conecte-se conosco


Política

Garis recorrem aos vereadores de Cuiabá em busca de melhorias para a classe

Publicado

Vereador Misael Galvão apresenta convocação em regime de urgência a empresa Locar em coletivo com todos os vereadores.
Convidado pelo vereador Dilemário Alencar, o presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Limpeza Urbana, Wenderson Alves, veio denunciar as calamidades que passam os garis aqui em Cuiabá. Diversos trabalhadores da área acompanharam a sessão pelas galerias e expuseram faixas em forma de reivindicação.
Segundo Wenderson, os trabalhadores estão até sem uniformes para trabalhar. “Os garis estão trabalhando cerca de 12h por dia e isso é trabalho escravo. O contrato da prefeitura disse que tem uma quantidade de veículos para fazer a coleta, porém essa quantidade não existe. Se tiver 22 rodando, é muito, só ontem quebraram 15. Não temos nem EPIs para trabalharmos”, completou.
O vereador Dilemário que abriu espaço aos trabalhadores, afirma que irá continuar em buscar dos direitos desses trabalhadores. “Eles fazem um trabalho fundamental para a sociedade. O mais preocupante é que essa empresa que maltrata os garis acabou de vencer a licitação para continuara coleta de lixo, dobrando o contrato que sai de 23 milhões para quase 40 milhões no próximo ano. Vamos levar a comissão de garis para conversar com o secretário José Stopa e exigir que ele tome providências sobre esses casos, leva-los no Delegado Regional do Trabalho e vamos fazer uma representação junto ao Ministério de Trabalho. Isso não pode mais acontecer”.
Durante a sessão, o vereador Misael Galvão pediu para que fosse feito um requerimento de convocação ao responsável pela empresa LOCAR Gestão de Resíduos, o qual recebeu assinatura de todos os vereadores para aprovação a qual possa vir até a tribuna prestar esclarecimentos a cerca dos direitos dos reais dos trabalhadores da coleta de lixo da capital e sobre os serviços prestados pela empresa em Cuiabá.
“Quero deixar registrado essa convocação ao responsável pela empresa Locar para dar esclarecimento sobre esse fato aqui na Câmara Municipal de Cuiabá para que diante dessa denúncia gravíssima, pois não dá para aceitar no momento em que estamos vivendo hoje. Lutamos pelos direitos e reconhecimento do trabalho que os profissionais realizam a nossa cidade”, afirmou Galvão.
O requerimento foi aprovado em regime de urgência pela casa de leis.
SUSAN BENTO
Assessoria Vereador Misael Galvão

Leia mais:  José Domingos propõe gestão de dois anos no Imac, após sabatina da AL

Imprimir Voltar Compartilhar:  

Comentários Facebook
publicidade

Política

Sala da Mulher entrega 2,5 toneladas de alimentos e mais de R$ 11,5 mil a entidades filantrópicas

Publicado

por

“Só temos a agradecer ao público do Teatro Zulmira Canavarros, aos produtores culturais e, principalmente, às entidades beneficentes que farão chegar às famílias necessitadas os alimentos que arrecadamos; somos todos ‘formiguinhas’ nesse trabalho de ramificação do bem”, emocionou-se a coordenadora da Sala da Mulher, Daniella Paula de Oliveira, que representou a Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) na entrega de alimentos arrecadados por meio do “ingresso social” no espaço cultural da Casa. A entrega dos donativos aconteceu na tarde dessa sexta-feira (07/12), no ‘foyer’ do Teatro Zulmira Canavarros.

Divididas em cestas básicas, as 2,5 toneladas de alimentos foram destinadas à União Rondonopolitana de Associações de Moradores de Bairro (Uramb), à Associação de Mulheres Solidárias Joana D’Arc, à Associação Espírita Wantuil de Freitas, à Casa da União Santa Luzia, à Igreja Batista de Arenápolis e ao Sopão Solidário de Nossa Senhora do Livramento.

A Associação Espírita Wantuil de Freitas, que presta importante serviço comunitário em Cuiabá – na região do Grande CPA – recebeu 150 litros de leite, além de bolachas – para a merenda das crianças atendidas pela entidade.

Leia mais:  Sessão ordinária tem 20 matérias pautadas

“Agradecemos de coração”, externou o representante da entidade, Gilmar Lopes.

Cada uma das demais entidades beneficentes recebeu 50 cestas básicas. Tudo será destinado a famílias carentes, informaram Renan Santos – da Igreja Batista de Arenápolis -, Pedrosa Nunes – da Associação Joana D’Arc -, Nilza Sirqueira – da Uramb – e Auto Anunciação da Silva, do “Sopão de Livramento”.

Ao longo do ano, mais de 30 toneladas de alimentos foram arrecadadas e doadas por meio do trabalho realizado no Teatro Zulmira Canavarros e Sala da Mulher.

BAZAR SOLIDÁRIO

Na mesma ocasião, Rosa Zamignan – representante da Organização Nova Acrópole Cuiabá – recebeu pela entidade os recursos arrecadados no “Bazar Solidário” realizado na última quinta-feira (06/11) pela Sala da Mulher – soma que totalizou quase R$ 11,6 mil e será destinada à adequação do espaço físico.

A entidade é uma escola de filosofia, sem fins lucrativos, com o objetivo da “promoção da cultura, balizada pela formação humana”, conforme explica o diretor Roni Cezar Silva Almeida. A organização promove palestras e cursos, para que as pessoas “mudem o comportamento perante a vida, desenvolvam valores e a moral, de forma consciente”, acrescenta Zamignan.

Leia mais:  Luis Claudio celebra 40 anos do curso de Engenharia Sanitária e Ambiental da UFMT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana