conecte-se conosco


Cidades

Força-tarefa para entregar novo PS em dezembro ganha reforço com o empenho de R$ 55 mi para equipamentos

Publicado

O compromisso do prefeito Emanuel Pinheiro de concluir as obras do novo Hospital e Pronto Socorro Municipal de Cuiabá e entregá-lo em pleno funcionamento à população cuiabana em Dezembro deste ano, ganhou reforço com o empenho de pouco mais de R$ 55 milhões para a compra de equipamentos. 

O valor foi empenhado nesta quarta-feira (31), pelo Ministério da Saúde e faz parte dos R$ 100 milhões do Programa Chave de Ouro – destinados pelo presidente Michel Temer para a conclusão da obra. 

De acordo com o secretário Municipal de Saúde e coordenador da Comissão de Trabalho e Ativação do novo PS, Huark Douglas Correia, com o montante será possível realizar a compra da maioria dos equipamentos necessários ao funcionamento de quase toda a unidade hospitalar.

“Com estes R$ 55 milhões, compraremos basicamente todos os materiais necessários para o funcionamento das Unidades de Terapia Intensiva (UTI), dos centros cirúrgicos, enfermaria, emergência e internação. Faltarão apenas alguns de média e alta complexidade como de ressonância magnética e tomografia, mas estes nós compraremos com os R$ 15 milhões que devem ser entregues até a próxima semana”, explicou. 

Leia mais:  Secretário prevê pico da pandemia em MT entre setembro e outubro

Para o prefeito Emanuel Pinheiro, o empenho é o resultado do entusiasmo do ministro-chefe da Secretaria de Governo da Presidência da República, Carlos Marun, que após ver o avançado andamento da obra, em visita no último dia 22 de outubro reafirmou o compromisso em empenhar os R$ 100 milhões com o máximo de urgência. 

“O presidente Temer determinou que fosse feito um esforço complementar no sentido de que algumas obras e ações no Brasil pudessem ser disponibilizadas à população ainda neste ano. Dessa forma, o ministro veio à Cuiabá,  conheceu toda a obra, viu como estamos adiantados e compreendeu o nosso desejo de entregar este hospital e pronto socorro ainda este ano, uma vez que há quase 30 anos à população não recebe uma obra como esta na área da saúde. Frente a isso, ele se comprometeu a nos entregar o aporte financeiro o quanto antes. Com esse esforço vindo da nossa vontade de mudar para melhor a Saúde Pública em Cuiabá, apoiado pelo governo federal, se Deus quiser entregaremos o novo PS em dezembro, como nos comprometemos com nossa população”, finalizou Pinheiro.

Leia mais:  Ladrões arrombam túmulo e roubam caixão com morto em cemitério.

 

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Prefeitura publica calendário de pagamento do IPTU; veja datas

Publicado

A Prefeitura de Cuiabá estabeleceu a programação para pagamento do IPTU em 2021, que deve começar a partir de 1º de março. O Decreto nº 8.285, que determina o cronograma, foi publicado na Gazeta Municipal.

 

Assim como em outras edições, o pagamento poderá ser feito em cota única ou em até oito parcelas. O valor mínimo de cada parcela será de R$ 57,26.

 

Aqueles que não tiverem débitos de anos anteriores e optarem por quitar o IPTU em cota única até o dia 14 de abril, terão desconto de 10%. Os carnês serão enviados para todos os contribuintes que contam no Cadastro Imobiliário do Município.

 

Já as guias do IPTU de imóveis territoriais deverão ser retiradas nos postos de atendimentos do Município ou por meio do site.

 

A retirada presencial poderá ser feita no Centro Integrado de Atendimento ao Contribuinte (CIAC), nas Lojas de Atendimento ao Contribuinte (LAC-Norte e LAC-SUL), e em outros postos de atendimento que serão indicados pela Prefeitura de Cuiabá.

Leia mais:  Encontro fará acompanhamento dos planos e ações da Prefeitura de Cuiabá

 

Outra informação que o munícipe deverá ficar atento é em relação ao pedido de isenção do pagamento, que neste ano poderá ser feito no período de 1º de junho a 30 de julho, com validade até 2024.

 

Caso a solicitação seja indeferida, será concedido um prazo de 30 dias, a partir da ciência do contribuinte quanto à decisão, para que o valor seja pago sem desconto e sem a incidência de juros e multa.

 

“De acordo com os termos do art. 5º da Lei nº 5.355/2010, alterado pela Lei nº 5.797/2014, estão isentos do Imposto Predial e Territorial Urbano os imóveis residenciais com valor venal atualizado igual ou inferior a R$ 33.921, excluindo-se os imóveis territoriais, comerciais, unidades autônomas desdobradas com cadastro individualizado para fins tributários, chácaras de recreio e garagens de edifícios”, explica o decreto municipal.

 

Veja calendário de pagamento: 

 

Primeira parcela e cota única: 14 de abril

 

Segunda parcela: 14 de maio

 

Terceira parcela: 14 de junho

Leia mais:  Novo Pronto Socorro entra na reta final de ajustes para sua inauguração

 

Quarta parcela: 14 de julho

 

Quinta parcela: 13 de agosto

 

Sexta parcela: 14 de setembro

 

Sétima parcela: 14 de outubro

 

Última parcela: 12 de novembro

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana