possível constatar o desvio de pelo menos 12 pneus novos utilizados em caminhões e retroescavadeiras, causando um prejuízo de aproximadamente R$ 35 mil.

A Polícia Civil informou que o investigado pela venda dos pneus deverá responder ação penal pelo crime de peculato, vez que na época dos desvios, exercia o cargo de funcionário público. Já o comerciante que recebeu os pneus desviados, em troca de pagamento, responderá pelo crime de receptação.

A delegacia de Barra do Garças continua as investigações para saber se havia a conivência ou participação de outros servidores municipais, envolvidos no caso dos pneus desviados.

Por G1 MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana