conecte-se conosco


Mato Grosso

Ex-comandante geral da PM assume regional da Polícia Militar de Nova Mutum

Publicado

O coronel Marcos Vieira da Cunha, ex-comandante geral da Polícia Militar, assumiu nesta sexta-feira (22) o comando do 14º Comando Regional. Sediado em Nova Mutum (264 km de Cuiabá), o 14º CR é responsável pelas ações de policiamento ostensivo, de prevenção e repressão à violência, em 15 municípios.

Cunha, que já havia atuado na região por 16 anos, sendo inclusive comandante do CR, reassumiu o posto em solenidade prestigiada pelo atual comandante geral da PM, coronel Jonildo José de Assis.

Ele retorna pouco mais de dois anos depois, período em que esteve em Cuiabá onde ocupou o cargo de secretário-adjunto de Integração Operacional da Segurança Pública, por seis meses, e de comandante-geral da PM, neste último por um ano e meio.

Na nova missão, Cunha disse que prosseguirá trabalhando dentro das diretrizes operacionais do Comando da PM que, entre outras ações, prioriza a prevenção, integração das forças policiais, capacitação e valorização do policial e uma atuação proximidade à população, ouvindo e discutindo política de segurança.

Leia mais:  Escolas Militares Tiradentes oferecem 490 vagas para novos alunos

O comandante-geral deu boas-vindas ao coronel Cunha e destacou o empenho e dedicação do tenente-coronel Claudio Fernando Carneiro Souza, que esteve à frente do Comando nos últimos dois anos e reassume como comandante adjunto. A solenidade foi presidida pelo Delwison Sebastião Cruz, sub-chefe de Estado Maior.

O comandante geral, coronel Assis, sendo recebido pelo tenente-coronel Fernando pouco antes da solenidade de troca de comando

Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Fantástico denuncia hospital sem álcool em gel, sabão e toalha

Publicado

por

MATO GROSSO

A reportagem revelou que num hospital na cidade de Rondonópolis os profissionais de saúde não tem nem mesmo álcool em gel, papel toalha e sabão. É mostrando um vídeo gravado pelos profissionais mostrando a falta dos produtos básicos para conter a pandemia.

O Fantástico teve acesso com exclusividade aos relatos colhidos pela Associação Médica Brasileira e e pelo Conselho Federal de Enfermagem nas duas últimas semanas. Ao todo, são quase cinco mil denúncias e elas vêm de profissionais de todos os estados do país. São pedidos de orientação e de fiscalização de norte a sul do país, em hospitais públicos e particulares.

Comentários Facebook
Leia mais:  Sema disponibiliza documentos que embasam monumento natural do Mirante
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana